#VocêPergunta: O crente pode namorar ou casar com alguém de outra religião?

Postado por Presbítero André Sanchez, em #VocêPergunta | Imprimir Imprimir
Antes de você ler o estudo, responda a uma pergunta rápida: Você quer estudar a Bíblia com o presbítero André Sanchez de Gênesis a Apocalipse, aí no conforto do seu lar, em vídeo-aulas, de seu computador, tablet ou celular? Clique aqui e saiba como

 

#VocêPergunta: É correto o crente namorar ou casar com alguém de outra religião?

Cara leitora, vou abordar esse assunto em dois aspectos: primeiro, biblicamente. Segundo, pela observação da experiência prática.

O texto mais claro a respeito dessa questão está em 2 Co 6.14-15: “Não vos ponhais em jugo desigual com os incrédulos; porquanto que sociedade pode haver entre a justiça e a iniqüidade? Ou que comunhão, da luz com as trevas? Que harmonia, entre Cristo e o Maligno? Ou que união, do crente com o incrédulo?”

Crente pode namorar ou casar com não crente?Observe nesse texto a menção das palavras “sociedade”, “comunhão”, “união”, “harmonia”. Ou seja, o crente deve abster-se de contrair esse tipo de “aliança” com os incrédulos. E isso por um simples fato: Haverá problemas sérios nesse tipo de aliança, pois, como o bem poderá ficar associado com o mal e viver em paz? Como o correto ficará em harmonia com o incorreto? Não há como haver harmonia e crescimento nesse tipo de relação. Isso é chamado de “jugo desigual”, ou seja, os dois não estarão andando em um mesmo caminho, em um mesmo ideal, o que acarretará muitos malefícios, inclusive espirituais.

Assim, nesse texto podemos observar claramente que um casamento ou mesmo um namoro de um crente com alguém de outra religião, que não tem os mesmos valores cristãos, é desaconselhado por Deus.

No Antigo Testamento vemos também o cuidado da família em escolher uma esposa (o) para o filho (a) que fosse do mesmo povo, que partilhasse a fé no mesmo Deus. Foi o caso de Abraão: “Disse Abraão ao seu mais antigo servo da casa, que governava tudo o que possuía: Põe a mão por baixo da minha coxa, para que eu te faça jurar pelo SENHOR, Deus do céu e da terra, que não tomarás esposa para meu filho das filhas dos cananeus, entre os quais habito; mas irás à minha parentela e daí tomarás esposa para Isaque, meu filho.” (Gn 24.2-4)

As “filhas dos cananeus” eram mulheres de um povo pagão que cria em outros deuses, que não criam no Senhor. É a mesma coisa de alguém que crê em Jesus Cristo e vive uma vida séria com Ele, namorar ou casar com alguém que tem fé em outro deus. Abraão, como homem de Deus que era, sabia desse perigo para a vida de um servo de Deus.

De uma forma simples e direta esses são alguns dos argumentos bíblicos sólidos que desaconselham esse tipo de relação.

Agora, vamos à segunda parte, a parte da experiência prática:

Aqui vou listar 5 razões, baseadas na experiência prática, que mostram que a Bíblia está certa em proibir um relacionamento amoroso com alguém que tem uma fé incompatível com a Palavra de Deus:

1- Você está disposto a fazer concessões?

O começo do namoro é conhecido pelos altos níveis de paixão que quase cegam o casal. Ambos estão dispostos a fazer concessões para agradar o outro. E no caso de sua fé, como fica? Se ele aceitar frequentar algumas reuniões da sua igreja, como será quando chegar a sua vez de frequentar o local onde ele presta culto? Você aceitará se curvar diante de outro deus para agradar seu namorado? Aceitará participar de rituais que desagradam a Deus para agadá-lo? Quando forem se casar casarão na sua igreja ou na dele? Aceitará participar de um ritual pagão sendo crente em Cristo Jesus? Essas são apenas algumas questões!

2- Quais valores irão prevalecer?

E quanto a questões fundamentais como o sexo antes do casamento? Prevalecerá a sua visão ou a visão dele? E com relação ao serviço na obra de Deus, dízimos, ofertas, evangelização…? Prevalece o que você crê, ou você abre mão do que crê pelo “amor” por ele? Quando casados e tiverem filhos, quais ensinamentos darão aos seus filhos? O do cônjuge crente ou o do não crente? E se ele começar a resistir às suas convicções de fé? Agradará a Deus ou a ele?

3- Logo aparecerão conflitos sérios

Qualquer relacionamento normal tem seus conflitos. Mas é evidente que conflitos por causa da fé são muito mais sérios, pois mexem em uma área muito especial da vida do ser humano. Conflitos que decorrem da área espiritual tem grande potencial de destruir o relacionamento, e é justamente isso que Deus deseja evitar quando não aprova esse tipo de relacionamento para seus servos. Não são poucos os casos que têm de ser tratados por pastores, onde um dos cônjuges está ferido por estar desagradando a Deus em prol de seu parceiro. Sem contar os inúmeros casos de crentes que se desviam da fé por não conseguirem conciliar o relacionamento amoroso em “jugo desigual” com o relacionamento com Deus.

4- Não existem contos de fadas

Minha experiência de 7 anos de casado (e de muitas outras pessoas) me mostra que contos de fadas não existem. Não espere mudanças extraordinárias depois do “sim” do namoro ou depois do “sim” no altar. A pessoa não mudará, você não mudará. A tendência é que a convivência acentue ainda mais as diferenças, principalmente as que dizem respeito à fé de cada um. E acredite, somente tendo uma fé no mesmo Deus, tendo uma parceria fundamentada na mesma fé, o casal conseguirá permanecer em uma harmonia saudável.

5- A desobediência a vontade de Deus terá consequências

Logo no início do artigo expus aquilo que a Bíblia orienta sobre a questão. Sendo assim, qualquer desobediência à vontade de Deus, trará consequências desagradáveis à vida do crente. Por isso, a melhor coisa é buscar em Deus uma pessoa Dele para que você goze da felicidade no relacionamento. Eu posso testemunhar que vale a pena ser obediente a Deus. Namorei uma pessoa não crente e fui muito infeliz. Somente depois de achar alguém que realmente amava a Deus como eu, consegui ser feliz no relacionamento.

No final das contas é uma questão de fé! Você crê que Deus pode preparar alguém especial para você? Estão creia de verdade e não meta os pés pelas mãos! Seja paciente!

Assim, o crente até pode casar com alguém de outra religião, mas não deve, principalmente, se deseja viver uma vida de obediência e felicidade na presença de Deus e em seu relacionamento.

Leia também nosso artigo: Como encontrar uma mulher [ou homem] “de Deus” para casar?

Mais Estudos Bíblicos (clique para ver):

> Curso Livre Bacharel em Teologia - Sem mensalidades e 100% online (vagas abertas - clique)

Materiais para seu crescimento

Formação de Professores Para o Ministério InfantilFormação de Professores Para o Ministério InfantilO curso é direcionado para “Formação” do professor evangelista de criança, cada módulo apresenta de modo geral uma diretriz básica na formação do educador Saiba mais
Conheça Sua Bíblia de Capa a Capa (de Gênesis a Apocalipse)Conheça Sua Bíblia de Capa a Capa (de Gênesis a Apocalipse)Aprenda a entender a Bíblia de Gênesis a Apocalipse, no conforto de seu lar, em seu computador, tablet ou celular e com um professor à sua disposição Saiba mais
Kit – Curso Pregador Completo! Aprenda como preparar sermõesKit – Curso Pregador Completo! Aprenda como preparar sermõesConheça as ferramentas e técnicas para preparar sermões e se tornar um exímio pregador da palavra de Deus. Curso completo mais ferramentas Saiba mais
Curso de Memorização da Bíblia – Memo Bible 3000Curso de Memorização da Bíblia – Memo Bible 3000Você já tentou lembrar de um versículo ou fatos da Bíblia e não conseguiu? Este método vai te ajudar a memorizar tudo da Bíblia e com simplicidade! Saiba mais
Curso Livre Bacharel em TeologiaCurso Livre Bacharel em TeologiaVocê não tem muitos recursos financeiros e nem pode fazer um curso de teologia presencial? Conheça este curso! O melhor e mais acessível da atualidade Saiba mais
Clique aqui e veja mais materiais para seu crescimento cristão