Quais os fundamentos da sua obediência a Deus?

Postado por em: Comportamento, Farisaísmo, Mensagens, Reflexões, Vida cristã

Por André Sanchez
Uma das palavras que mais vemos na Bíblia é a que diz respeito ao dever de sermos obedientes a Deus. Sermos obedientes é a vontade de Deus para as nossas vidas. A obediência, no entanto, pode ser fundamentada em aspectos corretos e também em aspectos errados. Deus pode aprovar a nossa obediência, como também pode desaprová-la.

Por exemplo, podemos ser obedientes por medo de Deus, por medo de uma pessoa, por medo de sermos punidos; forçados pela obrigação ou imposição, por conveniência e até sermos obedientes por hipocrisia. Este tipo de obediência não agrada a Deus.

Paulo observou que os Filipenses, quando estavam em sua presença se mostravam extremamente obedientes aos ensinamentos de Deus, o que poderia representar uma obediência com fundamentos errados, provocada apenas pela presença do apóstolo ali. No entanto, Paulo observa que os Filipenses, mesmo em sua ausência, permaneciam obedientes a Deus e a Sua palavra:
“Assim, pois, amados meus, como sempre obedecestes, não só na minha presença, porém, muito mais agora, na minha ausência, desenvolvei a vossa salvação com temor e tremor;” (Fp 2. 12)
O fundamento da obediência deve ser o amor a Cristo e a Sua palavra. Quaisquer outros fundamentos representam uma obediência comprometida e que não nos conduzirá à vontade de Deus. O salmista expressa esta realidade:
“De todo o coração te busquei; não me deixes fugir aos teus mandamentos. Guardo no coração as tuas palavras, para não pecar contra ti.” (Sl 119. 10-11)

A obediência não deve ser oscilante, baseada em circunstâncias ou motivada pelo medo, pela obrigação, pela conveniência, pela hipocrisia, mas antes, deve ser totalmente baseada no amor a Cristo e a Sua palavra.

Se ela existe, em que está fundamentada a sua obediência a Deus?

2 comentários

  • Aline Torezani disse:

    uma benção seu esbolço espero que sejamos amigos a paz do senhor, a cristiane barcelos é da minha igreja abraços

    Responder
  • Hélio Balderramas Afonso Balderramas disse:

    Graça e páz, querido presbitero, meu companheiro de minstério, belos esboços e memsagens atuais em nosso dia a dia é isto que nossas igrejas precisa, parabens. Presbitro Hélio

    Responder

Seu comentário é muito importante! Comente! Regra 1 - Seja respeitoso. Regra 2- Não aprovamos comentários de anônimos. Obs.: Todos os comentários são moderados antes de serem publicados.