4 mentiras que irão destruir seu relacionamento com Deus

Postado por em: Reflexões Quer receber os estudos bíblicos do Presbítero André gratuitamente em seu e-mail? Vagas limitadas, não deixe para amanhã, Cadastre-se grátis (em 30 segundos) clicando aqui

Alguém certa vez disse que se contarmos uma mentira várias vezes ela acaba se tornando como uma verdade para as pessoas por causa da repetição. Isso é uma grande realidade! Existem algumas mentiras que até mesmo os servos de Deus sinceros acabam vez ou outra aceitando como verdades em suas vidas, e isso acaba por ir destruindo seus relacionamentos com Deus. É preciso conhecer essas mentiras e não as aceitar de forma alguma.

Porém, para muitos é mais cômodo viver algumas mentiras como se fossem verdades, pois lhes parece mais fácil. No entanto, o poder destruidor da mentira sempre aparecerá mais cedo ou mais tarde. Assim, é muito melhor rejeitar a mentira o quanto antes e construir a nossa vida com Deus sobre os alicerces sustentáveis da verdade.

Mentiras que destroem nosso relacionamento com Deus

Mentiras que destroem nosso relacionamento com Deus

(1) Deus me aceita como eu sou

Até hoje essa mentira é dita inclusive por muitos pastores. Se Deus nos aceitasse como somos não haveria qualquer motivo para Deus transformar a nossa vida. O pensamento correto é que Deus nos chama como nós somos (pecadores), para nos transformar conforme é o desejo Dele e, dessa forma, não seremos mais como éramos.

Quem acha que Deus o aceita como é, simplesmente não muda, pois se Deus me aceita assim, então posso ser assim sempre. Crer nessa mentira fará com que o relacionamento com Deus seja vazio e superficial, pois não será impactado pelas mudanças exigidas no evangelho.

(2) Bênção são só coisas boas e agradáveis que vivo

Nós temos o péssimo costume de achar que bênção é apenas aquilo que nos dá prazer, que nos agrada de alguma forma. Esse é um conceito equivocado, mentiroso. Bênção é tudo aquilo que Deus nos dá ou permite em nossa vida. E isso inclui coisas que não nos agradam.

Veja também:
- Teologia sem mensalidades (Comece aqui)
- Formação de Professores Para o Ministério Infantil (Comece aqui)
- Memorização Fácil da Bíblia (Comece aqui)
- Método Como Ler a Bíblia E Entendê-la Mais Facilmente (Comece aqui)
- Outros Materiais (Comece aqui)

Um exemplo claro disso é a disciplina de Deus citada na Bíblia, que não é nada prazerosa para nós, mas que representa a bênção de Deus sobre nós: “porque o Senhor corrige a quem ama e açoita a todo filho a quem recebe” (Hebreus 12:6). Quem quer ser corrigido e açoitado? Apesar de serem coisas nada prazerosas no momento em que acontecem, são bênçãos de Deus para nós.

(3) Eu não tenho nenhum dom espiritual

Infelizmente o diabo tem colocado essa mentira no coração de muitos crentes, que olham para si mesmos como sendo inúteis para o reino de Deus. Eles olham para si e se comparam com outros crentes mais atuantes na obra do Senhor e ficam deprimidos e acabam acreditando que não têm nenhum dom de Deus ou nenhum talento especial para servir ao Senhor.

Essa é uma mentira destruidora. Cada membro do corpo de Cristo (que é representado por todos os crentes) têm a sua missão, tem a sua contribuição a dar na obra. Crer que você não tem nada a oferecer é crer em uma mentira destruidora que não vem de Deus, antes, te afasta de Deus!

Leia também: 5 dicas para descobrir seus dons e servir a Deus

(4) Amanhã vou me dedicar mais a Deus

Não existe nenhum erro em fazer planos para nossa vida espiritual, para o amanhã, para o próximo ano, próxima década, etc. No entanto, uma grande mentira em que acreditamos é que apenas no futuro vamos nos dedicar mais a Deus. Dedicação a Deus não é coisa para estar apenas em planos futuros, mas em ações no presente.

Hoje é o dia de buscar a Deus, hoje é o dia de servi-Lo, de amá-Lo. Não é na segunda-feira ou no começo do ano, ou amanhã! Essa é uma mentira em que frequentemente caímos, a de sempre marcar as coisas importantes para o futuro e nunca fazer nada no presente. Isso destrói nossa vida com Deus, pois o presente fica esquecido e o futuro frequentemente chega, se torna presente e não fazemos nada além de marcar um novo futuro para começar a ter mais de Deus em nossa vida.

Comece hoje ainda que seja subindo apenas um degrau da escada em direção ao seu crescimento na presença de Deus

Mais Estudos Bíblicos (clique para ver):

Compartilhe a Bênção:


> Curso Livre Bacharel em Teologia - Sem mensalidades e 100% online (vagas abertas - clique)

Recomendado Pra Você

Tem 33 anos, ama escrever e estudar a Bíblia Sagrada. Escreve artigos aqui no Blog Esboçando Ideias há mais de 7 anos. É membro da Igreja Presbiteriana Bela Jerusalém, onde atua como presbítero, líder do louvor e professor da Escola Dominical. É o autor do Método Como Ler a Bíblia e Entendê-la Mais Facilmente e do Manual Bíblico das questões difíceis da Bíblia. O presbítero André Já escreveu mais de 1200 artigos neste blog. Contato: andre@esbocandoideias.com

Comente usando seu Facebook ou use o sistema de comentários normal no fim da página

3 comentários

  • Claudete disse:

    Todos os dias eu leio e gosto muito, Deus abençoe cada dia mais!!

    Responder
  • Silvania capalupo disse:

    Todo dia leio. Estou gostando e obtendo muitas respostas em questão de dúvida. QUE DEUS continue lhe abençoando.

    Responder
  • Aquino disse:

    (1) Deus me aceita como eu sou
    No tema de hoje, encontrei conforto no entendimento da Palavra e alento para refutar com firmeza às objeções dessa natureza, de uma vez que está muito bem elucidada esta questão, e, por isso, muito bem apreendida. Nesse sentido, vale destacar e considerar a ideia de transformação contida nos Planos de Deus para o nosso crescimento espiritual em nossa caminhada cristã. Assim, este entendimento impede ou, no mínimo, dificulta o crescimento da ideia de que não necessitamos nos preocupar com as diferenças entre o nosso o caráter (contaminado pela queda de Adão, com o seu DNA do pecado, e a beleza do caráter de Cristo, puro, sem pecado, no qual devemos nos moldar no caminho da santidade.
    (4) Amanhã vou me dedicar mais a Deus
    Esta “máxima” é muito difundida com base na ideia de a busca de comunhão com Deus é coisa de gente velha, que não tem mais nada de prazer para buscar ou se deleitar na vida, como se aproveitar fosse, ou seja, largar-se a busca dos prazeres egoístas em detrimento da vontade de Deus sobre a nossa vida, embora até possamos imaginar que Ele quer o melhor para nós, como sendo as Suas primícias de toda a criação. No entanto, vejo essa concepção ser muito bem difundida, como desculpas para se deixar as coisas de Deus sempre para depois, como se para Deus nós não estivéssemos em primeiro lugar para Ele. E sob essa visão, não é demais destacar que enquanto nos ocupamos e cuidamos das coisas de Deus, Deus se ocupa e cuida das nossas, e cuida com muito desvelo.
    Encerro inserindo a conclusão deste tema copiando-a na íntegra: “Hoje é o dia de buscar a Deus, hoje é o dia de servi-Lo, de amá-Lo. Não é na segunda-feira ou no começo do ano, ou amanhã! Essa é uma mentira em que frequentemente caímos, a de sempre marcar as coisas importantes para o futuro e nunca fazer nada no presente. Isso destrói nossa vida com Deus, pois o presente fica esquecido e o futuro frequentemente chega, se torna presente e não fazemos nada além de marcar um novo futuro para começar a ter mais de Deus em nossa vida”.

    Responder

Seu comentário é muito importante! Comente! Regra 1 - Seja respeitoso - Regra 2 - Não aprovamos comentários de anônimos - Regra 3 - Não publicaremos mais comentários que não tenham a ver com o tema do artigo - Obs.: Todos os comentários são moderados antes de serem publicados.