Traí minha esposa. Devo confessar o adultério a ela ou só para Deus?

Postado por Presbítero André Sanchez, em #VocêPergunta | Imprimir Imprimir
Antes de você começar, responda a uma pergunta rápida: Você gostaria de experimentar estudar a Bíblia capítulo por capítulo com o presbítero André Sanchez (de Gênesis a Apocalipse), aí no conforto do seu lar, em vídeo-aulas profundas e com linguagem simples, de seu computador, tablet ou celular? Acesse aqui rapidinho e saiba como

Você Pergunta: Mês passado, uma colega minha de trabalho, que sempre dava em cima de mim, acabou conseguindo me conquistar. Saímos e fomos até um motel e consumamos o ato. Logo que saí daquele lugar meu coração pesou, me entristeci demais, pois sou um servo de Deus e não acreditei que fiz aquilo com meu Deus e com minha esposa. Cheguei em casa, pedi perdão ao Senhor. Mas todos os dias algo fica martelando em minha mente: não sei se devo confessar isso para minha esposa. Fico com medo, pois isso seria devastador para nosso relacionamento, mas, ao mesmo tempo, esse fantasma do meu pecado me assombra todos os dias. O que a Bíblia diz que devo fazer?

Caro leitor, essa é uma situação que tem ocorrido com muitos servos de Deus, infelizmente. O fato de sermos servos de Deus não nos isenta de pecarmos. Se não cuidarmos, a tentação vem sobre nós, e a nossa cobiça nos leva a pecarmos. Foi o que ocorreu com você. Você foi seduzido e caiu no laço do pecado. Baseado em seus questionamentos, gostaria de te orientar sobre o que acho que deve ser feito nessa situação:

Traí minha esposa, mas me arrependi, devo confessar a ela ou só para Deus?

Devo confessar meu adultério a minha esposa?

(1) Creio que o primeiro passo você já deu, que é o arrependimento de seu erro. O arrependimento é aquilo que nos faz compreender humildemente que pecamos, que transgredimos a vontade de Deus de alguma forma. Necessariamente o arrependimento nos leva até Deus, até a busca do perdão Dele e da restauração de vida. O adultério é um pecado gravíssimo, porém, pode sim ser perdoado por Deus como nos ensina 1 João 1:9.

(2) O segundo passo, tão importante quanto o primeiro, é a compensação de nossos erros perante pessoas que prejudicamos. Se você tivesse roubado, deveria ir até a vítima para compensar o seu erro de alguma forma. Se tivesse mentido, deveria pedir perdão a quem prejudicou. Se tivesse ofendido alguém, deveria também pedir perdão a essa pessoa. Com a sua esposa não é diferente, pois você, quando a traiu, a feriu mesmo que ela ainda não saiba. O verdadeiro arrependimento no caso de adultério passa pela confissão do seu erro a sua esposa, passa pelo caminho da verdade e da reparação do erro. Você deve mostrar seu verdadeiro arrependimento falando com ela. Isso pode ser feito diretamente, ou se você teme essa conversa, pode pedir ajuda a um pastor ou a alguém de confiança para mediar essa conversa entre vocês.

(3) Mas muitos se perguntam: por que confessar? Não é melhor confessar somente a Deus e seguir a vida? Uma confissão não vai acabar com o relacionamento ao invés de mantê-lo de pé? Vou explicar por que creio ser importante confessar:

a) Quem foi traído merece saber disso. Aqui temos o princípio ensinado por Jesus em Mateus 7:12: Tudo quanto, pois, quereis que os homens vos façam, assim fazei-o vós também a eles; porque esta é a Lei e os Profetas”;

b) O fantasma desse adultério não confessado sempre vai ser uma pedra no sapato dentro da relação;

c) A pessoa com quem você traiu sua esposa pode, a qualquer momento, aparecer na vida do casal e causar um estrago ainda maior, revelando toda a verdade que não foi confessada;

d) A verdade é sempre o melhor caminho, e o verdadeiro amor não se alegra com a injustiça: não se alegra com a injustiça, mas regozija-se com a verdade” (1 Coríntios 13:6);

e) O verdadeiro arrependimento nos leva a reparação dos erros cometidos. A falta de disposição para fazer reparação dos erros pode indicar apenas um remorso e não um arrependimento verdadeiro.

Leia também: Qual a diferença entre arrependimento e remorso

(4) Consequências. Uma das coisas que faz com que muitos fiquem em silêncio com o cônjuge sobre uma traição ocorrida são as consequências que o ato de confessar pode trazer. Quanto a isso é importante saber que o pecado sempre trará consequências, seja ele confessado ou não. Seja no momento ou mais tarde. Não há como fugir das consequências. Por isso, é sempre melhor escolher o caminho da verdade e buscar uma reconciliação e reparação o quanto antes. Mas é importante se preparar, pois o cônjuge se sentirá traído, machucado, sem confiança. Poderá, inclusive, querer o divórcio. Essas são consequências possíveis. Mas também poderá haver perdão e misericórdia. Não há como saber. A conversa precisará existir para que tudo fique esclarecido e o casal tome as decisões sobre como fica a vida deles dali para frente.

(5) Feche todas as portas para um possível novo adultério. É importante conversar também com a pessoa com que se adulterou, no caso a sua colega de trabalho, e também pedir perdão a ela por tê-la exposto a essa situação terrível, deixando claro que não mais ocorrerá o que ocorreu e que foi um grande erro. Feche totalmente essa porta aberta para futuras traições.

(6) Dessa forma, concluso que o remédio para determinadas doenças é amargoso, mas precisa ser tomado. O adultério é um desses pecados terríveis, que mexe com uma área muito importante na vida do ser humano. A reparação é dolorida, o remédio é amargo, mas apenas tomando-o poderá haver uma restauração mais plena do casal e de cada um dos envolvidos. Toda essa dificuldade causada pelo adultério deve servir para que cada cônjuge pense muito bem quando for tentado nessa área e possa perceber o quanto é amargo e terrível desobedecer a Deus. Dizer não ao pecado sempre será o melhor caminho.

Não sei se você é uma dessas pessoas que tem dificuldades de entender a Bíblia. Eu já fui e sofri muito! Mas não me dei por vencido, não me deixei ser derrotado pelos inimigos. E você, como anda sua leitura da Bíblia? Seu entendimento? Que tal melhorar nessa área da sua vida espiritual, aprendendo a entender assuntos da Bíblia de forma simples e rápida, ajudado por quem já superou as mesmas dificuldades que você enfrenta? Clique aqui agora e pegue um Manual de estudos exclusivo para você!

COMPARTILHE ESTE ESTUDO:

Mais Estudos Bíblicos (clique para ver):

*

Materiais para seu crescimento

Formação de Professores Para o Ministério InfantilFormação de Professores Para o Ministério InfantilO curso é direcionado para “Formação” do professor evangelista de criança, cada módulo apresenta de modo geral uma diretriz básica na formação do educador Saiba mais
Conheça Sua Bíblia de Capa a Capa (de Gênesis a Apocalipse)Conheça Sua Bíblia de Capa a Capa (de Gênesis a Apocalipse)Aprenda a entender a Bíblia de Gênesis a Apocalipse, no conforto de seu lar, em seu computador, tablet ou celular e com um professor à sua disposição Saiba mais
Kit – Curso Pregador Completo! Aprenda como preparar sermõesKit – Curso Pregador Completo! Aprenda como preparar sermõesConheça as ferramentas e técnicas para preparar sermões e se tornar um exímio pregador da palavra de Deus. Curso completo mais ferramentas Saiba mais
Curso de Memorização da Bíblia – Memo Bible 3000Curso de Memorização da Bíblia – Memo Bible 3000Você já tentou lembrar de um versículo ou fatos da Bíblia e não conseguiu? Este método vai te ajudar a memorizar tudo da Bíblia e com simplicidade! Saiba mais
Curso Livre Formação em TeologiaCurso Livre Formação em TeologiaVocê não tem muitos recursos financeiros e nem pode fazer um curso de teologia presencial? Conheça este curso! O melhor e mais acessível da atualidade Saiba mais
Clique aqui e veja mais materiais para seu crescimento cristão