O que Jesus quis dizer com: não jogueis pérolas aos porcos?

Postado por em: #VocêPergunta

- Se você quiser fazer alguma pergunta, preencha o formulário, clicando aqui!

pérolas aos porcos, ensino de Jesus, Não lanceis pérolas aos porcos#VocêPergunta: O que Jesus quis dizer com: “não jogueis pérolas aos porcos”?

Caro leitor, o texto em que está presente essa expressão é este: “Não deis aos cães o que é santo, nem lanceis ante os porcos as vossas pérolas, para que não as pisem com os pés e, voltando-se, vos dilacerem.” (Mt 7. 6)

Antes de tudo, precisamos observar que esse texto esta dentro do conhecido “sermão do monte”, que foi proferido por Jesus aos seus discípulos. “Vendo Jesus as multidões, subiu ao monte, e, como se assentasse, aproximaram-se os seus discípulos; e ele passou a ensiná-los, dizendo:…” (Mt 5. 1-2).

O que os discípulos de Jesus teriam em sua posse que era “santo” e que era uma “pérola”?

Certamente todas as evidências a respeito do reino de Deus. Os discípulos de Jesus herdam Dele a “pérola” chamada evangelho, que é a palavra de salvação, a boa notícia, a demonstração do poder e do amor de Deus através de prodígios e da exposição da Palavra. Essa é a pérola santa dada por Deus aos Seus discípulos.

Estaria, então, Jesus orientando a seus discípulos o não compartilhar dessa “pérola” com as outras pessoas? Evidentemente, não!

Observe que a ordem para “não dar o que é santo” e “não jogar as pérolas” se refere e indica dois personagens: os cães e os porcos. O texto mostra que esse tipo de “pessoa” pisa no que é santo e dilacera os que apresentam a pérola, resistindo ferozmente: “para que não as pisem com os pés e, voltando-se, vos dilacerem.” (Mt 7. 6)

Jesus fala aqui daqueles que resistem e zombam demoniacamente das pérolas santas que os discípulos portam e buscam compartilhar. Os discípulos não devem perder seu tempo com esse tipo de pessoa que mostra claramente que despreza e rejeita veementemente tudo que vem de Deus.

Em uma de suas instruções aos doze apóstolos, Jesus lhes manda: “Se alguém não vos receber, nem ouvir as vossas palavras, ao sairdes daquela casa ou daquela cidade, sacudi o pó dos vossos pés.” (Mt 10. 14)

Num dos encontros de Jesus com os fariseus, Jesus declara aos seus discípulos: “Deixai-os; são cegos, guias de cegos. Ora, se um cego guiar outro cego, cairão ambos no barranco.” (Mt 15. 14)

Da mesma forma, Paulo também aplicou esse princípio: “Quando Silas e Timóteo desceram da Macedônia, Paulo se entregou totalmente à palavra, testemunhando aos judeus que o Cristo é Jesus. Opondo-se eles e blasfemando, sacudiu Paulo as vestes e disse-lhes: Sobre a vossa cabeça, o vosso sangue! Eu dele estou limpo e, desde agora, vou para os gentios.” (At 18. 5-6)

Assim, fica evidente que não há uma proibição de Jesus de que preguemos e testemunhemos a palavra a todos, mas que, observando esse tipo de resistência blasfema e irreverente diante das pérolas de Deus, não desperdicemos aquilo que temos de mais precioso. O discípulo precisa usar de sensibilidade para perceber que suas pérolas estão sendo pisadas e sair de cena buscando novas oportunidades.

Você já teve alguma experiência de rejeição e zombaria de sua pregação da Palavra por parte das pessoas? Conte nos comentários

Veja outras perguntas respondidas:

   

Gostou desse artigo? Receba novas postagens em seu e-mail!

Comente usando seu Facebook ou use o sistema de comentários normal no fim da página

56 comentários

  • Jakeline Magna disse:

    Olá, André

    Parabéns pelo Blog… a Muito tempo que não passava por aqui…

    ótima Semana

    Jakeline

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Obrigado Jakeline!!!

      Valeu pela visita… um grande abraço!!

      Responder
  • Fernando disse:

    Olá, bom dia!
    Referente a Mateus 7:6. Gostaria de saber que tipo de posicionamento devo adotar com uma pessoa que não resiste ferozmente quando falo de Jesus para ela, pelo contrário, direciona o seu olhar para o meu e ouve, porém não faz nenhum tipo de pergunta tampouco comentários, não pede referências de sites evangélicos e nunca ousou e “acho” nem ousaria a fazer qualquer tipo de pergunta ou dar início a um comentário de cunho evangélico. Vale ressaltar que trata-se de uma ex-namorada minha e que hoje só tenho amizade por ela, porém a mesma manifesta o desejo em retornar. Deveria parar de “perder tempo” com ela?

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Fernando, se você sente tanto desejo de levar essa pessoa a Cristo, creio que deva investir em oração e pedir a Deus que toque o coração dela. Nem sempre as pessoas aceitam a palavra imediatamente. O contexto de Mateus 7.6 deve ser compreendido corretamente, conforme expliquei no artigo que você leu.

      Eu acompanhei uma senhora em minha igreja que orou 20 anos pela conversão de seu marido. Participei várias vezes das orações dela. Hoje o marido aceitou Jesus e está conosco na igreja.

      Se você sente no coração não desista, procure a direção de Deus.

      Abs!!

      Responder
      • mirdza aina frischenbruders disse:

        Entendi a explicação de jogar pérolas aos porcos …pois já falei muito de Deus ao meu marido que é ateu e ele só zomba da Bíblia e de Deus…mas gostaria muito que ele entendesse a palavra de Deus e aceitasse Jesus como Salvador pois é uma pessoa boa e honesta e eu o amo, parei de falar mas vou continuar orando por ele pois para Deus nada é impossível.Obrigada pelas explicações Deus o abençoe ….
        Mirdza aina

        Responder
        • jhonathan tierry disse:

          A paz dona mirdza aina quando a senhora orar busque somente a Deus, diga o quanto você o ama o adora e jamais toque no nome do seu marido pois Deus sabe do que você necessita. Então primeiramente busque somente a Deus. E jamais toque no nome do seu marido. Pois buscando a Deus, ele te recompensará .

          Responder
          • Ewellyn Maria disse:

            não busque somente a Deus, Deus sabe das nossas necessidades mas Ele quer ouvir a gente pedir porque dependendo da forma como oramos muita coisa pode acontecer, Deus não resiste a um coração contrito, Deus já sabe de tudo mas Ele quer te ouvir falar, quer te ouvir pedir, quer ver o quanto você quer, o quanto precisa, e isso o humano só desenvolve num diálogo, mesmo que Deus saiba o que sentimos, a gente só consegue mostrar quando desabafa com o Pai, se fosse pra nao pedir pelo seu marido nao era nem pra pedir nada, MATEUS 7 versículo 8: ‘Porque, aquele que pede, recebe; e, o que busca, encontra; e, ao que bate, abrir-se-lhe-á.”

        • Otavio disse:

          Sra. Mirdza. Li seu comentário e lembrei imediatamente de Santa Mônica, mãe de Santo Agostinho. Agostinho também zombava da palavra de Deus. Sua Mãe então rezou por ele durante muitos e muitos e muitos anos. Quando Deus atendeu aos pedidos de Santa Monica produziu em Agostinho um conversão que fez dele não só um santo mas um doutor da Igreja. Portanto, nâo se canse de pedir a Deus eis que certamente é desejo de Nosso Pai do Céu que todos se convertam. Fé em Cristo e orações. O melhor caminho é o Santo Terço rezado diariamente.
          A paz de Cristo.

          Responder
        • Edivaldo disse:

          Está escrito: Assim acontecerá na vinda do Filho do homem.
          Dois homens estarão no campo: um será levado e o outro deixado.
          Duas mulheres estarão trabalhando num moinho: uma será levada e a outra deixada.
          “Portanto, vigiem, porque vocês não sabem em que dia virá o seu Senhor.
          Mas entendam isto: se o dono da casa soubesse a que hora da noite o ladrão viria, ele ficaria de guarda e não deixaria que a sua casa fosse arrombada.
          Assim, também vocês precisam estar preparados, porque o Filho do homem virá numa hora em que vocês menos esperam.

          Mateus 24:39-44

          Responder
  • Walace Alves disse:

    Olá, André!
    Pura verdade isso, as vezes nos focalizamos naqueles que ouviram as boas novas, mais como vc citou zombam, pisam no sangue de Cristo e ficamos evangelizando essas pessoas.
    Enquanto nós esforçamos para Deus toca-las elas despreza-O, que possamos ter a sabedoria de de jogar essas pérolas para aqueles que tem vontade de vender tudo e conquista-las.
    E mais uma coisa, sou alimentado todo dia pelas suas frases de encorajamento, reflexão, e BÍBLIA SAGRADA. Deus abençoe.

    Responder
  • Pr. Valmir disse:

    eu aprendo muito com esses estudos é uma benção

    Responder
  • [email protected] disse:

    o que significa o nome pérola é um nome bom pra se colocar em criança

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Lillian, pérola é uma pedra preciosa. Não tem um significado específico.

      Na paz de Cristo!

      Responder
      • schneider rodrigues disse:

        Sr. boa tarde,entendo que quando jesus diz SANTO e PÉROLAS…entendo que seja o próprio evangelho.
        o que o Sr. acha?
        obrigado/schneider

        Responder
        • André Sanchez disse:

          Acho que podemos sim entender dessa forma

          Responder
      • Rodrigo disse:

        Desculpe a correção mas pérola não é uma pedra é sim um deposito orgânico duro produzido por um molusco como defesa contra um corpo invasor…

        Responder
        • André Sanchez disse:

          Obrigado pela contribuição, Rodrigo

          Responder
  • Sandra Souza disse:

    AMEAÇADA E TUDO…UMA VEZ ENTREGUEI UM FOLHETO A UMA MULHER E ELA RECEBEU LEU E ME RESPONDEU COM UM INSULTO,EU FUI PRA CASA ARRAZADA!

    Responder
    • Susy Guedes disse:

      Olá, Sandra!

      Desde que o Evangelho de Cristo me alcançou, em 1989, tenho divulgado as Boas Novas por onde passo. E a recepção vem de todo tipo: acolhimento, rejeição, silêncio, insulto, enfim, nada diferente do que fomos alertados pelo Senhor Jesus.

      Uma receptividade positiva às Boas Novas me alegra muito e ver alguém se render a Cristo faz meu coração saltar de contentamento, não por algo que supostamente eu tenha feito, mas porque aquela vida foi convencida pelo Espírito Santo, sobre o pecado, a justiça e o juízo.

      Quando há rejeição, quer por indiferença ou por reações agressivas, sinto tristeza em meu coração, não por mim, mas pela pessoa que ainda se encontra aprisionada e não consegue perceber o tesouro que está diante dela, a mais preciosa liberdade em Cristo, a paz, a vida eterna, o gozo infindo que já tem início agora, enquanto estamos no mundo, mas deixamos de pertencer a ele. Por essas pessoas prossigo orando e confiando que um dia a boa semente brotará, pois não é por força nem por violência, mas pelo Espírito do Senhor que a obra é feita no coração humano.

      Continue distribuindo seus folhetos, continue falando do Amor do Pai e, acima de tudo, continue sendo a Carta Viva de Cristo – há muita gente cujo único evangelho que irá conhecer será por meio do nosso viver autêntico manifestando a Presença de Cristo ao mundo, por meio do amor genuíno, da graça, da misericórdia, da humildade, do serviço solícito, com um coração alegre e sempre grato. O Espírito Santo nos capacita a isso e nos fortalece sempre! Estou certa de que, na eternidade, veremos o resultado de nosso trabalho.

      Abraços na Paz que excede todo entendimento!

      Responder
  • Carol Silva disse:

    Podemos notar depois da entrevista que o Silas teve com a Gabi, o povo zombando, bom mas realmente, precisamos pregar, se a pessoa não quer ser alimentada, oremos por ela e quem sabe em outra oportunidade, ela tenha uma visão diferente, mas fazer a pessoa engolir na marra a palavra realmente não vira, pois não é nem por poder ou força, mas pelo Espirito de Deus.

    Abraços

    Responder
  • Ana Paula disse:

    Ana Paula
    Bom dia !!! Hj tive que levantar da cama mediante uma revelação do Espirito Santo pra minha vida e vim para o computador pesquisar o que Deus diz sobre “jogar pérolas aos porcos”, foi violenta a revelação pois quero que minha familia seja salva e infelizmente alguns membros zombam da minha fé, até tentam me ridicularizar e me humilhar tentando todo tipo de comentários, mas através dessa revelação entendi o que Jesus quis me ensinar, pois infelizmente estava errando e NÃO vou mais errar, a partir de agora serei mais sabia e sensivel como Ele nos ensina. Deus abençoe a todos!!!

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Quem bom, Ana!

      Responder
  • Amanda Maria disse:

    Sabemos que há algumas Parábolas de Jesus que precisa-se de todo um estudo mais profundo e dedicado para entender o que Jesus quis dizer. Mas posso dizer, só de ler esse artigo, num instante eu entendi o que Jesus falou em Mateus 7.6 :D Obrigadaaaaa !!!!

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Que bom, Amanda! Fico feliz!

      Responder
  • Crysttyano R. Santana disse:

    Paz. Se compararmos essa palavra da pérola com a palavra do semeador que semeava em varios tipos de terrenos (espinho, pedra e terreno bom), como devo interpretar o fato de semear a palavra para todas as pessoas mas só algumas aceitarem? No caso as pessoas que aceitaram a Palavra de Deus e simbolizam o terreno bom, essas é que devem receber a pérola? Sabr distinguir isso num evagelismo pessoal com pessoas conhecidas seria facil de distinguir quem aceitou e quem não aceitou, mas e num evangelhismo de rua, onde passamos por pessoas totalmente desconhecidas e que provavelmente nunca mais veremos?

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Crysttyano, o caso que Jesus abordou ali certamente não se enquadra em um evangelismo de Rua, casual.

      Responder
  • Saulo Eloy de Andrade disse:

    André Sanchez,

    Tenho 27 anos e desde pequeno cresci sob os ensinamentos bíblicos. Nos últimos meses estou apaixonado pelo evangelho e busco pessoas que estejam afim de ouvi-lo. Deus tem me colocado em oportunidades que tem sido fonte de fé para mim.

    Porém, hoje aconteceu um caso que me deixou chateado. Durante o almoço com alguns do trabalho, me perguntaram se eu era evangélico e respondi que sim. Perguntaram se eu era daqueles “fervorosos” no que disse que cristo é tudo para mim.

    Enfim, em dado momento (não lembro por que) tentei explicar um conceito bíblico no que uma pessoa começou a me contestar sem ao menos deixar eu terminar de explicar. Claramente ela não queria discutir com o intuito de entender os meus motivos, apenas me contradizer e me deixar em maus lençóis. Enfim, terminei dizendo que não tenho respostas para todas as perguntas e quando feitas ao mesmo tempo são apenas tentativas de desmontar o argumento, não contra argumentar.

    Confesso que saí de lá meio chateado pois eu estava explicando um conceito tão importante e vim para internet com uma frase na cabeça: “não joguem perola aos porcos”. Achei que essa frase era muito forte e talvez eu não estivesse observando o contexto. Assim encontrei seu Blog que me proporcionou um pouco de paz sabendo que não estou usando a frase de forma equivocada.

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Saulo, não é fácil mesmo! Algumas pessoas não querem dialogar, querem ridicularizar. Mas Deus sabe das portas que Ele abre a nós!

      Responder
  • Thais Mendes disse:

    Presbítero André, a paz do Senhor!
    É a primeira vez q visito o site, e gostei muito mesmo. Q Deus abençoe a sua vida pelas suas sábias palavras.
    A resposta é SIM….já enfrentei resistência quanto à palavra de Deus. E por incrível q pareça, a maior resistência q enfrentei foi de membros ativos da igreja, q creem na palavra, mas somente nas partes q lhes convém. Pessoas q manipulam a Bíblia para benefício próprio, tentando justificar seus pecados. Para mim, como missionária de Cristo, é muito mais difícil converter um cristão cego, do q um ímpio. Abraços à todos!

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Thais, é uma luta mesmo. Mas temos de descansar e crer que quem converte os corações é Deus e não nós.

      Responder
  • Elza disse:

    Olá! Digo para todos: Não desanimem! Um dia vieram uns pedreiros trabalhar em minha casa e eu tentei lhes falar do amor de Cristo, porém eles riram e desfizeram do que eu dizia. Mas… Passados algum tempo, eles retornaram e já houve uma comunicação melhorada. Hoje eu fiquei sabendo que estes mesmos pedreiros servem a Cristo, não só eles, a família toda está indo à igreja, lendo a bíblia e até pregando a palavra de Deus… Estou muito feliz! Deus é maravilhoso… Enquanto falamos do seu amor para as pessoas, Ele trabalha em nossa vida. O Espírito Santo sabe o momento exato de encontrar todos aqueles aos quais lançamos as pérolas. A Graça e a Paz do Senhor seja com todos!!

    Responder
  • Cesar Louzada disse:

    Parabens!!! muito bom o esboco e facil entendimento, Abraco!

    Responder
  • dani disse:

    PAstor,sempre que louvo sou oprimida de tal forma que da
    vontade de sair correndo do pulpito,fico triste ,quanto mais busco a Deus mais guerra travada,nestas horas me sinto inutil a ponto de me achar um lixo ,de tanta seta.

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Dani, ore e peça a Deus que acabe com isso e creia em seu coração. Fique firme diante das batalhas!

      Responder
  • ayara disse:

    parabéns gostei muito do seu artigo,ele me tranquilizo, pois estava triste porque me falaram que eu não devia perder tempo com o meus pais, que eu devia abrir mão deles.como se eles não tivesse mais jeito mais agora eu sei que é só eu continuar orando que uma ora o ESPIRITO SANTO aquebrantará o coração deles e eles vão receber as perolas de DEUS como se devem receber

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Permaneça firma, Ayara!

      Responder
  • Fabiano Carvalho disse:

    Bom dia Pastor !
    As vezs coloco um louvoor pra ouvir no meu cel , no trabalho mais alguns dos meus colegas não gostam
    e até zombam dos louvores as vzs , mais teve um que é espirita que até baixou um louvor e colocou no seu cel ,ele disse que tinha gostado daquele louvor , fiquei muito felix e vi que Deus esta agindo

    A paz do nosso Senhor , adoro suas explicações !

    Responder
  • Angélica disse:

    Olá Pastor, A mais de um ano leio mensagens para meus alunos do ensino fundamental (14 anos)mas nos últimos meses um grupo tem ridicularizado a palavra. Estão zombando… sinto meu coração triste então partindo dessa análise “pedra aos porcos” acho que vou parar de ler para eles, pois, penso que posso estar afastando-os de Deus e se é para redicularizar….
    Queria sua opinião.
    Att. Agradeço

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Angélica, ore a respeito e depois tome uma postura coerente, mas não covarde.

      Responder
  • Jampson disse:

    Olá pessoal, que a graça e paz do nosso amado Senhor Jesus Cristo o Nazareno esteja sendo derramado aqui nesse lugar, para que verta em plenitude todo conhecimento revelado da Palavra. André eu fui repreendido por um irmão em Cristo Jesus pois ao passar por lugares onde tinha aglomeração de pessoas ouvindo músicas mundanas eu dava um brado de glória a Deus. Daí ele me disse: que eu estava jogando pérolas aos porcos. Bem, eu não sinto estar fazendo isso. Porém não mas farei isso se for errado. Espero que entenda minha dúvida, um abraço meu irmão que ainda não tive o privilégio de conhecer pessoalmente, graça e paz.

    Responder
  • Eliane da Silva Leal Dina disse:

    As vezes é mais fácil falar de Jesus com nossas atitudes do que com pregações, as pessoas estão um pouco saturadas da teoria e querem práticas em relação a palavra,muitos querem pregar mas não demonstram o que pregam e aí vem o desapontamento de muitos. Jesus pregava, mais suas atitudes falavam muito mais alto.

    Responder
  • Wesley de Jesus disse:

    A paz do SENHOR André Sanchez,
    Muito interesante seu comentário acerca das ” perólas aos porcos ” de mateus 7:6, eu tinha um pensamento bem parecido com o seu, todavia, ao estudar um pouco mais da teologia e hermeneutica eu sempre me deparo com os seus contextos blíblicos. Quando Jesus citou esse versículo bíblico a todo o povo no monte versículos antes o mesmo falava de não julgar ao próximo, será que de fato esse versículo 6 refere-se ao ato da evangelização ou será que o mesmo está interligado com os cincos versículos anteriores que fala de julgar ao próximo.
    Dê sua opinião sobre isso,
    Grato

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Wesley, em minha opinião existe uma mudança de assunto nesse trecho. A sentença anterior começa “Não julgueis”. Essa sentença começa “Não deis”. Não parece haver qualquer ligação entre os assuntos tratados nas sentenças. O texto paralelo de Lucas 6.37-38, 41-42 parece clarear essa questão.

      Responder
  • Andreia disse:

    Tentei passar a palavra para uma colega da faculdade, pois estava desesperançosa por causa de um namorado, passando por momentos difíceis semelhantes com o que eu passei há alguns anos atrás com um ex-namorado, ganhei uma Bíblia da minha ex sogra.
    Como a palavra me confortou muito naquela época, mesmo com um pé atrás, pois acreditei que a palavra lhe confortasse também, eu acabei dando essa Bíblia para essa menina, na qual me agradeceu muito e disse que era muito confortante!
    Mais tarde ela, com o tempo demonstrou desinteresse sobre as coisas que eu falava, e disse que estava lendo Zibia Gasparetto. E que não acreditava nas mesmas coisas que eu. Comecei a parar de falar das coisas que eu sei e sinto, e não me sentia mais confortável perto dela.
    Não sei o que fazer neste momento, por um momento me arrependi de ter dado a Bíblia que minha ex-sogra me deu com muito carinho para mim, não sei se fiz certo, se foi um pecado, mas, ao mesmo tempo tenho esperanças de que ela encontre a verdade através da Bíblia que eu dei a ela… Mas, sinto que ela sente desprezo por mim … isso que eu fiz foi jogar pérolas aos porcos?

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Andreia, continue se relacionando com ela e sempre aproveitando as oportunidades para falar do amor de Deus. Na realidade ela está buscando algo, mas ainda não encontrou. Você pode ser esse canal de bênção na vida dela.

      Responder
  • Gislene disse:

    Preciosíssimo esclarecimento para os meus dias atuais…Grata!

    Responder
  • Edemir Moura disse:

    Infelizmente muitas vezes ficamos preocupados em declarar a Palavra santa aos nossos entes sendo que eles zombam e deixamos de anunciar aos que o Senhor coloca em nosso caminho,temos que pedir sabedoria a Deus para que estejamos preparados no momento que Ele quer nos usar ,esquecendo os que não estão nem aí.

    Responder
  • Ivanilson Ribeiro disse:

    Linda explicacao..A Graça de Deus está aqui,,,

    Responder
  • sidnei costa disse:

    A paz e graça PR. Saches mim fale sobre o chamado do homem pro ministério e quando um líder não tem uma visão de Deus pra ajuda lo no chamado o homem deve procura outro ministério ou vazer curso teológico.pra seu crescimento .mim expliqui qui o AP.Paulo fala crecei na graça e conhecimento

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Sidnei, quando Deus chama alguém creio que a comunidade a qual essa pessoa pertence reconhece esse chamado.

      Responder
  • Guilherme Peres disse:

    Ola Pastor André, eu trabalho em uma empresa onde todos são católicos e devotos de maria, todas as segundas feiras antes de começarmos a trabalhar leio uma passagem da bíblia e falo sempre do amor de Jesus, o que acha sobre isto !

    obrigado e tenha um ótimo dia !

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Guilherme, acho ótimo. É lendo a Bíblia que a verdade aparecerá

      Responder
  • Paulo Casado disse:

    Outra passagem similar a esta, está em mateus 15 do verso 21 até o 28, onde uma mulher cananéia clama a Jesus a cura de sua filha endemoninhada, mas Jesus responde: “não é bom pegar no pão dos filhos e deitá-los aos cachorrinhos”. Confesso que também não compreendo o que Jesus quis dizer e peço a Deus que nos revele o seu significado. Fico a me perguntar quem são os cachorrinhos? é a menina? ou os demônios? ou ambos? Porque em outros casos de endemoninhados, Jesus não colocou dificuldade? Tem algo haver com o fato da mulher ser cananéia? Neste caso a mãe clamou pela cura da filha e há casos de expulsão de demônios por Jesus que o endemoninhado sequer pediu ajuda. Esta passagem tem relação com a afirmação de Jesus em não dar pérolas aos porcos?

    Responder
  • vanessa disse:

    Essa palavra cabe a pessoa que se diz conhecedora da palavra contudo não a cumpre .. Não põe em pratica os ensinamentos de Jesus?

    Responder
  • Marco Celson Valente da Luz disse:

    A cada dia que passa, parece que está sendo difícil das pessoas quererem ouvir as palavras de Deus. Agente só falta implorar para que determinada pessoa pare e escute sobre o plano de salvação de Deus, e isso se agente não estiver firme, acaba trazendo pra si um desânimo e desespero. Então, acho que temos que estar preparados para todo tipo de recepção, pois encontraremos pessoas, descrentes, desanimadas, carentes, aflitas e talvez, pessoas que nunca se quer alguém parou para fazer uma pequena evangelização.

    Responder
  • Mara disse:

    Que Deus seja a nossa direção sempre.

    Responder

Seu comentário é muito importante! Comente! Regra 1 - Seja respeitoso - Regra 2 - Não aprovamos comentários de anônimos - Regra 3 - Não publicaremos mais comentários que não tenham a ver com o tema do artigo - Obs.: Todos os comentários são moderados antes de serem publicados.