A Bíblia realmente condena o sexo antes do casamento ou isso é uma invenção dos religiosos?

Postado por em: #VocêPergunta

Antes de me casar, como qualquer jovem, eu sonhava – e muito – com o momento de ter minha primeira relação sexual. Logo aos 14 anos me converti e fui apresentado ao pensamento pregado na igreja de que sexo antes do casamento era pecado. No começo eu não acreditava nisso, principalmente por causa dos hormônios que estavam à flor da pele. Mas resolvi ver com meus próprios olhos – na Bíblia – se Deus condenava realmente o sexo antes do casamento ou se era mais uma regra religiosa sem fundamento.

a-biblia-condena-o-sexo-antes-do-casamento

(1) Nossa análise começa na criação, quando Deus dá orientações ao primeiro casal, que acabara de formar: “Por isso, deixa o homem pai e mãe e se une à sua mulher, tornando-se os dois uma só carne.” (Gênesis 2.24). Esse texto já nos traz uma ideia bem clara sobre a vontade de Deus no relacionamento de um casal! Homem e mulher tornam-se “uma só carne” – expressão usada para a relação sexual -  após assumirem um compromisso um com outro e perante a sociedade (deixa o homem pai e mãe e se une à sua mulher). É evidente que o texto fala do sexo dentro de uma união de casamento! Por mais que alguns “moderninhos” tentem defender o sexo fora do casamento como correto, não dá para enquadrá-lo dentro da orientação de Gênesis 2.24!

Aos mais céticos, darei mais alguns bons exemplos bíblicos sobre a questão:

(2) Em 1 Corintios 6.18 temos uma orientação interessante: “Fugi da impureza. Qualquer outro pecado que uma pessoa cometer é fora do corpo; mas aquele que pratica a imoralidade peca contra o próprio corpo.”. A palavra grega usada para “impureza” nesse texto é “porneia” e é aplicada com o significado de “relações sexuais ilicitas”. No contexto do texto apresentado, que fala sobre a união do crente com Cristo e da “união” do crente com o pecado, Paulo usa o exemplo de uma união sexual com uma prostituta (Veja em 1 Co 6.16). Nesse sentido fica claro que temos aqui uma clara menção, dentre as várias formas de imoralidades sexuais, do sexo antes do casamento como sendo impureza e imoralidade, coisa que representa um pecado e da qual devemos fugir.

(3) Paulo trabalha ainda mais essa questão dando um conselho interessante a casais solteiros que estão muito “acesos”: “Caso, porém, não se dominem, que se casem; porque é melhor casar do que viver abrasado.” (1 Cotintios 7.9). Se sexo antes do casamento não é pecado, por que não apagar logo essa “chama” antes mesmo de casar? Por que Paulo não orientou que transassem logo e, depois, quando tivessem vontade, se casassem? Por que Paulo orienta que a “chama” da vontade de transar seja apagada apenas após o casamento? Fica claro que é porque é pecado e não agrada a Deus!

(4) Não existe nenhuma menção positiva na Bíblia do sexo praticado antes do casamento e nem qualquer orientação ou incentivo a respeito da prática de sexo antes do casamento. Pelo contrário, essa atitude é enquadrada como pecado: “e que, quando for outra vez, o meu Deus me humilhe perante vós, e chore eu sobre muitos daqueles que dantes pecaram, e ainda não se arrependeram da impureza, prostituição e lascívia que cometeram.” (2 Corintios 12.21 – Grifos meus – Cf. Gálatas 5.19; Colossenses 3.5). Todas as palavras grifadas apontam para um uso errado da sexualidade. Observe a ênfase no uso de três palavras diferentes para enquadrar tais práticas! Isso mostra uma preocupação grande com os absurdos praticados e o quanto desagradam a Deus.

(5) A menção positiva e o incentivo que vemos na Bíblia é ao casamento como algo vindo de Deus para a bênção do ser humano. O uso da sexualidade é abençoado – apenas – dentro dele: “Digno de honra entre todos seja o matrimônio, bem como o leito sem mácula; porque Deus julgará os impuros e adúlteros.” (Hebreus 13.4). Observe que se o casamento é digno de honra, as outras formas de “união” são desonrosas, o que é claramente apontado pelo trecho “porque Deus julgará os impuros e adúlteros”.

(6) Dessa forma concluímos que Deus realmente não aprova o sexo antes do casamento e que essa regra não é apenas uma imposição religiosa como alguns dizem!

   

Gostou desse artigo? Receba novas postagens em seu e-mail!

Comente usando seu Facebook ou use o sistema de comentários normal no fim da página

360 comentários

  • Mauricio pinheiro paula disse:

    segui a paz com todos,e a santificação sem a qual ninguem vera a Deus,que esta matéria ninguem ofenda nem defraude pois comtra os tais vem a ira de Deus ,Deus não nos chamou,para impureza.quem descarta isto não nega a homem mais há Deus.

    Responder
    • Fernanda disse:

      Não sou contra a palavra de Deus, muito pelo contrário, mas acho essa questão um pouco delicada, acredito sim que sexo antes do casamento seja pecado, porém essa é uma área de grande dificuldades hoje no meio evangélico. vivemos em uma sociedade cheia de cobranças, onde é necessário ter uma casa para morar, ter condições de fazer uma festa de casamento, ter um bom emprego para sustentar a casa, etc… muitas pessoas hoje tem não tem essas condições, e por isso acabam pecando realizando sexo antes do casamento, fica muito difícil julgar as coisas generalizando, acredito sim que Deus vai olhar as intenções do coração quando for nos julgar um dia. Abraços á todos.

      Responder
      • Sergio disse:

        Fernanda, para sexo ser pecado como dizem a bíblia deveria definir o que é um casamento, não procure nela por que ninguém vai encontrar, o que falta para muitos é se aprofundarem no assunto.
        Só não estufei Teologia por que não tive tempo, o laboratório que trabalho não me dá sossego mas, o que foi necessário sobre a sexualidade isso eu estudei e até Grego para entender um pouco sobre a palavra formicação e outras coisas.
        Estude e talvez entenda sobre a demonização que algumas religiões fizeram a respeito do sexo e principalmente sobre o sexo feminino.

        Um abraço e fique com a paz de Cristo.

        Responder
      • rafael disse:

        Não minha opinião temos que decidir se servimos a sociedade ou servimos a Deus.
        Quando Acreditamos e confiamos em Deus ele suprir nossas necessidades e nos ajuda a seguir seus caminhos sem olhar para os lados.

        Responder
        • Thomaz Izidoro disse:

          Amigos, servir a Deus é muito aquém disto tudo. Isso envolve diversos textos coesos e um aprofundamento teológico e histórico, – isto, histórico! Vale ressaltar que a igreja de hoje é, em tamanho proporção, diferente de seu início.

          Responder
          • Wilians Charles disse:

            Usar dificuldades financeiras (humanas) para justificar um erro perante Deus?! Muito simples para o ser humano, não?! Mas é como eu falo: é muito cômodo para o ser humano fazer as coisas segundo a sua vontade, não conforme a vontade de Deus, já que a vontade de Deus tem regras e o ser humano odeia regras!
            Sexo antes do casamento é fornicação, fornicação é pecado!
            Quer seguir a Deus ou a este mundo? Então faça sua escolha enquanto ainda há tempo!

          • Sergio disse:

            Willians, algum tempo depois me relacionei sexualmente com minha namorada, não fomos crucificados por tal ato, e algum tempo adiante foi que fomos ao cartório não para legitimar nem validar nossa situação por que de antemão em nossos corações e perante Deus já tínhamos validado tal ato,
            Não precisamos de terceiro para que pudéssemos está sob o mesmo teto, o cartório só nos serviu para a parte material da coisa e só.
            É lamentável taxar atos por consenso mútuo e que não prejudica ao próximo de fornicação.
            Me mostre na bíblia o que valida um casamento, não procure, não vai achar.
            Todo o cerimonial foi criado por nós mesmo e teve até data para começar
            Mas afinal o que dá validade para que as pessoas possam morar juntos, o que é um casamento afinal?
            Para nós, um contrato social, e para outros um sacramento e em outras culturas como será?
            Como Lutero casou, como Lutero se relacionou sexualmente ? se só havia o sacramento do matrimônio que foi reafirmado no concilio de Trento realizado pela Igreja Católica, você acha que ele foi casar lá onde discordava? onde ele conseguiu um documento emitido por quem quer que seja para validar uma união perante Deus se não me falha a memória com uma ex-freira?
            Lutero estava na fornicação por não ter aceito o Sacramento e por ainda não ter em mãos um documento de cartório?
            Vamos retroceder um pouco mais, e os personagens Bíblicos todos estavam na formicação, Adão e Eva fornicaram, José e Maria também?
            Se pra você uma simples cerimônia valida uma união, um ato , na bíblia isso não existe.

            Fique com a paz de Cristo.

        • sandy junior disse:

          na minha opiniao o sexo deve ser considerado uma coisa sagrada, mas quando e feito no momento certo.ou seja apos o casamento, saindo desse momento podemos dizer que ja nao tem o mesmo significado.se torna, nada mais que mais um prazer momentaneo.

          Responder
      • saul disse:

        Nem a altura e nem a profundidade fará nos separar do seu amor, no entanto o sexo fora do casamento é pecado sim, o homem mudou muitas coisas para seu próprio benefícios inclusive esse assunto, Deus não muda as suas doutrina por homem nenhum… portanto quem conhecer a verdade e não seguir antes não tivesse nascido…

        Responder
      • Emerson disse:

        Concordo contigo… Se for feito com quem ama e vai se casar, não vejo pecado. E Deus sabe das intenções de todos os seus filhos.

        Responder
      • Leu Junior disse:

        boa noite a todos, percebi algumas coisas, vou colocar meu ponto de vista(tudo que aprendi), matrimônio, segundo a bíblia é a união carnal e espiritual entre o homem e a mulher(sexo), na versão religiosa é posto como um ritual, com um intermediário: padres, pastores ETC.Ou seja não é pecado ter relações sexuais com quem amamos, o sexo feito entre duas pessoas virgens é daí que acontece o matrimonio, não precisamos de ritual algum(casamento em templos, com a benção de um intermediário entre os noivos e Deus), não é difícil entender, nos que dificultamos(e muito) a interpretação da bíblia.

        OBS: promiscuidade, fornicação e prostituição é pecado, eu só quis colocar aqui neste comentário, a minha visão diante do matrimonio.(não precisamos de religião, nem de intermediários, nos mesmos somos o templo de deus, e temos autonomia para interagir com o mesmo.)

        Responder
        • JANIO LIMA disse:

          CONCORDO O POVO E IGUAL PAPAGIAO SO SABE AQUILO QUE FALAM PENSE COMO SE FOSSE UM DEUS QUE CONHECESSE O FUNDO DO CORAÇAO E DA ALMA E CONHECESSE O FUTURO DA PESSOAS PAPEL SO CONFIRMA O QUE ENXISTE ENTRE CORAÇAO

          Responder
      • kleyton disse:

        não si considera homem suficiente…pra administrar uma familia!

        Responder
      • Acelino Junior disse:

        A palavra de Deus é única, sexo fora do casamento é formicação que é condenado por Deus.
        Se o seu parceiro lhe cobrar sexo antes do casamento e você achar que essa cobrança é difícil lembre-se dos ensinamentos de Jesus amarás o senhor teu Deus acima de todas as coisas as outras coisas vem em segundo lugar. que Deus os abençoe

        Responder
        • Sergio Murilo disse:

          Acelino, o que constitui um casamento segundo a bíblia?

          Responder
        • sininho disse:

          Acelino, se sexo antes do casamento é pecado da fornicação eu não sei só sei q eu não desejo mais meu noivo por conta disso faz é tempo e q ultimamente já q o mesmo não pode comparecer, rsrsrsrs… e eu sou novinha eu tenho tido todas as noites sonhos eróticos intenso com desconhecidos (homens q nem sei se existem) o q já tá até me incomodando. E nem sei o q fazer qto a isto! Eu desconfio da sua resposta é obra do capeta. Se é obra do capeta eu não sei, só q tô com mto medo de mim!!! É sério isso!!! =/

          Responder
          • Sergio Murilo disse:

            Sininho, na antiguidade esses sonhos eram interpretados como obra de satanás, chamavam de súcubo ou íncubos de acordo com o gênero, hoje sabemos que são fantasias, descobrimos que nada mais são do que desejos naturais que quando não realizados explodem dessa maneira, quantas e quantas noites eu passei em tormentos, isso só acabou quando encontrei com quem hoje convivo.
            Não tenha medo, quem criou esses desejos foi Deus, e ele criaria algo tão ruim?

            Fique com a paz.

      • maria betania disse:

        Como cristão deve ter a mente de cristo por isso que fores chamado. Se não tem objetivo de casar é melhor viver solteira.

        Responder
      • Thiarles disse:

        Nada justifica o pecado, certamente se não houver um arrependimento sincero o juízo de Deus será sobre a vida de quem pratica. Também o pecado trará consequências para o casamento.

        Responder
        • Sergio Murilo disse:

          Thiarles, não acredito que a Fernanda está justificando alguma coisa,
          Muitos fazem de um pingo d’água uma tempestade e infelizmente essa neurose é terrível no nosso meio.
          Onde está o pecado se dois maiores se amam, estão de pleno acordo e não prejudicam terceiros?
          Um documento que ambos assinem tira pecado ou é o sangue de Jesus Cristo?
          Por que só a mulheres ficam com a tal da “culpa” e a parcela de homens é insignificante para não dizer que não existe esse sentimento entre nós.
          Você sabia que em se tratando de ordem sexual e outras coisas mais foram feito por machos a favor dos próprios machos ?
          Alguém sabe que o bloqueio sexual feminino começou por razões econômica e que quando o Cristianismo entra em cena piora ainda mais e só para o “sexo frágil”
          Alguém pode dizer, esse cara não é evangélico, sou sim, a diferença é que fui ver se as coisas eram realmente assim.
          pedir perdão por um ato que duas pessoas fizeram por consentimento, sem prejudicar o próximo e com amor; isso é um absurdo.

          Responder
          • Miriam disse:

            É pecado sexo antes do casamento e por quê? Por favor, cite textos.

            Pergunta de Elaine, serra
            Resposta de Luiz da Rosa, em 28/09/2007
            Share on facebookShare on twitterShare on emailShare on printMore Sharing Services
            77

            Leia mais sobre Sexo

            A sexualidade faz parte do ser humano e o caracteriza durante toda a sua existência. Não é, portanto, uma atribuição ou uma capacidade funcional, mas é a sua modalidade substancial. Segundo o Gênesis ela é uma realidade boa e a diferença sexual faz parte do projeto de Deus (homem e mulher Deus os criou – Gn 1,27). O mesmo livro retém que o significado da sexualidade está na união (Os dois serão uma só carne – Gn 2,24) e na procriação (sede fecundos, multiplicai-vos – Gn 1,28).
            Sendo parte integral da pessoa, o pecado afeta também a esfera sexual. E a Bíblia fala da tentação a qual a sexualidade é exposta, a dor do parto e o abuso do homem sobre a mulher.
            Com o passar do tempo o pensamento cristão sobre a sexualidade sofreu a influência de correntes baseadas em visões ascéticas e rigorosas, que sublinhavam aspectos negativos relacionados com ela e também em relação à corporeidade e ao prazer sexual. O resultado foi o abomínio da sexualidade e a criação de muitos prejuízos.
            Ultimamente o pensamento tem mudado e a sexualidade vem reconquistando o seu justo valor e se liberta de posições morais tradicionais como aquela que aceitava a sexualidade apenas em caso de procriação ou como algo que devia ser tolerado para evitar outros pecados.

            Você que lê essas linhas pensa: “E quando será respondida a pergunta?” Na verdade não existe uma resposta pronta. De modo errôneo, pensamos que a Bíblia é um livro que dá respostas. Não é assim. Dá fundamentos para o nosso comportamento e cabe a cada comunidade continuar a leitura e atualização da Palavra de Deus.

            Não tem nenhuma passagem bíblica que fala explicitamente sobre o sexo antes do casamento. Trata-se de uma questão moderna. Da mesma forma a Bíblia não diz que se pode fazer sexo antes do casamento. Dá, contudo, algumas indicações que precisam ser lidas com olhos críticos e sempre dentro da comunidade.

            A partir disso poderíamos, por exemplo, retomar o texto do livro do Gênesis. O homem deixa o seu pai e a sua mãe para viver com sua mulher; os dois se tornam uma só carne (2,24). Essa passagem não diz nada sobre o sexo antes do casamento, mas fundamenta toda eventual relação sexual. Quando duas pessoas fazem amor se tornam ‘uma só carne’, uma unidade. O ato sexual une duas pessoas, rendendo-lhes conjunto, um casal. De fato Jesus (Mt 19,5-6) retoma a passagem do Gênesis e acrescenta: “já não são dois, mas uma só carne. Portanto, o que Deus uniu, o homem não deve separar”. Nesse sentido pode ser lido o texto de Êxodo 22,15-16, onde se diz que se algum homem seduz uma jovem não casada deve, como consequência, tomá-la como esposa.

            Esses textos não são categóricos em afirmar que não se pode fazer amor antes do casamento. Todavia são claros em afirmar a importância do ato sexual: não é um jogo e nem simples busca de prazer, mas expressão de amor e responsabilidade.

            Fazer amor não é apenas um ato como qualquer outro, mas engloba diversas dimensões antropológicas tais como aquela pessoal e interpessoal. Quanto à dimensão pessoal, quando fazemos amor, nos confrontamos com a responsabilidade em relação a nós mesmos, ao nosso crescimento como pessoa. Fazer amor engloba também a dimensão interpessoal, isto é, o ato sexual exige que consideramos o outro como uma pessoa e não um simples objeto de consumo.

            Elaine, a leitura da Bíblia evidencia essas idéias e nos ajuda a comportar de modo conseqüente.

            Sérgio, encontrei este artigo dentre muitos que li, confesso que sempre tive dúvidas com relação a tal tema, mais creio que Deus é amor e Ele olha a intenção do nosso coração. Hoje encontramos muitas pessoas que querem arrumar um pretexto para tais práticas e não se preocupam em agradar a Deus e ver o que realmente Ele quer, muitos preferem condenar os outros, para que possam esconder os seus pecados. Eu acredito que não seja pecado, até porque o ato de casar na igreja ou em um cartório civil foi instituído pelo homem e não por Deus, mais em sua palavra diz que devemos sim obedecer as leis dos homens, então neste quesito fica a dúvida… Mais por outro lado, podemos trazer tantas outras coisas na Bíblia que poria muita gente contra a parede, é fácil falar que praticar o ato sexual antes do casamento é pecado, sem procurar realmente saber a origem de tal palavra “fornicação”…. É lamentável ver que as pessoas estão preocupadas em julgar tais assuntos e não julgar a si mesmos… Na palavra de Deus está escrito que não devemos julgar ninguém e quem somos para tal feito? É fácil vir aqui e condenar tais atitudes e não olhar para a minha, assim como o próprio Deus disse, é mais fácil ver um cisco no olho do irmão, do que uma trava no sono… Com relação a tais julgamentos, nis tornamos hipócritas, nos tornamos como os fariseus, que julgavam e condenavam, mais por dentro e longe dos “holofotes” eram sepulcros caiados… o que vemos nos dias de hoje são fariseus e não discípulos de Cristo… Deus é amor e a única coisa que Ele nos pede é o nosso coração, mais que seja uma entrega verdadeira… Li a maioria das coisas que escrevestes e de muitos outros e fico triste com muitos, pois não entenderam o significado da palavra “AMOR”, claro que me incluo, pois cometo pecados… só espero que pensem e não acreditem no que os homens dizem, pois na Bíblia está escrito… Maldito o homem que confia no homem!… Nem sempre o que julgamos está correta, aliás, nunca esta… mais uma coisa, para quem acredita que é pecado, provém, pois um texto fora do contesto vira pretexto… e para refletir, se matar é pecado, muitos pregadores não tem pegado algo físico, mais sim usado a palavra para matar, mais como não utilizou nada para tirar a vida do próximo não é pecado? e se Deus diz que o suicídio é pecado, porque Sansão se matou? Se matar é pecado, porque Davi matou muitos e ainda foi considerado o homem segundo o coração de Deus?
            Que Deus abençoe a todos e a você Sergio, li que não fez teologia, eu fiz e dizem que quem faz fica meio louco…rs
            Quando tiver uma oportunidade, faça.

      • Linda Oliveira disse:

        Deus não habita em meio a pecados, Ele não pode agir. Por experiência própria. Antes de eu ter me convertido, meu filho dormia em casa com a sua namorada, na época para mim era normal, não tinha nada de mais, porém com o tempo esta situação começou a me incomodar e muito, um dia eu estava orando e uma voz disse Acabe com isto agora, e eu sabia do que se tratava. Resolvi obedecer a voz de Deus e a parti dali proibi. Foi a partir desta mudança que Deus começou operar grandemente na minha casa e na minha vida.A Paz

        Responder
      • JANIO LIMA disse:

        PAZ SEJA COM TODOS ACREDITO MUITO NO DEUS QUE SIRVO ELE E FIE JUSTO UNICIENTE ONIPOTENTE NAO JULGUE PARA NAO SER JULGADO QUANDO COMEÇAMOS JULGA EXERCEMOS JULGAMENTO DE DEUS SOBRE NOS ENTAO PLA PALAVRA NAO E PERMITIDO E NOS HUMANOS SO TEMOS UM CAMINHO E UMA LEI A BLIBIA SOMOS LIMITADOS A ELA TEMOS QUE ANDAR POR ELA POIS NAO SOMOS DEUS NAO CONHECEMOS O CORAÇAO HUMANO SE ACEITAMOS UM DAMOS LIBERDADE A TODOS MAS ACREDITO QUE QUANDO FAZEMOS SEXO ANTES DO CASAMENTO .TEMOS QUE SER BEM CONVICTO QUE A PARTI DE ENTAO SOMOS AMBOS UMA SO CARNE NAO PODEMOS MAS NOS SEPARAR TEMOS UM COMPROMISSO UM COM OUTRO E AS VEZES ATE COM DEUS MAS HUMANAMENTE FALADO TEMOS QUE CONCORDA QUE ESTAMOS PECANDO MAS SE NOSSO COMPROMISSO E SERIO Q NADA POSSA NOS SEPARA UN DO OUTRO DEUS CONHECEDOR DO CORAÇAO HUMANO CERTAMENTE SABERA ENTAO ACREDITO DEUS NAO LANÇARA NO INFERNO MAS PLA LEI BLIBICA ESTAMOS FORNICANDO POIS NINGUEM CONHECE NOSSO CORAÇAO

        Responder
      • Ivan junior disse:

        Concordo plenamente, inclusive, estou passando justamente por essa situação de tem que ter uma casa, sustentá -lá, um bom emprego, e etc…
        Sou empresário, tenho 23 anos, mas ainda não tenho estabilidade.
        Vou noivar esse ano em dezembro, e a única solução depois de casar, é morar de aluguel…

        Responder
  • Angela disse:

    Proibir o sexo antes do casamento chamando-o de prostituição é, no minimo, exagero!(conforme as passagens citadas) Prostituição é uma prática sexual por dinheiro, ou chame de comércio sexual profissional, e ainda assim, pecaminoso quando praticado por livre expontânea vontade, ou seja, sem arrependimentos. Senão Jesus não mencionaria que meretrizes nos antecederão no Reino de Deus, senão não arrependermos de tantas outras coisas pecaminosas…eu digo, que sexo antes do casamento é questão de escolha! . Chamar isso de prostituição só produz culpa, medos, e muito mais curiosidade ainda já que o proibido atrai.

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Angela, vejamos o significado de prostituição no Grego:

      πορνεια porneia

      1) relação sexual ilícita
      1a) adultério, fornicação, homossexualidade, lesbianismo, relação sexual com animais etc.
      1b) relação sexual com parentes próximos; Lv 18
      1c) relação sexual com um homem ou mulher divorciada; Mc 10.11-12
      2) metáf. adoração de ídolos
      2a) da impureza que se origina na idolatria, na qual se incorria ao comer sacrifícios oferecidos aos ídolos

      Acho que fica claro que a palavra engloba muito mais do que você citou em seu comentário.

      Responder
      • Anonima disse:

        Concordo plenamente.
        Acontece que eu ainda tenho uma duvida referente a questão…
        Há um trecho bíblico, não recordo qual que diz que só de pensar ja estamos pecando…
        Então não é melhor logo realizar o ato em si do que ficar sentindo desejo, cobiça, montando fantasias em mente, até mesmo se masturbar (que também é pecado)?
        Olha, dizer o que é e o que não é pecado é muito fácil. Ter justificativas também. Agora vc poderia criar um artigo que pudesse orientar a como evitar, ou fugir desses pecados “sexuais” que são coisas que para as pessoas do mundo e até mesmo para crentes se tornaram banais… Muito casal crente hoje em dia acha comum terem seus filhos vivendo fornicações e outros atos referente a praticas de termo sexual.
        É muito complicado pra mim fugir de um pensamento perverso… Eu peco muito em pensamento… Sendo assim, por que não pecar fazendo o ato em si?!

        Responder
        • André disse:

          Pois, embora vivamos como homens, não lutamos segundo os padrões humanos.
          As armas com as quais lutamos não são humanas; pelo contrário, são poderosas em Deus para destruir fortalezas.

          Destruímos argumentos e toda pretensão que se levanta contra o conhecimento de Deus, e levamos cativo todo pensamento, para torná-lo obediente a Cristo.
          2 Coríntios 10:3-5

          Desde o inicio pecado é apresentado primeiro como ideologia então se alguém aceita consentindo com o maldito conceito é originado o pecado

          Então a cobiça, tendo engravidado, dá à luz o pecado; e o pecado, após ter-se consumado, gera a morte.Tiago 1:15

          Comece a observar que você vai perceber que toda tentação vem acompanhada de argumentos presunçosos que dizem ser tanto, ocasião conveniente como gratificante os atos indicados pela tentação.
          Depois que você praticou fica mais difícil perceber os detalhes que ocorreram antes. Mas observe como isso acontece quando se apresenta a você a tentação de algo que alguma vez você já praticou. Observa se primeiramente o que se apresenta são ou não os argumentos. Por isso que você deve refutar os maus pensamentos e se arrepender de consentir com conceitos e ensinamentos reprovados por Deus. Comece a militar o combate citado em Efésios a partir do 6:10 e 2 Coríntios 10:3-5

          Que o ímpio abandone seu caminho, e o homem mau, os seus pensamentos. Volte-se ele para o Senhor, que terá misericórdia dele; volte-se para o nosso Deus, pois ele perdoará de bom grado.Isaías 55:7

          Responder
        • Anônimo disse:

          Eu não sou evangélica, mas creio que Deus nos Deu o livre arbítrio de fazer nossas escolhas. Não concordo quanto ao que foi posto SEXO = ADULTÉRIO… adultério pelo que eu entendo é quando o homem trai (homem ser humano). Se sexo fosse realmente pecado, Deus não teria nos dado o dom de conceber filhos, já que para concebê los temos que praticar o ato. Pra mim… pecado mesmo é : MATAR, ROUBAR, DESEJAR o pior ao outro.

          Responder
        • Carlos CC disse:

          A Bíblia tem a resposta. Lâmpada para os meus pés é a tua palavra e luz para o meu caminho (Salmos 119.105). O 1º passo é evitar os maus pensamentos, ocupando a mente com o que é proveitoso, pois quase tudo que é mal começa nos pensamentos (Mt 15.19). 2º passo afastando os olhos daquilo que é mal para voce(Salmos 101.3). Voce pode começar realizando esse 02 passos. Em relação o versiculo que voce nao lembra está escrito em Mateus 5.27,28 ” .. Não cometerás adultério. Eu porém, vos digo que qualquer que atentar numa mulher para a cobiçar já em seu coração cometeu adultério com ela.”. Jesus está esclarecendo que só em voce alimentar em sua mente uma relação sexual com certa pessoa ja está pecando. Acontece que se o ato sexual não for consumado, ainda dá tempo pra se arrepender desses maus pensamentos.

          Responder
          • roberto disse:

            boa tarde, Carlos tudo bem? gostaria de mais ajuda para enfrentar esse caminho.

        • alvany nascimento disse:

          concordo plenamente que se ha um compromisso entre um casal e a sentimentos logo tanbem surgira desejos pois e impossível amar alguém sem desejá-la beijar ou tocar a quem se amar sem desejá-la então e melhor que se amem com sinceridade diante de deus que evite o pegar no ato e leve o desejo para os cobertores ou banheiro de casa deus condena a prostituição que e diferente quando se tem alguém com quem firma-se um compromisso viver abrasado-se e viver sendo guiado pelo fogo da paixão em continua orgias,ou desejos que não contenha-se manifestado insastifacao tal que levar o homem ou mulher ao adultério que e a infidelidade daqueles que unidos traem o concerto e confiança um com outro,quero ressaltar que DEUS AO CASTIGAR Adão E EVA ele ordenou que fosse e multiplica e enche-se a terra ,ele não os enviou ou cartório ao padre au pastor ele determinou que ela pagaria seu pecado com a dor do parto ele teria que trabalhar duro para comer o pão de cada dia vejo e entendo que a muitas doutrinas e jugos imposto por homens que ele próprio nao sao capazes de cúprico-los como disse jesus veste-se de largas roupas empoem jugos ao povo que nem com dedo mindinho querem carregar nao tenho teologia mas amo meditar na palavra do senhor nela aprendo que os pensamentos de deus não são os meus pois os meus, ou os nossos sao mal desde a meninice,vir o comentario da irma de 46 anos que nao consegue o casamento pois o varao nao consegue estar com ela no namoro de 1 ano sem toca-la bom se nao for com aquela que ama sera uma outra que eventualmente sera iludida e ferida pois acreditara a ponto de ceder um ato sexual com um homem que vai usa-la somente porque nao pode tocar em quem ama kk isso e abisurdo sera que assim deus aprova acho que devemos rever esses conseitos !falomos de sentimentos niguem e 100 p cento santo samos pecadores a bliblia afirma aquele que diz nao ter pecado e mentirosso pois pecamos em obras pensamentos palavras

          Responder
          • Liotilda da Silva Felipe disse:

            anônimo : Pois bem Alvany , já vi que você conhece bem algumas passagens da Bíblia, só é uma pena que você não conhece a verdade,. conhecerás a verdade e a verdade vos libertará.

          • fernando colaco disse:

            não sei se entendi, mas adao e eva não condenados por ato sexual mas por desobecerem um ordem de Deus…?,….fiquei com duvida no que escreveu!

      • vanessa gestal disse:

        Por favor , peço que vc tente me esclarecer uma duvida …..Vamos colocar uma situação em q um casal q já moram juntos …tem filho e tudo mais ….cheguem na igreja …terão q se abster do sexo te q se casem legalmente ?

        Responder
        • André Sanchez disse:

          Vanessa, vou dar minha opinião nesse caso. Creio que trata-se de uma união estável. Na prática, o casal já está casado. Mas acho importante que regularizem a situação a fim de serem bom testemunho em sua comunidade e para que consertem aquilo que fizeram errado durante anos.

          Responder
        • Lucas Soares Zorzetto disse:

          Quem vive a anos com pessoa e nunca traiu é um casamento, só falta se apresentar diante de Deus! Abraços

          Responder
          • Sergio Murilo disse:

            Lucas, não há esse mandamento na Bíblia, cerimônias e tudo mais é uma invenção cultural e religiosa.

            Abraços

        • Rogerio Lázaro disse:

          VANESSA,

          Bem… Este é um dos vários assuntos cercado de mitos e lendas, graças a costumes e tradições…
          O que acontece com frequência é que ensinam várias “doutrinas” aprendidas por tradição, ou seja, alguém ouve de alguém que ouve de alguém e por aí vai…
          Então você pega aquela “doutrina” e vai pesquisar na Bíblia e… não encontra! Se você pedir para os “doutrinadores” mostrarem qual a base bíblica utilizada você ouve um monte de simbologia e linguagem figurada ou até mesmo conclusões baseadas em “achismos” e interpretações muito particulares, mas as Escrituras (de Gênesis a Apocalipse) não apresentam nenhum tipo de condenação para quem convive maritalmente. Biblicamente falando não existe a obrigatoriedade de alguém oficializar em cartório sua união. Biblicamente, também, ninguém consegue encontrar qualquer evidência de que os casamentos realizados tivessem passado por esse processo, mesmo os casamentos dos homens e mulheres de Deus. A Bíblia apresenta uma grande variedade de casamentos aprovados e abençoados por Deus onde a única forma de oficializar a união era através da apresentação do casal diante de Deus. Em alguns casos de maneira bem discreta e em outros casos seguido de alguma celebração aberta para a comunidade.
          Uma união oficializada em cartório é uma questão da cultura e particularidade de um país. Há países em que a união em cartório é algo praticamente colocado em segundo plano. E então? Os crentes de um país assim estariam em pecado? Em tempos antigos, mesmo no nosso país, a união em cartório era algo que poucos casais faziam. Mesmo aqueles que eram tementes a Deus. As uniões eram na base do amor e do respeito.
          Como biblicamente não há nada que declare a união em cartório um obrigação o argumento utilizado pela igreja é que o casal deve REGULARIZAR ou LEGALIZAR sua união pela lei dos homens “para ter as bênçãos de Deus”.
          Quanto a isso, vamos considerar a seguinte realidade:
          Para REGULARIZAR uma situação ela antes deve ser IRREGULAR diante da lei dos homens, mas… qual é a “lei dos homens” que diz que uma união de um casal que viva maritalmente é IRREGULAR?
          Para LEGALIZAR uma situação ela antes deve ser ILEGAL diante da lei dos homens, mas… qual é a “lei dos homens” que diz que uma união de um casal que viva maritalmente é ILEGAL?
          Não existe NENHUMA LEI DOS HOMENS QUE DIGA O QUE A IGREJA DIZ QUE A LEI DOS HOMENS DIZ!
          As igrejas colocam a situação de uma maneira em que as pessoas se sintam como se estivessem transgredindo a “lei dos homens” e, consequentemente, a Lei de Deus.
          Quem transgride as “leis dos homens” e está em situação ILEGAL ou IRREGULAR pode ser considerado transgressor ou criminoso! Esse é o caso de quem vive maritalmente?
          Como as igrejas não encontram nada na Bíblia para obrigar as pessoas a irem até um cartório acabam usando o argumento de que “devemos obedecer a lei dos homens”.
          É verdade que temos que obedecer a lei dos homens, pois isso é ordem bíblica. Mas, um casal quando decide formar uma família, ao não oficializar a união em cartório eles não estão cometendo nenhuma transgressão legal nem estão irregulares diante da lei. Se estivessem “desobedecendo a lei dos homens”, ao serem descobertos convivendo juntos, as autoridades públicas iriam tomar as devidas providências e desfazer “aquela união que é contra a lei”.
          Alguém consegue imagina essa cena? Totalmente fora da realidade! Se o que a maioria das igrejas anda dizendo tivesse coerência seria exatamente isso que aconteceria.
          Biblicamente falando uma família, para ser constituída e abençoada por Deus, não depende de uma certidão emitida por qualquer cartório. Estou dizendo isso BIBLICAMENTE! O problema é que falam muita coisa com a Bíblia fechada. Se abrirem a Bíblia para procurar uma base sólida para muita coisa que dizem, não vão encontrar e terão que voltar para a Teologia do “achismo” e da tradição. Querem dizer que um casal que viva em união (mesmo que respeitando-se, amando-se e honrando seu lar e ao Deus que os criou) está em pecado? Se querem realmente afirmar isso precisam apontar provas bíblicas!
          Um dos argumentos “furados” que usam é que o casal está cometendo pecado de fornicação, pois estão fazendo sexo fora do casamento. A grande questão é que, BIBLICAMENTE qualquer casal que assuma publicamente uma relação conjugal e que constitua um lar NÃO ESTÁ ENQUADRADO NO PECADO DE FORNICAÇÃO, POIS A FORNICAÇÃO NÃO SE TRATA DE SEXO ENTRE O CASAL QUE VIVA MARITALMENTE. NINGUÉM CONSEGUIRÁ ENCONTRAR NADA NA BÍBLIA PARA AFIRMAR ISSO!
          Apesar de tudo isso quero dizer que deve-se INCENTIVAR a oficialização da união em cartório. Não se pode é OBRIGAR dizendo aquilo que o próprio Deus nunca disse, ou seja, dizer que existe pecado onde a Bíblia não diz nada!
          Deve-se INCENTIVAR (não OBRIGAR através de ameaça) a oficialização em cartório por uma questão ASSISTENCIAL e PREVIDENCIÁRIA. O que isso quer dizer? É importante e benéfico quando o casamento é oficializado em cartório por que marido e mulher terão benefícios em relação à assistência de saúde e acesso a benefícios da previdência de uma forma mais garantida. Exemplos: ser dependente de plano de saúde do cônjuge, receber indenização/pensão por falecimento ou invalidez do cônjuge, entre outras coisas.

          Em suma: oficializar uma união em cartório não se constitui em obrigação legal como tradicionalmente a “igreja” ensina. Oficializar uma união em cartório é, ao contrário, um direito e benefício concedido pela legislação do país.

          Responder
          • Sergio Murilo disse:

            Realmente, Igrejas inventam e inventam muitas coisas para bobinhos acreditarem, muitos desses mal leem um evangelho quanto mais outras coisas.
            Culpas e culpas, fornicação e pecados, quantas fantasias.
            Excelente seu comentário

          • André Sanchez disse:

            Sérgio, lamentável a sua generalização. Você já estudou a Bíblia inteira alguma vez? Conhece a fundo as questões e as práticas existentes em todos os lugares para ser tão generalista?

          • Sergio Murilo disse:

            André, o comentário do Rogério é sensacional. Quanto aos estudos sim, um pouquinho de cada coisa segue:
            A Bíblia,História, Grego, Latim, teologia,Filosofia e um pouco de cultura de outros povos, são ao todo 215 livros e ainda acho pouco.
            Quanto há generalização é por aí, quando se trata de sexo é pura neurose e invenções.
            O Rogério tá corretíssimo , argumente com ele também.
            Se tratando de um debate ou questionamento não espere que todos concordem.

            A paz de Cristo.

          • Ricardo disse:

            Concordo plenamente com essa opinião…conhecer uma moça ou moço hoje e já ter relação sem compromisso nenhum, sem ter a certeza de que é com essa pessoa que você quer passar o resto da sua vida, essa relação é pecado…
            Mais a partir do momento que você conhece uma pessoa e decide passar o resto da sua vida com ela, não precisa de cerimonia ou cartório para assumir essa relação perante a sociedade, só de as pessoas verem os dois juntos na rua e você falar pra todos que vc ama aquela pessoa, e que é ela que você vai ter pra sempre ao seu lado, você já vai estar assumindo essa relação, faça sexo, honre e e seja fiél a essa pessoa por toda sua vida, e isso nunca vai ser pecado.
            Não existe na biblia e nem na lei do homem algo que diga que a cerimonia de casamento ou cartório são obrigatórios, isso tudo foi o homem que inventou.

          • Sergio disse:

            Ótimo comentário Ricardo.
            São muitas invenções e quem não estuda ou quem não quer estudar a fundo a tendência é acreditar em quase tudo que empurram de goela abaixo.

          • israel alves disse:

            Aonde foi o Primeiro milagre de Jesus ?

          • Rogerio Lázaro disse:

            Prezado, Israel Alves, o primeiro milagre de Jesus (registrado nos Evangelhos) foi em um casamento e você bem deve saber, pois usou de uma pergunta retórica. Na verdade sua pergunta é um tanto quanto inútil e desnecessária, uma vez que a resposta já está declarada em meu comentário anterior. Assim sendo, e facilitando sua busca pela resposta, repetirei a parte que se aplica diretamente ao seu questionamento:
            (espero que desta vez você consiga entender)

            “Biblicamente falando não existe a obrigatoriedade de alguém oficializar em cartório sua união. Biblicamente, também, ninguém consegue encontrar qualquer evidência de que os casamentos realizados tivessem passado por esse processo, mesmo os casamentos dos homens e mulheres de Deus. A Bíblia apresenta uma grande variedade de casamentos aprovados e abençoados por Deus onde a única forma de oficializar a união era através da apresentação do casal diante de Deus. Em alguns casos de maneira bem discreta e em outros casos seguido de alguma celebração aberta para a comunidade.”

            Graça e Paz!

          • jakeline disse:

            seu comentário é completo

          • Ana disse:

            Nossa… ler sua resposta me confortou o coração… vivo junto com meu noivo ha um ano e por isso nao frequentamos igreja(nos afastamos do espaço fisico e nao de Deus, creio q Ele é misericordioso e no ama, pois conhece a motivação do nosso coração) e nem participamos da ceia… muitas sao as criticas… no meu trabalho tem uma jovem que vai casar com tudo boinitinho eles sao membros de igreja e vire e mexe outros colegas fazem acusações da minha situação… no auge da emoção cheguei a dizer q entao eu iria para o inferno… mas nao é isso q eu quero! Mas quero tao logo oficializar nossa uniao para voltarmos a congregar… Muito obrigada!

          • PR. RENÉE RICARDO disse:

            CONCORDO COM OS COMENTÁRIOS DE VANESSA, MAS ELA NÃO CONSIDEROU ALGUMAS COISAS. MUITO DO QUE TEMOS HOJE COMO LEI OU NORMAS NA SOCIEDADE FOI ESTABELECIDO ATRAVÉS DE UMA TRADIÇÃO, OU SEJA, UM GRUPO DE PESSOAS OU COMUNIDADE ENTENDEU QUE DETERMINADO COMPORTAMENTO É MELHOR PARA SE SEGUIR E ESSE PENSAMENTO ACABA POR ATINGIR A MUITOS, O QUE PASSA A SER LEI.

            SE ANOS DEPOIS ALGUÉM QUESTIONAR A ORIGEM DAQUELA LEI, VAI CHEGAR NO PONTO INICIAL QUE DIZ: ACHAMOS QUE ESSE CAMINHO É O MELHOR; E SE ALGUÉM QUESTIONAR ISSO QUE SE ENTENDER COMO O MELHOR, TERÁ QUE APONTAR OUTRO CAMINHO, QUE SEJA MELHOR.

            A VERDADE É QUE HISTORICAMENTE O PADRÃO DA VIDA SEXUAL ENTRE DUAS PESSOAS NÃO ERA ESSA BAGUNÇA QUE É HOJE E TAMBÉM NÃO BASTAVA DUAS PESSOAS APENAS AFIRMAR QUE SE GOSTAVAM E QUE ERAM FIEIS UMAS AS OUTRAS: UM CERIMONIAL COM TESTEMUNHAS É UMA PRÁTICA ANTIGA QUE, INDEPENDENTE DE CARTÓRIO, PRECISA SER FEITO – UM ATO OU SINAL EXTERNO DE QUE DUAS PESSOAS SE COMPROMETERAM UMA COM A OUTRA É INDISPENSÁVEL.

            A VERDADE É QUE CARTÓRIO É UMA INVENÇÃO HUMANA (DEVERIA FAZER QUEM QUER); PORÉM, UM CERIMONIAL PÚBLICO COM UM OFICIANTE E UMA DECLARAÇÃO ORAL DO CASAL DE QUE SÃO COMPROMISSADOS UM COM O OUTRO PENSO SER INDISPENSÁVEL (E PODE SER FEITO DENTRO DE CASA, SEM CUSTO ALGUM OU COM UM CUSTO MUITO PEQUENO).

            SE ALGUÉM QUER RESPALDO BÍBLICO, TEMOS O PRÓPRIO CASO DE JOSÉ E MARIA; UM CERIMONIAL E TESTEMUNHAS MOSTRAVA QUE ELES ESTAVAM COMPROMISSADOS, MAS NÃO AINDA CASADOS E PARA O CASAMENTO, BASTAVA REALIZAR MAIS UM PROCESSO PÚBLICO CERIMONIAL E COM TESTEMUNHAS.

            CASAMENTO NA BÍBLIA NÃO É CARTÓRIO, MAS OS TEXTOS NOS MOSTRAM QUE CERIMONIA E TESTEMUNHO PUBLICO SEMPRE EXISTIRAM; E TUDO ERA SELADO COM O ATO SEXUAL, ONDE OS DOIS SE TORNAM UM A SÓ CARNE.

            PEGANDO SÓ COMO BASE A TRADIÇÃO, A BÍBLIA TAMBÉM FALA DO ESCÂNDALO; MESMO QUE SE TIVÉSSEMOS ESTABELECIDO UMA TRADIÇÃO DE SE REALIZAR UMA CERIMÔNIA, COM TESTEMUNHAS E UM OFICIANTE, QUEM É CRISTÃO E DESRESPEITA ESSA SUPOSTA TRADIÇÃO, PECA POR TRAZER ESCÂNDALO A UM PRINCÍPIO BOM QUE JÁ ESTÁ ESTABELECIDO. COMO DISSE: SE VOCÊ É CONTRA A ESSA SUPOSTA TRADIÇÃO DE SE MANTER O SEXO SÓ NO CASAMENTO (CERIMÔNIA, TESTEMUNHAS E OFICIANTE), VOCÊ TEM UMA PROPOSTA MELHOR?

            OUTRA COISA, VIVEMOS INSERIDOS NUMA SOCIEDADE E NOSSOS ATOS INFLUENCIAM OUTRAS PESSOAS; LOGO, NÃO TEM ESSE NEGÓCIO DE VOCÊ E SUA NAMORADA ESTABELECER UM PRINCÍPIO SÓ PRA VOCÊS DOIS PORQUE VOCÊS SE ACHAM PESSOAS RESPONSÁVEIS: VOCÊS VIVEM NUMA SOCIEDADE E NÃO NA LAGOA AZUL (SOLITÁRIOS).

            CONCLUSÃO: DO CARTÓRIO EU PENSO QUE DA PARA ABRIR MÃO, MAS DE UM CERIMONIAL PÚBLICO (COM UM OFICIANTE) E COM TESTEMUNHAS, ISSO NÃO DA PRA ABRIS MÃO, SENÃO, FICA MAIS BAGUNÇADO DO QUE JÁ ESTÁ.

            SE DEPENDESSE SÓ DE MIM, EU DISPENSARIA O CASAMENTO CIVIL (CASO O CASAL NÃO QUEIRA) E FARIA APENAS O CASAMENTO RELIGIOSO; CASAMENTO ESSE QUE PODE SER FEITO NA SALA OU NUM TERRAÇO DE UMA CASA – BASTA TER TESTEMUNHA E DECLARAÇÃO PÚBLICA D E FIDELIDADE DO CASAL.

            CÁ PRA NÓS: COM A POSSIBILIDADE DE CASAR DENTRO DE CASA E COM CUSTO PEQUENO (UM BOLINHO PRA GALERA), SÓ NÃO ACEITA CASAR QUEM DE FATO NÃO AMA, PORQUE QUEM AMA E É CRISTÃO, TEM O DESEJO MUITO FORTE DE CASAR.

            É VERDADE, PAULO DISSE QUE É MELHOR CASAR DO QUE ABRASAR…

            NAQUELA ÉPOCA NÃO TINHA CARTÓRIO, MAS PARA ALGUÉM SER DECLARADO CASADO, TINHA QUE TER UM CERIMONIAL, COM TESTEMUNHA: ALGUÉM TEM DÚVIDA DISSO?

          • tatiana lazaro disse:

            excelente seu comentário…..pois a falta de informação leva a muitos casais a andarem debaixo do julgo dos homens de Deus que usam de sua pseudo autoridade pra forçar a barra em veis de ouvir e aconselhar e esclarecer com amor e maturidade tal questão!excelente!

          • alvany nascimento disse:

            gêneses cap 2;verc;18,disse o senhor ;não e bom que o homem esteja so;falhes uma adjutora que esteja diante dele..gêneses cap;2 verc;24;deixara o varão seu pai e sua mãe e serão ambos uma so carne; e apos castigá-los ou senhor sobre sentença
            os lançou fora do jardim com a seguinte ordena-sa ide multiplicativos…as leis dos homens nos garante entre)( os direitos que justamente temos a adquirir na terra mas as benção do senhor não podem ser garantidas pelo homem ou leis da terra,se fosse assim não teríamos tantos divórcios principalmente no meio evangélico ate entre lideres que pregam contra ele o que deus umiu nao separara o homem
            a tantos casamentos ou união que não foi vista ou feita por padres que fazem bordas de prata ouro anos ate a morte e tantos outros que foi profetizado confirmado em visões revelações que não duram um ano
            e saber por que ?porque casaram sem conhecer um ao outro os defeito qualidades sem sentimentos por medo de ir pro inferno pois estavam sendo apontados ,cobrados pelos seu respective lideres que disse DEUS MOSTRO OU Falou SEM TER FALADO OU MOSTRADOS NAMOROS QUE MAL COMEÇAM E JÁ TA LAR OS SABIDÕES CONHECEDORES DOS PESAMENTOS DE DEUS OBRIGADO COM PALAVRAS FALSAS O JOVEM EM MENOS DE SEIS MESES CASAR ABSURDO;! MAS O DIA DE DA CONTA DO QUE ENSINAM VAI CHEGAR AI SIM onde deus falou ou mandou? essa pergunta vai ser respondida;;;;

        • Liotilda da Silva Felipe disse:

          Não necessáriamente Vanessa, más se for uma opção do casal, será sem dúvidas um gesto Louvável.

          Responder
        • Rafael C. disse:

          ótima questão Vanessa….

          Responder
          • Rafael C. disse:

            Vou dar minha opinião, que já era formada e que amadureceu ainda mais depois de ler várias outras opiniões aqui.

            1º.: Se o casamento é uma união em que declaramos viver o resto de nossas vidas com o parceiro, como que vou me casar com uma pessoa, pensando em ficar o resto da vida com ela, sem conhece-la completamente? Sem conhecer seu intimo?
            2º.: Não consigo enxergar como um pecado que vai me levar pro inferno, eu estar me relacionando com uma pessoa, ter sentimentos fortes por ela (amor), ela por mim e nós nos unirmos numa só carne, unidos esse sentimento. Não consigo enxergar esse Deus intolerante. Na bíblia se condena a imoralidade, onde está a imoralidade nesse ato? Ah, mas podem falar: “pra você fazer isso, você tem que estar com a esposa, com a pessoa que você viverá pelo resto de vida”….hoje eu posso amar minha namorada ou noiva, mas quem me garante que nos amaremos pro resto da vida? Quantos casamentos de diversas Igrejas se acabam? Muitos ou a maioria se acabam, porque são “forçados” a se casarem sem o total conhecimento um do outro, ou porque são jovens demais ainda. Mas a Igreja “força” esse casamento para que o casal possa realmente ser um casal.

            Será que Deus realmente condena quando um casal que se ama realiza o sexo com amor, com sentimento e com alegria? Será mesmo que esse Deus mandaria esse casal pro inferno por isso?

            A bíblia é um livro dinâmico, suas palavras mudam de acordo com as necessidades do homem. Nem sempre o que se era lei ou o que se pregava há 2 mil anos, é lei hoje. Nem sempre o que era certo há 2 mil anos, é certo hoje. Somente sábios conseguirão ler a Bíblia e saber interpretá-la corretamente. Outros, vão interpretar da forma que mais o convém.

            Acho que o mais importante é a pureza em seu coração. Se eu amo minha namorada e ela me ama e consumarmos esse amor, eu não vou conseguir entender isso como um pecado ou um erro e não vai ser um Pastor ou Padre que vai poder me julgar por isso.

      • bernardo disse:

        Então quer dizer que as pessoas divorciadas nunca mais vão poder trasar porque é pecado?

        Responder
        • André Sanchez disse:

          Eu disse isso no artigo?

          Responder
        • Liotilda da Silva Felipe disse:

          Meu irmão, você é livre, Deus nos criou livres, Jesus Cristo deu sua vida pela nossa liberdade quando nos éramos escravos do pecado, agóra você é livre para escolher à quem você quer seguir, o mundo ou àquele que morreu pela tua salvação.

          Responder
      • Vinicius disse:

        O que é relação lícita, a com amor ou a que o pastor aceita?

        Responder
        • André Sanchez disse:

          Vinicius, a relação lícita é a que a Bíblia diz que é licita.

          Responder
      • André disse:

        O caso da pergunta do rapaz é mais especifico, fornicação: Significado de Fornicação

        s.f. Vulgar. Ação de fornicar; sexo ou relação sexual; coito.
        Relação sexual entre pessoas que não são casadas ou não possuem um relacionamento estável.
        Religião. Relação sexual com teor pecaminoso; pecado de luxúria; pecados carnais.
        pl. fornicações.

        E a fornicação tanto em ato como em pensamento é condenada por Deus,

        Citação Bíblica
        Nova Versão Internacional

        Mas os covardes, os incrédulos, os depravados, os assassinos, os que cometem imoralidade sexual, os que praticam feitiçaria, os idólatras e todos os mentirosos — o lugar deles será no lago de fogo que arde com enxofre. Esta é a segunda morte”.
        Apocalipse 21:8

        Responder
        • alvany nascimento disse:

          fornicação,sexo com teor pecaminoso;pecado de luxuria ; a fornicação aconteceu no principio quando moisés no livro de gêneses cap32 verc ;7 quando deus revela a moisés o pecado de israel motivado pela incredulidade festejaram durante toda a noites adorando o bezerro de ouro que levantaram com deus as,mulheres se entregavam a cúpulas sexo-as aos homens e entre elas havia ali total desrespeito moral a troca de casal a relação de mulheres com mulheres maridos que coabitam com esposa de amigos no mesmo leito e a chamada e conhecida troca de casais isso e a fornicação em si propriamente dita a luxuria cometida mas frequentemente entre famosos,

          Responder
      • Ricardo disse:

        Nunca vi na biblia que temos que assumir o casamento perante a sociedade pra depois ter relação.
        O que eu entendo é que sexo sem compromisso sim é pecado.
        Se deve haver uma cerimonia religiosa e um casamento no cartório antes do ato, então muitos personagens da biblia viveram em pecado, na biblia diz que isaque tomou rebeca como esposa e coabitou com ela, não diz que eles fizeram cerimonia ou casamento no cartório
        A partir do momento que eu tenho certeza de que é com tal pessoa que eu quero passar o resto da minha vida, não vejo problema em ter relação, equanto eu não tiver certeza acho inconveniente a relação, mais caso contrario não vejo problema.
        O casamento com cerimonia e cartório quem constituiu foi o Homem, o casamento perante os olhos de DEus é a relação sexual, esse sim é o casamento constituido por DEus.

        Responder
        • Sergio Murilo disse:

          Ricardo,realmente, precisar de autorização de Padre, Pastor ou Juiz de paz para se relacionar com quem você quer ter uma vida a dois é uma invenção meramente humana.
          Os casais bíblicos e outros posteriores até onde não havia ainda cartório ou Igrejas estavam todos na fornicação, pecado ????????
          Cartório criado no Brasil em 24/01/1891
          Casamento em Igreja passa a ser obrigatório após o concílio de Trento 1545-1563
          Espero não ter errado em datas.

          Você está certo.

          A paz de Cristo

          Responder
          • Driele disse:

            bom entao se eu tiver um relacionamento com alguem um relacionamento serio e praticar sexo com esta pessoa eu vou estar pecando? Eu li os trechos na biblia mais não entendi muito bem o significados.

          • Sergio disse:

            Driele, não. como já expliquei para ser pecado a bíblia deveria definir o que é um casamento e sem contar que ninguém casa ninguém, são os dois que se casam,
            Se você for morar com alguém sem ter um documento emitido por um cartório lhe autorizando a fazer assim ,onde está o pecado?
            Se há consenso mútuo para tais relações e não prejudica o próximo onde está o erro?
            Quem estudar vai entender um pouco sobre a problemática sexual que o mundo antigo e principalmente o Cristianismo criou e principalmente quase que exclusivamente só sobre o sexo feminino.
            Estude, e quem sabe entenda alguma coisa sobre o tema, eu possuo 235 livros e ainda acho pouco: Teologia, grego, Filosofia,história da Igreja e da sexualidade.

            Fique com a paz de Cristo

          • Rogerio Lázaro disse:

            Sergio Murilo, você tem o livro “Eunucos pelo Reino de Deus” da autora Uta Ranke-Heinemann??? Este livro é muito recomendado por estudiosos que combatem a religiosidade e a repressão sexual em nome de Deus. Segundo comentários de quem conhece este livro traz á tona de forma clara e imparcial todo o mal que a religiosidade tem causado ao ser humano em nome de uma pseudo pureza. Trata-se de uma obra séria, histórica, sóbria e embasada somente em conceitos bíblicos e sem influências pagãs. Tenho procurado este livro, mas é difícil encontrá-lo disponível. Se você tiver o livro ou souber como faço para adquirí-lo ficarei muito grato!

          • Sergio disse:

            Rogério.eu tenho esse livro, ele é sensacional, aproveite que nesse momento ainda restam três no site “Estante virtual”
            A autora é teóloga e foi excomungada por revelar verdades, foi colega de faculdade do Papa emérito Bento XVI.
            Tenho 235 livros : Bíblias, Grego, Teologia, Filosofia, historia da igreja e sobre a sexualidade.
            um outro livro que também recomendo é: História da sexualidade de Peter N.Stearns.
            O que falta em muitos é estudos, sei que é caro e muitos nem tem disposição para ler um só evangelho quanto mais toda a bíblia e outros livros.

            Fique com a paz de Cristo.

          • Sergio Murilo disse:

            Rogério, já comprou o livro?

          • Rogerio Lázaro disse:

            Não, Sérgio! Não comprei ainda! Está muito caro!

          • Sergio Murilo disse:

            Rogerio, que pena! esse livro mostra muito sobre a neurose sexual que o macho inventou.
            Eu tinha dois, um doei mas, me arrependi, a pessoa mostrava interesse mas foi só fogo de palha.
            Muitos mal leem um evangelho quanto mais toda a bíblia e outros livros então……..
            Sei que é um pouco caro estudar, mas muitos mesmo tendo condições não teriam muita paciência quanto a leitura, por isso se deixam padronizar por ideias interpretativas de cada segmento.

            Poucos teriam saco pra ler 235 livros!

            Fique com a paz de Cristo.

          • Andressa Silva disse:

            Gostaria de tirar uma dúvida, se for possível, com Sérgio Murilo e Rogério Lázaro (se alguém mais quiser responder, ficarei grata). Tive relação com um namorado em que, por ser nova, acreditava gostar e me casar. porém, ele me fez muito mal nesse período e não continuamos juntos. Percebi então o erro que cometia, já que – apesar de acreditar que nunca ia acontecer – nós nos separamos depois de termos transado. Me arrependo do que fiz, já pedi perdão a Deus, e continuo a pedir sempre. Contudo, tenho um novo namorado, pretendemos noivar até o ano que vem (2014) e casar no cartório também em breve. Uma pessoa ótima, uma boa família, respeitador, amoroso. Assumimos um compromisso sério, e nos “consagramos como casados” (assim que falamos um ao outro) apesar de não termos oficializado (no cartório). Nesse tempo, tivemos relação sexual. Acreditamos, assim como afirmado em alguns comentários, que não há nada que fala sobre o sexo antes do casamento na bíblia, portanto, não é um pecado. Acredito sim, meu pecado ocorrera quando tive relação com outra pessoa e não me casei com ele. Mas estou consertando meu erro, e acredito estar em uma união verdadeira atualmente. Estou pecando em continuar tendo relações com meu namorado e marido (como eu acredito ser, por amá-lo verdadeiramente, respeitá-lo e, principalmente, mantermos uma vida cristã, onde Deus está em primeiro lugar) mesmo antes de oficializar no cartório e na Igreja o nosso casamento?

          • André Sanchez disse:

            Andressa, o casamento requer sim uma união civil e legal perante a lei. A Bíblia é clara sobre isso. Acabe com sua culpa regularizando essa situação que visivelmente te incomoda. Não vai resolver seu problema buscar apoio naqueles que não estão em consonância com a Bíblia Sagrada. Faça aquilo que é correto.

          • Sergio Murilo disse:

            André. poderia nos mostrar onde a Bíblia é clara sobre a obrigação de um documento emitido por um cartório para que uma união entre homem e mulher seja válida perante Deus?

          • André Sanchez disse:

            Sérgio, não existiam cartórios na época bíblica (é óbvio), mas existiam sim obrigações civis que eram cumpridas, inclusive com relação ao casamento. Basta dar uma estudada a fundo que verá claramente isso.

            Vou deixar um link aqui de um excelente artigo que explica o casamento de Isaque e Rebeca, que muitos utilizam para dar base para o “juntar” sem casamento legalizado: http://tempora-mores.blogspot.com.br/2013/10/isaque-e-rebeca-base-para-viver-juntos.html

          • Sergio Murilo disse:

            André, pacto entre família era o que existia no mundo antigo e quase nenhuma assinatura, a mulher raramente tinha direito algum, era tida como mercadoria e se não fosse virgem então……
            Não vejo ali uma determinação para que alguém tenha que ir a um órgão público para conseguir um documento que os autorizem uma convivência marital sem pecado, culpas ou crucificações, se pegar os textos como exatamente estão….
            Tudo era acordado entre famílias, hoje ainda é assim?
            A mulher quase não tinha direito de escolha, isso continua ?
            Alguém a pedido sai pra procurar esposos ( as ) ?
            Existe revelações indicando quem é de quem? e por aí vai.
            Havia realmente manifestações preliminares de familiares e não de um poder público que emitissem documentos.
            O casamento civil que tomou forças na revolução Francesa foi criado não por causa de pecado ou fornicação, é bom certas coisas serem registradas talvez precisemos desse registro para necessidades futuras.
            Algum tempo depois fui a um cartório não por causa da fornicação, não me senti mais casado por causa disso, continuei amando minha querida rabicó ( apelido de minha esposa) do mesmo jeito.
            “Viver juntos sem casar”, a convivência já é casamento, hoje está no querer dos dois e mais ninguém, assim eu fiz, por consenso mútuo, na “tenda” dos nossos corações, documentos vieram muito tempo depois.
            As obrigações civis como interpretam, na bíblia não existe.
            Não é um documento talvez inventado por um ATEU que faz homem e mulher casados perante Deus.

            Ás vezes demoro responder por que trabalho em um laboratório e chego em casa esgotado só querendo cama.

            Fique com a paz de Cristo.

          • Sergio Murilo disse:

            Andressa, você não errou, os males não deixarão de ocorrer só por que alguém vai ao cartório, vida a dois tem altos e baixos.
            Se você acha que deve ir a um recinto público para ter um documento emitido por eles vá, não há mal nisso, mas se for para tirar pecado ou fornicação é uma mera ilusão.
            Deus não tá preocupado com emissão de documentos ou palavrinhas mágicas.
            Ninguém casa ninguém, casamento tá no querer dos dois e só.
            Eu também me relacionei sexualmente assim e não me senti mal por isso e só depois foi que eu fui a um cartório não para legitimar nada e sim para a parte material e só, por que a afetiva já estava bem resolvida, eu tive sorte, a pessoa com quem eu estou parece que caiu do céu.
            Seria bom também que vocês esperassem um pouquinho para observar as intenções mas, reconheço que é um pouco complicado por que até mesmo com cartório e tudo mais se descobre depois que escolheu errado.
            Fique tranquila, como Lutero se relacionou sexualmente com uma ex freira ? já que tinha discordado da Igreja Católica pra onde é que ele foi pra legitimar sua união ? já existia cartório naquela época?
            E os personagens bíblicos estavam todos na fornicação por que Igrejas ainda não existiam e cartório muito menos
            Afinal, o que valida uma união, ninguém procure na Bíblia por que não encontrará.
            Você sabe como e quando começou a repressão sexual e só para a parte feminina?
            Eu aconselho que seria bom estudar e quem sabe descubra muitas coisas, tem pessoas que mal leem um evangelho quanto mais toda a Bíblia e livros em paralelos então …. não estou dizendo que você é assim.

            “Mulheres, sexualidade e a Igreja Católica” da Teóloga Uta Ranke-Heinemann e História da sexualidade de Peter N. Stearns.
            Sei que estudar é caro mas se puder siga em frente, estudei até um pouco do Grego para conhecer a danadinha da palavra “fornicação”
            E é ótimo ler toda a Bíblia também.

            Fique com a paz de Cristo.

          • Rogerio Lázaro disse:

            Andressa Silva,

            Sua dúvida já foi minuciosamente abordada tanto nos meus comentários tanto nos do Sérgio Murilo (já que você nos citou). Basta ler com atenção e, principalmente, conferindo tudo com sua Bíblia. Até mesmo para que você não deixe de estar em consonância com a Palavra de Deus! Está tudo registrado no histórico de comentários. Também recomendo uma pesquisa histórica sobre a “obrigação” do casamento em cartório. Por favor, não faça essa pesquisa apenas ouvindo opiniões pré-formatadas de lideranças eclesiásticas, sejam elas católicas ou protestantes. Não estou dizendo com isso que não haja pessoas confiáveis entre os tais! Apenas procure informação imparcial e sem vínculos institucionais. Falo isso por que conheço vários líderes eclesiásticos que admitem não haver nenhuma imposição divina em se emitir um documento em cartório para um casamento existir. Mas… admitem (nem todos, claro!) apenas em secreto e para algumas pessoas que já conhecem a verdade. Esses mesmos líderes, porém, adotam um discurso diferente em público. O motivo pelo qual não falam abertamente para a comunidade eu já sei, mas não é o foco da questão (eu era um deles e participei de várias reuniões, concílios e congressos). Deixa pra lá…

            Quanto a tradicional afirmação religiosa de que “o casamento requer uma união civil e legal perante a lei e que a Bíblia é clara sobre isso”, recomendo que você procure na própria Bíblia onde que ela é tão clara sobre isso. Se você não achar, peça para que lhe mostrem o texto e contexto onde a Bíblia apresenta isso com tanta clareza. Mas, atenção! As citações bíblicas que te apresentarem tem que ser tão claras quanto dizem que são a respeito do assunto! Afinal de contas, dizem que a Bíblia é clara, não é?

            Ainda com relação à obrigação legal (já que esse detalhe também foi levantado) busque esclarecimento jurídico a respeito da legislação que trata dessa obrigatoriedade.Peça que lhe mostrem qual a lei ou decreto que obriga alguém a oficializar sua união em cartório. Se possível consulte um especialista em direito.

            Depois tente fazer uma conexão entre a legislação espiritual (Bíblia) e legislação humana de nosso país e veja se consegue encontrar o fundamento de tudo aquilo que a tradição religiosa tem ensinado.
            Ao concluir seu processo de busca caberá exclusivamente a você e ao seu parceiro decidirem qual a decisão que melhor se enquadra na realidade de vocês.
            Sem sentimento de culpa. Sem constrangimento. Com uma consciência pura e livre de condenação. Mediante uma fé madura, sólida e alicerçada somente em um relacionamento direto com o Pai Eterno.

            Graça e Paz!

            *Impossível não fazer uma sincera menção de agradecimento ao ANDRÉ SANCHEZ que, apesar de divergirmos em relação ao assunto, tem demonstrado uma postura bastante ética e educada neste espaço. Tal postura não é comum, mesmo entre aqueles que se dizem servos de Deus!
            Obrigado, ANDRÉ! Que as bençãos do Altíssimo continuem repousando sobre tua casa!

          • Sergio Murilo disse:

            Rogério, não sei se Andressa sabe mas talvez ela leia esse comentário.
            A obrigação de casamento ser registrado em cartório no Brasil data de 24/01/1890.
            O sacramento do matrimônio data do século Xll e passa a ser obrigatório no concílio de Trento que foi realizado pela Igreja Católica ( 1545-1563 ) isso mesmo, durou 18 anos.

            Vamos tentar desmistificar certas invenções meramente humana mas sem deixar a palavra de Deus de Lado.
            Aprecio muito seus comentários.
            Realmente , André tem uma postura interessante,

            Fiquem com a paz de Cristo.

          • Henrique disse:

            Caro Sergio. A palavra de Deus nos fala sobre o casamento perante Deus e perante o homem. Perante Deus e quando o casal pede a confirmação de Deus para receber uma pessoa que ele nos manda e perante o homem a oficialização do casamento na lei do homem.

            Resumo. Sexo fora do casamento e pecado sim! temos varias passagens bíblicas mostrando isso.
            Deus nos ensina isso, porem os homens sempre querem comprovar o contrario da palavra de Deus.

        • alvany nascimento disse:

          concordo plenamente

          Responder
          • Sergio Murilo disse:

            Caro Henrique e Alvany, nunca disse que não devemos ter a presença de Deus ou confirmação.
            Se tem que ser com a lei dos homens como cita, então estude sobre a união estável.
            .

      • PAUO ROBERTO SILVA disse:

        Tá mas…o que os gregos tem a ver com a historia? Se fossem os chineses,ou os maltas…eles daríam o mesmo significado??? estamos misturando as coisas…costumes….povos…e DEUS respeitava costumes…Jesus por exemplo,era um nazareno,não colocava as mãos em defunto!!!!
        Quem coloca as mãos em defuntos está em pecado,só pq a biblia diz,para ser-mos imitadores de Jesus?? Ôba…então vamos beber bastante vinho,e dançar em festas! estamos aqui,querendo nos sentir deuses……tentando impor,e criar nossos proprios costumes! tá tudo muito errado….alguém aqui confía cegamente nas traduções biblicas?? é isso mesmo? vcs todos tem a mais absoluta certeza?? ah…qual é…creio em DEUS,sinto a presença dele,mas….se existe amor em ambas as partes,não é pecado!!!!

        Responder
        • irmão disse:

          E que Deus lhe perdoe porque você não sabe o que diz.

          Responder
      • fernando colaco disse:

        acredito que voce deve ser um teologo né?…e tem todas as respotas para tudo!

        Responder
        • André Sanchez disse:

          pPlo contrário, estudo todos os dias para tentar entender o que não entendo hoje

          Responder
    • marcya disse:

      Não são os cristãos que proibem é a biblia!
      do que adianta seguir só o que agente acha legal?
      essa é a verdade e a verdade é para ser dita!

      Responder
    • Sergio Murilo disse:

      Ângela, você é bem inteligente, todo esse processo quanto ao sexo eu estudei, até um pouco de Grego para entender essa tal palavra “fornicação”

      Responder
      • PR. RENÉE RICARDO disse:

        Sergio, você me parece (humanamente) uma pessoa boa, mas algo estranho me chamou a atenção em você: você fala muito dos seus 235 livros; daqui a pouco alguém aqui vai falar que leu 300 livros e não demora, aparece um homossexual para defender, BIBLICAMENTE!, o homossexualismo dizendo que leu 301 livros… E por ai vai.

        O curioso é que você fala de tradições humanas e coisas inventadas pelo homem: todos os seus livros foram criados pelo homem e (exceto a Bíblia), Nenhum deles é reconhecido como inspirado.

        Não estou negando o valor dos livros, mas querer citar quantidade de livros lidos ou que possui, como forma de argumentação… FALA SÉRIO!

        Deixo duas perguntas pra você:

        1ª pela pesquisa que você fez da palavra FORNICAÇÃO tem como definir(sem dúvidas!) o que significa exatamente a palavra FORNICAÇÃO ou essa palavra, no grego, traz a ideia de uma série de sentidos, que podem ter aplicações variadas e até opostas entre si? Da pra definir a palavra (sem sombra) de dúvidas e colocar um ponto final?

        Depois explico porque fiz essa pergunta, mas a ideia já está subentendida.

        2ª concordo com você sobre a não necessidade do cartório; mas você acha que um cerimonial público, com testemunha, um oficiante e um pacto (aliança) de fidelidade é dispensável também?

        aguardo!

        Responder
    • Sergio Murilo disse:

      Ângela, você é bem inteligente, todo esse processo quanto ao sexo eu estudei, até um pouco de Grego para entender essa tal palavra “fornicação”´
      Se as pessoas estudarem um pouco como todo processo neurótico sexual começou descobrirá muitas coisas.
      Sexo quando duas pessoas se permitem contanto que não prejudique ninguém não há erro algum.
      Abraços.

      Responder
    • eliseu teixeira disse:

      Amados, Já que o proibido atrai, será que todos devemos furtar, todos devemos matar??? Pois se fazer sexo antes do casamento não é prostituição, que nome devemos dar? Será uma questão de escolha ou de regra a cumprir? Estimados, penso que todas as sociedades regem-se por regras de condutas sociais, morais, religiosas e etc. cujo objectivo principal é de criar harmonia e convivência entre os homens evitando os possíveis conflitos. De igual modo os cristãos têm como regra Bíblica o cumprimento escrupuloso dos 10 Mandamentos, o velho e o novo testamento. Pois se todos considerarmos que o sexo ilícito, é uma opção, que testemunhos daremos aos mais novos? Será que devemos incentivar a juventude a praticar sexo, fora do casamento, para ensaiar? Caros leitores, Em vários Países do Mundo têm surgindo crianças de 12, 13,14 anos grávidas, Porquê? Isto é fruto do pecado e da desobediência aos mandamentos do criador. Para reflexão, vou reforçar com a carta de Paulo, acima citado, 1Cor. 6. 13, 15,18, e 19. Em suma “Obedecer é melhor do que sacrificar…” e a Rebelião é como o pecado da feitiçaria…”. 1 Sm. 15. 22.23. Grato, pela oportunidade. Eliseu Teixeira.

      Responder
      • Sergio Murilo disse:

        Eliseu, concordo que toda sociedade tem que ter limites, se não…… agora, taxar um ato de duas pessoas que decidem conviver maritalmente como pecado, fornicação etc só por que não tem um documento emitido por um Juiz de paz ou por não ter ouvido palavrinhas mágicas ” eu vos declaro marido e mulher ” é um absurdo.
        Claro que a Ângela está certa. prostituição é um ato realizado sem vínculo algum e provavelmente por dinheiro.

        Responder
        • PR. RENÉE RICARDO disse:

          proponho um olhar diferente: esqueçamos, por um momento, a Bíblia. O que temos agora é um fórum de debates onde dois grupos tem propostas diferenciadas. considerando u contexto atual onde as mulheres não são respeitadas, onde o sexo virou necessidade vital (o que não verdade); enfim, onde pessoas são tratadas, sexualmente, como objetos descartáveis ou de multi-uso: Use a vontade, não esqueça da camisinha.

          CONSIDERE ESSE CONTEXTO REAL.

          A GRANDE QUESTÃO É DEFINIR QUAL É O MELHOR MODELO OU PROPOSTA PARA QUE TODA A SOCIEDADE VIVA MELHOR. O OLHAR DEVE SER NO BEM SOCIAL E NÃO NO BEM INDIVIDUAL, FAMILIAR OU DE UM CASAL.

          1ª PROPOSTA: que pessoas possam procurar. livremente, seu parceiro e ao entender que encontrou, firmem um compromisso sério de namoro, SEM SEXO, para que possam realmente perceber que se amam e assim, constituir uma família, se Decididos estiverem em viver juntos, terão que declarar isso publicamente à sua família e em seguida à sua comunidade, através de um ato cerimonial público,. com testemunhas: o cerimonial em si, é uma declaração de compromisso de fidelidade entre os dois (que também pode ser precedido de um noivado).

          O primeiro ato ato sexual selará definitivamente o compromisso social e (para os religiosos) mistico/espiritual. os que fizerem assim, serão declarados casados e devem ser respeitados como compromissados. CREMOS QUE ASSIM, TEREMOS FAMÍLIAS MELHORES, POR CONSEQUÊNCIA, UMA SOCIEDADE MELHOR:

          ASSIM PROPOMOS!

          2ª PROPOSTA: concordamos em parte com a primeira proposta; todavia, Entendemos que se uma pessoa diz amar alguém, não há porque não querer firmar esse relacionamento num cartório para ambas tenha segurança financeira, no caso de morte ou separação.

          Entendemos também que uma pessoa que desfaz um relacionamento amoroso, precisa de um tempo para se refazer emocionalmente e (em muitos casos) financeiramente, ficando assim preparado para um novo relacionamento. Nesse caso, o tempo judicial para um casal se separar, acaba sendo um período de renovação emocional necessária e preparo para um novo relacionamento. CREMOS QUE HÁ UM DEUS NO CÉU, QUE TEM PRINCÍPIOS ÉTICOS E MORAIS;

          E ASSIM PROPOMOS, ACREDITANDO QUE TEREMOS UMA SOCIEDADE MELHOR.

          3ª PROPOSTA: Acreditamos que teremos uma sociedade melhor quando estivermos livres de leis e dogmas. acreditamo que cada pessoa deve decidir por si mesma, cada um é dono de seu corpo e cada um deve assumir as consequências de suas atitudes. se quer namorar sem sexo e esperar o casamento, que namorem; se querem namorar e transar sem casar, que namorem e transe; se querem fazer os dois, que façam. NÓS ACREDITAMOS EM DEUS, MAS ACHAMOS QUE ELE TEM COISAS MAIS IMPORTANTES PARA RESOLVER E DEIXOU ESSAS DECISÕES COM A GENTE.

          Concordamos que cada um deve ser advertido das consequências de suas decisões.

          ASSIM CREMOS E ASSIM PROPOMOS, ACREDITAMOS QUE ASSIM TEREMOS UMA SOCIEDADE MELHOR.

          Proponho que você, leitor, faça uma análise dessas propostas e veja qual dos três caminhos seria o melhor; independente do que a Bíblia diz, me parece que uma análise da forma como o mundo vive, em relação ao sexo e a muitas outras questões, é fácil concluir que caminhamos para o caos.

          MESMO QUE VOCÊ TENHA OUTRAS PROPOSTAS SOCIAIS OU EMENDAS A UMA DELAS, SE TIVESSE DE VOTAR NUMA DESSAS TRÊS PROPOSTAS SOCIAIS, QUAL DELAS VOTARIA?

          NOTA.: ANDRÉ, NEM SEI SE POSSO OU PODIA USAR ESSE ESPAÇO PARA FAZER ISSO; SÓ FIZ POR ACREDITAR QUE SOMA AO NOSSO DEBATE.

          Responder
          • PR. RENÉE RICARDO disse:

            ESQUECI DE REVER O TEXTO PARA FAZER ALGUMAS CORREÇÕES; ENTRE OUTROS ERROS ESTÁ O NÚMERO DE GRUPOS: TRÊS, E NÃO DOIS.

      • alvany nascimento disse:

        não misture as coisas estamos numa conversa entre adultos que dever ensina aos jovens a verdade sobre o que e e não e pecado o que e e não e compromisso com alguém não estamos falado de atos diabólicos como os que vc sitou este são nascidos da carne que vivem para a carne filhos da cobiçar que tem sentimentos infrenes como os filhos dos gigantes que cobiçaram os filhas de DEUS SÃO SEMENTES MALI GUINAS QUE SÓ DESTROEM;GÊNESES 6 VERC;5 E 6 MEDITACAO

        Responder
    • Pastor Reginaldo disse:

      Sexo antes do casamento não é prostituição e sim (Fornicação) e juntando tudo e pecado do mesmo jeito, fika a dica para minha irmã angela!!!

      1. Fornicação

      Por Dicionário inFormal (SP) em 09-12-2007
      Ato ou efeito de fornicar. Ter relações sexuais por puro prazer, para satisfazer os desejos da carne. Coito carnal.

      Ele cometeu o pecado da fornicação.
      Não fornicarás (Êxodo, 20,14).

      Responder
      • Rogerio Lázaro disse:

        Reginaldo,

        Quanto ao fato da prática do sexo antes do casamento ser fornicação, não vou entrar neste mérito, porém você não esclareceu nem definiu biblicamente o que é fornicação.

        Perceba que você apenas citou um imperativo que consta no livro de Êxodo, mas não explicou biblicamente em que se enquadra o versículo citado. Dizer apenas “Não fornicarás” para uma ovelha que está desorientada sem explicar o que é fornicar não é doutrinar.
        Quando você tentou explicar através de um dicionário você acabou trazendo mais confusão, pois dizer que fornicação é “Ter relações sexuais por puro prazer, para satisfazer os desejos da carne” acaba colocando todas as pessoas casadas que se relacionam sexualmente sem propósito de procriar na mesma condição de fornicadores.

        Quando ostentamos um título ou cargo eclesiástico maior cuidado devemos ter, pois há ovelhas desorientadas que seguem sem contestar qualquer coisa que digamos para elas.

        Ao Eterno toda a glória!

        Responder
        • Sergio Murilo disse:

          Rogério, excelente comentário, que bom ter pessoas assim.

          Responder
      • PR. RENÉE RICARDO disse:

        dicionário informal?!!!!

        Responder
      • alvany nascimento disse:

        RESUMINDO TUDO ISSO VAIDADE DE VAIDADE TUDO E VAIDADE PARA DEUS NÃO HA PECADINHO PECADÃO TUDO E PECADO ,PECAR QUEM TIRA UM TIL DA PALAVRA .PECA QUEM ACRE SENTAR UM J, PECAR QUEM MENTIR IGUALMENTE A OU QUE ROUBOU MATOU ADULTEROU OU SEJA EU NÃO TOQUEI NELE SENHOR; ..EU SO MASTURBEI PENSADO NELA OU NELE EU NÃO PEQUEI ;!;;E ISSO QUE DEVEMOS PREGAR? ME POUPE
        A PAZ PRA TODOS
        MEU PENSAR E CONSELHO E NÃO TOQUE SE NÃO A AMAR NÃO SEDA SE NÃO HOUVER CERTEZA DO QUE QUEREM SE NÃO HA SENTIMENTOS OU COMPROMISSO SE TEM CERTEZA QUE E SUA REBECA PEÇA A BENÇÃO DO PAI PREPARE O JUMENTO DE GLORIA A DEUS E VÁ SIM BORA NA PAZ , SEJAM UMA SÓ CARNE UM SÓ ESPIRITO

        Responder
    • Haroldo P. O. Junior disse:

      Quero deixar aqui alguns questionamentos para os leitores e para o responsável por essa publicação o senhor André Sanchez.
      Começo citando as passagens do texto acima: Ao meu entendimento que pode ser errôneo, a parte, (Caso, porém, não se dominem, que se casem; porque é melhor casar do que viver abrasado), não significa necessariamente pecado como sugere a parte, (Fica claro que é porque é pecado ). Acredito que esse termo usado pelo autor não consta na Bíblia. O texto apresenta ainda uma inversão no sentido das coisas, sua própria conclusão e interpretação da vontade de DEUS. Mesmo que DEUS não ordene e não agrade dessa pratica, não consta como (pecado), o contrario ou seja (sexo antes do casamento), e mesmo que essa não é a vontade de DEUS. Qual é a referencia Bíblica em que os questionamentos são realmente condenados, como sugere o autor? Creio que as palavras grifadas, (impureza, prostituição e lascívia que cometeram), apontam sim para um uso errado da sexualidade como sugere o autor. Contudo qualquer que seja as palavras utilizadas, qual a ligação com (sexo antes do casamento), ou tem ligação e significado a diferentes praticas no caso (sexo ilícito) o que pode ser considerado diferente de sexo (antes do casamento) .
      Mesmo que: Não existe nenhuma menção positiva na Bíblia do sexo praticado antes do casamento e nem qualquer orientação ou incentivo a respeito da prática de sexo antes do casamento.
      E mesmo que Isso demonstre uma preocupação grande com os absurdos praticados e o quanto desagradam a Deus. Eu gostaria de qualquer citação na Bíblia que se refere ao casamento, ou mesmo ao sexo?

      Consideropromiscuo julgar e concluir a verdadeira a vontade de DEUS, o que ela gosta, e aprova, ou que o desagrada e ele condena. O que é pecado e o que não é. Muito fácil julgar e condenar, mas não entendo por que não pregar a misericórdia e o perdão, afinal de contas tudo e a palavra de DEUS.

      Responder
      • André Sanchez disse:

        Haroldo, creio que o texto está bem claro. Pra mim é evidente a questão do sexo antes do casamento.

        Você poderia exemplificar segundo a sua visão quais são os significados “reais” das palavras prostituição, lascívia, impureza?

        Responder
        • HAROLDO PEDRO DE OLIVEIRA JUNIOR disse:

          Sim, aqui estão os significados para mim!
          Prostituição
          1) relações sexuais ilícitas (o mesmo que “sexo sem compromisso”)
          2) adoração de ídolos (sentido metafórico)
          3) Usar o corpo como mercadoria,mediante remuneração ou seja ato sexual comercializado.a palavra prostituição vem do verbo latino prostiture,que significa expor publicamente por a venda.
          4) Troca consciente de favor sexual por dinheiro ou algum outro benefício, isto é, não se limita apenas à troca do ato sexual físico por dinheiro; ela abrange toda a forma de obter prazer sexual mediante pagamento.

          Lascívia
          1) Conduta ultrajante, pensamentos ou atos totalmente imorais que induzem a sexualidade.
          2) No dicionário, lascívia significa libidinagem, sensualidade; grande inclinação para a luxúria.
          Luxúria = licenciosidade, entrega à libertinagem.
          Libido= instinto sexual.
          Lascívia, no grego ?aselgeia?, significa licenciosidade, sensualidade exagerada. Está em discussão a conduta marcada por desejo sexual irrestrito voluntariamente pervertido.
          Não confundir luxuoso com luxurioso. A lascívia não esta ligada com luxo e ostentação e sim com o desejo desenfreado pelo sexo.
          3) Podemos dizer que a lascívia é o desejo incontrolável pelo sexo a ponto de abusar da moralidade pública e privada.
          Lightfoot define lascívia como devassidão, indecência aberta e desavergonhada.
          A pessoa envolvida pela lascívia possui um desejo incontrolável podendo este desejo levar a pensamentos pervertidos e a atitudes imprevisíveis.

          Impureza
          1) Significado da palavra: De acordo com o dicionário da língua portuguesa, impureza significa contaminação, sujeira. No original grego a palavra usada é “akatharsia” que quer dizer literalmente impureza, imundícia; esse termo era aplicado para se referir vícios e impurezas nas questões sexuais. Também era usada para indicar uma ferida suja na carne.
          2) Definição: Podemos definir que a impureza é tudo o que contamina o nosso corpo. Dentro deste contexto, toda prática sexual que contamina o nosso próprio corpo como templo de Deus.
          3) A Impureza à luz da Bíblia: No pensamento de Gálatas 5.19, o apóstolo Paulo não nos mostra apenas que a impureza é uma obra da carne, mais no sentido da aplicação da palavra, ele deixa claro que a impureza sexual contamina o corpo e torna o crente imundo. O apóstolo faz isso sem citar quais os tipos de impurezas ou vícios sexuais, mais o faz de uma forma abrangente. Devemos lembrar que toda prática sexual impura quebra a nossa comunhão com Deus e contamina o nosso corpo. Assim, impureza no sentido bíblico, é relacionada ao mau uso da sexualidade humana. E isto é uma coisa, infelizmente, comum e até normal nos dias atuais. A impureza é incentivada nas propagandas, nas novelas, nos filmes, nas leituras, nas conversas das rodas, etc…
          Se nosso interior for impuro, tudo nos será impuro. O mau uso de nossa sexualidade só nos traz conseqüências destrutivas. Somente dor e tristeza. Devemos cuidar de nosso pensamento, de nossas brincadeiras, de nossa linguagem para não sermos considerados “impuros” perante nosso Deus.

          O senhor poderia até citar Fornicação, contudo sexo ilícito e sexo antes do casamento são coisas diferentes, e esse termo não se encaixaria caso fosse para um casal de namorados.

          Senhor André, não estou aqui para critica-lo, longe de mim, sou evangélico e estudante de Psicologia, só que o contrario do senhor, eu penso que tanto os três significados das palavras não tem nenhuma ligação com sexo antes do casamento, salvo “quando ha compromisso” e sim com o sexo sem compromisso que é o mesmo que (sexo ilícito) ou seja é permitido se a pessoa realmente ira se casar com a outra. O senhor disse que o texto esta claro, porem em nenhum trecho da Bíblia cita que é errado ou pecado, mesmo que não faz parte do plano original de DEUS, ou mesmo no que Paulo disse “Caso, porém, não se dominem, que se casem, porque é melhor casar do que viver abrasado.” (1 Cotintios 7.9). Senhor André eu sou questionador por que a palavra não pode e não deve ser interpretada erroneamente. Caso o senhor me apresentar em algum versículo que é pecado ou errado, o sexo entre um casal de namorados (noivos), me tornarei seu apoiador, caso não consiga te tomarei como mais um religioso conservador cheio de doutrinas. Gostaria de apresentar ao senhor um texto de um teólogo que muito mais estudado que eu como referencia http://www.abiblia.org/ver.php?id=212&id_autor=2&id_utente=&caso=perguntas#.Ukb_PtK-rg9

          Um abraço e que DEUS te abençoe.

          Responder
    • Haroldo Junior disse:

      Sra Fernanda compartilho com seu ponto de vista, e quero te informar que esse site visa colocar uma postura conservadora e doutrinaria da igreja, conclusões a partir de um ponto de vista conservador, se a senhora estudar realmente as mesmas passagens trata-se um plano original da vontade de DEUS mas mesmo assim ele não condena, e não ha citação alguma que autorize ou não autorize a relação antes do casamento. Ao meu ver estão tão ligados a valores morais e culturais que não buscam a verdade a partir da palavra, mas condenam a partir de suas próprias convicções. Se o Sr André Sanchez se importa tanto com a verdade cite o texto onde esta escrito que relação antes do casamento e pecado ou errado. Mas cite mesmo, não frases que dão margem a outras interpretações. No mais um abraço e DEUS abençoe a todos!

      Responder
      • André Sanchez disse:

        Haroldo, aqueles que defendem o liberalismo adoram dizer que na Bíblia não está escrito exatamente: “Não façam sexo antes do casamento”, porém, uma avaliação cuidadosa do texto sagrado mostra claramente isso. Foi o que expus no texto.

        Responder
  • Abmael Marcelo dos Santos disse:

    Aq anônimo,leia em Filipenses4.8.

    Responder
  • Lucas Moreira disse:

    A minha pergunta é, a Bíblia é um livro que deve ser lido e interpretado literalmente, ou é um relato de um momento da história e o contexto onde foi escrito é importante para a interpretação do mesmo?
    Se formos interpretar a Bíblia fora do seu contexto histórico, ignorando pra quem o texto original foi escrito, então podemos acreditar que se podemos matar povos que não creem em Deus e não são os escolhidos, podemos guerrear em nome de Deus com outras pessoas, teremos que vestir nossas túnicas e voltar aos tempos medievais.

    Não sejam hipócritas a ponto de me dizer que vocês não mentem, não invejam, não idolatram alguma coisa, aí é que está a grande questão. Tudo é condenado na bíblia de maneira explícitas, os idolatras, mentirosos, não entraram no reino dos céus, isso não depende de contexto, mentiroso é mentiroso e ponto final. Agora, as igrejas fazem tanta propaganda em cima do sexo, num falso moralismo hipócrita, que condenam seus jovens à uma vida sexual escondida, longe do abrigo dos pais, dos seus líderes, correndo risco de se magoarem por falta de experiência, e serem massacrados por uma culpa criada pelo julgo colocado pela própria igreja.
    É uma coisa tão absurda, pois ensinam ao jovem que o diabo os espera com o tridente na mão se eles tiverem relações sexuais, e simplesmente abandonam, só dão atenção novamente quando o sexo acontece, aí viram os santos imaculados, condenam, humilham, disciplinam, excluem do meio da igreja e fazem realmente o inferno na vida do casalzinho, que por mais que tenha cometido um erro, não é pior do que a mentira, a inveja, a maledicência, a falta de amor e tantos outros “pecadinhos” espalhados entre os que os condenaram.

    Acima de tudo o amor, qualquer coisa se resume nisso.

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Lucas, nem todos os textos são literais, mas existem textos literais. Dai a importância de boas regras de interpretação que considerem o contexto, a cultura da época, o contexto histórico… esses elementos ajudarão a enxergar o que o autor quis comunicar.

      Sobre o abuso de algumas igrejas, existem mesmo. Não podemos esquecer de que Jesus disse sobre falsos mestres, falsos cristos, falsos apóstolos, falsos profetas. Onde estão esses caras? Em algumas igrejas e seitas. Por isso é tão importante o estudo correto e a vivência da palavra de Deus. Outra coisa: Não podemos esquecer que Jesus também falou sobre a igreja verdadeira. Ela existe e está fazendo seu trabalho nesse mundo. Não podemos generalizar.

      Responder
      • Anônimo disse:

        Vou colocar só uma questão sobre pecado…
        Todo ser humano é pecador… O ato do nascimento já é um pecado (assim já ouvi falar os mais velhos). Padres pecam, Bispos pecam, PASTORES pecam… o ser humano é um PECADOR!
        Gente… é quanto moralismo!
        O que mais vejo é o evangélico (o homem) trabalhar e no final do mês dá a metade do seu mísero salário pra “IGREJA”… Igreeeja… seeeei. Vai mais pro bolso do pastor doq pra reforma ou oq a igreja tiver precisando. Só o que eu vejo é pastor com fazenda, pasto com RAILUX, L200, COROLA e isso e aquilo! Mas peraí… O dinheiro é pra melhoria da Igreja, ou pra melhoria da vida pessoal do PASTOR?!?
        Quando eu vejo isso… lembro-me do apóstolo traidor de Jesus! O traiu por dinheiro. desmereceu sua fé!!!
        Blasfêmia, ganância, perjúrias… Isso nunca vai deixar de existir… É do ser humano. Deus não nos fez perfeitos, nos fez á sua imagem!!! Quem estava lá na hora que a bíblia foi criada? Você viu?,alguém viu? Eu não vi! Deus nos deixou escolhas… Ninguém tem o direito de criticar uns ao outros! A Bíblia foi escrita por um homem, não por um DEUS. Ela foi escrita com o intuito de que melhorássemos como homens. Não criticais uns aos outros!!!
        Sexo é bom, que pecado há em amar? o sexo é um ato de amor, de conceber a vida!!!

        Responder
        • André Sanchez disse:

          Anônimo, não te entendi. Você crítica a Bíblia, mas a usa… usa o exemplo de Judas que está na Bíblia, mas não leva em conta outras partes… umas partes estão corretas e outras não?

          Responder
        • PAUO ROBERTO SILVA disse:

          Anônimo….todo mundo erra,mas pemanecer no erro…é burrice….Jesus dizía,”vái,e não peques mais”….dizía não…Ele vive,por tanto,Ele diz!!!!

          Responder
      • PAUO ROBERTO SILVA disse:

        André…quem fez as regras de interpretação? É justo um casal sem amor,apenas apaixonados,se casarem,para ter o “direito”,de fazer sexo sem culpa?? E quem os culpa?? Existem várias passagens bíblicas,que falam das coisas do coração…Deus por exemplo,admitava o coração de Davi,e todos nós aqui,sabemos muito bem,das besteiras que Daví fez…..mas ele se arrependía de verdade,,,mas o arrependimento vem de onde?? Se eu amo uma mulher,tenho relações sexuais com ela fora do casamento,e depois nos casamos,eu não sentirei arrependimento…então irei pro inferno?? Sou viúvo,e evangélico…e sei,que nada,mudará a promessa de Deus,para aqueles que aceitarem JESUS,é promessa de DEUS!!!! A maior fraqueza da raça humana,é o sexo…e DEUS sabe disso…e é justamente por isso,que ao ser-mos arrebatados,subiremos transformados,sem sexo,pois DEUS,não vai querer que o cé,se transforme,em sodoma,e gomorra,aliáz,a palavra sodomía,vem de sodoma,onde o povo,fazía sexo de forma errada,por prazer,e não por amor!!!!

        Responder
        • Sergio Murilo disse:

          Paulo, boa pergunta! regras são criadas por cada segmento teológico e outras coisas mais, as culpas meu caro, com certeza vem das invenções e só recai mais como dizem sobre o sexo frágil.
          O amor não é o suficiente, tem que haver um certo tipo de, o que chamo “autorização”
          A neurose é terrível e quem não se aprofundar no assunto……..

          Aprecio muito comentários assim, tanto como o seu como também o de outros.

          Um abraço.

          Responder
          • alvany nascimento disse:

            A PAZ VARÃO GOSTEI MUITO DE SEUS COMENTÁRIOS VEJO QUE SEGUE SEGUNDA A LUZ DA PALAVRA GOSTARIA QUE COMENTA-SE SOBRE O CAP-12 VERC;24 E 25 DE MATEUS A TODOS AMEM APAZ

    • Marcos MACAIA disse:

      Irmao nao existe pecadinhos .pouco importa o que for se é pecado é pecado.

      Responder
    • alvany nascimento disse:

      VOCÊ ESTAR NA LINHA CERTA CERTA LUCAS; SENHOR NOS ADVERTIU DIZENDO VOS NÃO PRECISARES QUE O HOMEM VOS ENSINE POIS MEU ESPIRITO VOS ENSINARA TODAS AS COISAS SO MEDITAR ORE DEUS CRISTO TE ESCLARECERA QUERO PEDIR A TODOS QUE ESTÃO LENDO ESTE COMENTÁRIO QUE LEIA MATEUS CAP 12 VRC;24 E 25 A PAZ

      Responder
      • Sergio Murilo disse:

        Alvany, não entendi bem, mas pelo que você me solicitou trata-se de divisões e é justamente o que ocorre no nosso meio, veja que em debates há posições divergentes não só sobre a sexualidade mas também em outros assuntos e são nessas posições e outras coisas mais que surgem cada dia novas Igrejas, novas ideias e por ai vai.
        Muitos que não creem metem a bomba em nós por causa das nossas divergências, mas temos também muitos pontos em comum que eles precisam saber.

        Um abraço

        Responder
  • Paulo Ricardo Ferreira dos Santos disse:

    Olá meu nome e Paulo, e estou tão angustiado, as vezes acho que Deus me abandonoudepois de acidente de carro onde perdi o mesmo e sai ileso sem nenhum arranhão tudo vem desmoronando eu e minha noiva estamo brigando muito meu trabalho não estou tendo sucesso tenho estado desanimado, triste sou frenquentador de uma igreja na cidade mas ainda não me batizei..me ajuda estou desesperançoso se Deus me deu livramento nesse acidente pq tenho passado por este deserto…gostaria que me desse uma orientação por email…

    Responder
    • Fernando Oliveira disse:

      Olá Paulo Ricardo!Filipenses 10:11-13,Rom. 15:13, Existem apenas duas razões de estarmos vivos.1° Se estamos longe de Jesus é tempo de O aceitar como senhor de nossa vida. 2° Se estamos com Jesus temos como missão levar esperança para os aflitos… Deus tem um propósito p vc. Procure o livro ( Uma Vida Com Propósito de Rick Warren), com certeza te ajudará a entender o caminho de Deus p vc. Leia em especial Romanos 8:18-30. Sinto muito pelo ocorrido, vou orar por vc, infelizmente enquanto Jesus não volta para enxugar de nossos olhos toda a lagrima, as tragedias continuarão,… mas Deus é fiel e não passaremos por provação que não possamos suportar estando ao lado de Jesus. I Cor. 10:13

      Responder
    • PR. RENÉE RICARDO disse:

      MEU QUERIDO, DEPOIS DE JESUS, O APOSTOLO PAULO, ME PARECE, É O NOSSO MAIOR REFERENCIAL DE VIDA CRISTÃ; TODAVIA, PAULO PASSOU POR MUITOS “DESERTOS” (LEIA POR EXEMPLO FILIPENSES 4: 10-13 PARA SABER DE ALGUNS DESSES DESERTOS E PARA SABER O QUE PAULO PENSAVA SOBRE OS “DESERTOS” DA VIDA.

      OS DESERTOS FAZEM PARTE DO PROCESSO DE AMADURECIMENTO HUMANO; PORTANTO, O QUE ESTÁ ACONTECENDO COM VOCÊ ACONTECE COM TODO MUNDO, ATÉ COM PESSOAS “BOAS.”

      ESSE É O CAMINHO: PARE DE LAMENTAR, PENSE EM COMO CONSEGUIR SAIR DISSO, BUSQUE AJUDA! ENTENDA QUE VOCÊ (ASSIM COMO DISSE O APOSTOLO PAULO) PODE, EM CRISTO, PASSAR POR TODOS OS DESERTOS. EM CRISTO VOCÊ PODE TODAS AS COISAS, PORQUE ELE É AQUELE QUE TE FORTALECE.

      PENSE NISSO

      Responder
  • Débora Rodrigues disse:

    Sobre várias coisas que Deus condena, não se agrada, e que estão escritos na bíblia, Ele também mostra as razões para não comete-las…
    Há alguma descrição (versículos) na bíblia aonde são apontados motivos para não fazer sexo antes do casamento?
    Será se a tradução de “casamento” naquela época não seria diferente da de hj?

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Débora, conforme expliquei no texto, é isso que a Bíblia diz sobre o assunto. Sobre o casamento, a essência do plano de Deus para a vida conjugal permanece a mesma em todas as épocas.

      Responder
  • Professor disse:

    Andre gostaria que você me desse uma opinião sobre o meu caso. Amo minha namorada e tenho certeza de que vou me casar com ela, tanto que ja pedi ela em casamento e ela aceitou, porem não podemos casar ainda pois não temos dinheiro para comprar uma casa, ai é que vem o problema, você pode analisar que hoje em dia para casar precisa ter dinheiro, algo que eu acho muito triste em nossa sociedade, so para comprar um terreno que ainda não está legalizado ou um mais “fulerinha” precisamos de no minimo 50 mil, outra solução viável seria pagar aluguel porem não suportamos a ideia de pagar aluguel, Enfim as coisas estão difíceis para quem quer se casar hoje em dia. Vamos supor que desde o momento do começo do namoro ate o casamento dure no minimo 10 anos, eu acho muito injusto que neste tempo eu não possa fazer sexo com a minha namorada só por que não temos dinheiro para comprar uma casa, mas ao mesmo tempo concordo com a ideia pois se este sexo der um fruto teremos problemas para administrar nossas vidas e a da criança, porem ainda podemos usar as caricias que podem ou não levar ao orgasmo, na sua opinião estas caricias seriam pecado? Ja aviso que conheço a história de Onã e não adianta usa-lá como argumento, pois pelo que eu entendo desta história é que Deus o matou por que ele não queria dar uma descendência a seu irmão e não por que ele jogava o sêmen no chão.

    Responder
    • André Sanchez disse:

      “Professor”, carícias são sim permitidas no namoro. Mas é claro que se as carícias partirem para o lado sexual vocês só vão acender o desejo de vocês e vão acabar transando e pecando. Como foi mostrado, o sexo fora do casamento não agrada a Deus. Nesse seu contexto, creio que a palavra de Paulo faz bastante sentido: “Caso, porém, não se dominem, que se casem; porque é melhor casar do que viver abrasado.” (1 Co 7.9). Se vocês estão nesse ponto, creio ser melhor enfrentar uma vida de mais modesta e se casarem logo do que ficarem pecando e desagradando a Deus.

      Responder
      • Anonimo disse:

        nao se dominem em que sentido ? nao é falado claramente nao é dito que é proibido sexo antes do casamento a biblia nao cita em nenhum momento, se coisas claras como proibido comer carne de porco e a guarda do sabado que esta bem claro na biblia nao é cumprido por muitas religioes por devemos cumprir uma coisa que se esta escrito na biblia esta escrito subtendidamente ?

        Responder
        • André Sanchez disse:

          Anonimo, me desculpe, mas não tem nada subentendido. Basta ler texto e contexto que está bem claro, só não vê quem não quer.

          Responder
      • Silva disse:

        André, vc é muito religioso. =]

        Responder
  • Professor disse:

    agradeço sua opinião

    Responder
  • Sergio disse:

    A Bíblia fala em casamento mas não o define dizendo que é assim ou assado, deixar pai e mãe é tão vago, quando a mesma foi escrita nem havia padre e nem cartório
    Casamento em igreja passa a ser obrigatório no concílio de Trento de 1545 -1563 e o casamento civil começa no Brasil em 24/01/1891 se não me engano, antes dessas datas todo estavam na fornicação, pecado?
    A autorização para fazer sexo ou morar juntos é um invenção nossa e teve datas pra começar como citei. foi uma bela invenção caso contrário o mundo estaria bem pior, já pensou tantos bastardos pelo mundo sem ter uma família?

    Responder
    • Joubert disse:

      Sérgio, mesmo nos tempos bíblicos não havia cartórios. O que validava uma união eram as famílias envolvidas (que eram deixadas) e a sociedade (que testemunhava), não raro, invocando-se o divino. Em geral essa união seguia as regras sociais com direitos e deveres, visto que era uma aliança, coisa que não entendemos muito bem em nossa cultura ocidental e consumando-se com o ato sexual. Lembre que o pecado desestruturou o plano divino; Lameque foi o primeiro mencionado em Gênesis que tinha duas mulheres, Gn 4.19. A Lei de Moisés colocou limites, mostrando a importância do casamento, mas foi Jesus quem passou a usar a referência da instituição do casamento feita por Deus em Adão e Eva, Gn 2.24: Portanto deixará o homem o seu pai e a sua mãe, e apegar-se-á à sua mulher, e serão ambos uma carne, (relação monogâmica, vitalícia, indissolúvel e heterossexual), quando menciona: Mas não foi assim desde o princípio, Mt 19.8. A humanidade pode ter inventado algumas maneiras para que isto acontecesse, mas a restauração disso implica em voltar “ao princípio” como disse Jesus. Abração!

      Responder
      • Sergio Murilo disse:

        Eu e minha namorada nos relacionamos sexualmente por um bom tempo, ela não se sentia culpada nem crucificada por imposições religiosas, durante nosso relacionamento expliquei que autorização para morar juntos e fazer sexo era uma invenção meramente humana, nos autorizamos sem precisar de terceiros, o amor, gostar, sei lá o que foi o suficiente para realizarmos tais atos. hoje estamos juntos debaixo do mesmo teto, só depois de algum tempo foi que fomos ao cartório para formalizar a parte material e não a afetiva.
        O que é casamento afinal?
        Para a Igreja católica , é um sacramento e só está casado se for lá.
        Para a maioria das Igrejas evangélicas, é um processo natural e tem que ser no cartório.
        Casamento é interpretado de formas diferentes nas diversas religiões desse planeta.
        Regras e mais regras são invenções nossa e isso é bom para que o nosso convívio social seja humanizado se não….
        O que Cristo disse eu fiz, só faltou “a autorização de um Padre, Pastor ou Juiz de paz” ainda bem que o mesmo nada falou sobre ital.
        Amo quem sempre desde o começo foi minha esposa e não estou com ela só por causa de sexo.

        Responder
  • gilmar dos santos lima disse:

    gostei muito da claresa das respostas.

    Responder
  • Luciano disse:

    AMIGO, SE UM JOVEM SOLTEIRO FAZ SEXO COM OUTRA JOVEM SOLTEIRA, ELES ESTAO OBRIGADOS A SE CASAREM POR TEREM COMETIDO O ATO SEXUAL ? OBRIGADO!

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Não. Só que pecaram feio fazendo isso.

      Responder
      • Sergio Murilo disse:

        Não vejo dessa forma se duas pessoas se permitem, a bíblia não condena sexo antes do casamento por que a mesma não o define, o que o Cristianismo fez eu acho válido, tudo tem que ter limites, já pensou se tudo fosse válido em relação ao sexo,como não estaria nosso mundo?
        A mulher tem que se entregar intacta ao homem ( Marido ) e o homem se entregaria intacto para a mulher?
        Sexo, vida a dois debaixo de um mesmo teto só com autorização de um padre, pastor ou cartório é uma bela invenção humana e diga-se de passagem uma bela invenção por que caso contrário esse mundo estaria bem pior, crianças nascendo de pessoas irresponsáveis etc. etc seria uma catástrofe.

        Responder
        • André Sanchez disse:

          Sérgio, só faltou o embasamento bíblico para sua posição.Conforme demonstrei no artigo a Bíblia embasa a posição que defendo. Agora se for para defender posição no “achômetro” ai tudo pode, tudo é relativo.

          Responder
          • Sergio disse:

            Não se trata de achômetro. a bíblia não define o que é casamento.
            Não é a toa que religiões tem interpretações diferente justamente por que seus livros revelados não o define.
            Mas acho legal essa normatização.

  • Dalva disse:

    Eu creio que o casamento é consumado através do sexo sim, assim como nos comentários anteriores, alguns disseram que não havia cartório, exatamente por isso que o sexo selava a união.
    Como diz o versículo:
    Gên 2:25…deixará o varão o seu pai e a sua mãe e apegar-se-á a sua mulher e serão ambos uma só carne.
    AMBOS SERÃO UMA SÓ CARNE!!!
    Algumas pessoas tem ”medo” de casar virgem e não ”mandar bem” na cama, mas se parar de experimentar um aqui outro ali, com ctz não ficará comparando os ex com o atual. Ambos aprenderão juntos!!

    Responder
    • Sergio disse:

      O casamento é consumado dia após dia, muitos pensam que é só por um dia por causa de cerimônias e outras coisas, há casamentos que não se concretizam nunca.
      Homens tem esse medo de achar que as mulheres vão tá comparando ele com o ex.
      Nós homens podemos e as mulheres tem que esperar lutando contra sua própria natureza até que venha alguém que a autorize a exercer sua sexualidade.
      Ainda bem que nasci homem.

      Responder
  • Eduardo disse:

    andre S. vc disse q relaçao sexual ilicita é fornicaçao, mas n seria ao contrario? pois p mim forniçao significa relaçao sexual ilicita. vejamos, se fornicaçao é relaçao sexual ilicita, onde fala na biblia q é ilicito (contra a lei) ter relaçao sexual antes do casamento

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Eduardo, Existe uma gama grande de pecados relacionados ao pecado na área sexual. A fornicação é só um deles. Sobre ser pecado o sexo antes do casamento, é só ler esse artigo que está acima. Nele mostro na Bíblia essa questão.

      Responder
  • Guga Dani disse:

    Por favor, me ajude!!! Gostaria de saber qual orientação após ter cometido esse pecado!

    Devo ir direto falar com meu pastor ou com meus pais??

    Eu e meu namorado nos arrependemos e muito! E preciso me reconciliar com o meu Deus! Eu to muito triste… e envergonhada! Quero voltar para Deus… Eu estou indigna na igreja! Como proceder? Vamos direto no Pr ou nos nossos pais? E depois? …

    Na verdade pretendemos casar próximo ano, e ja estamos vendo casa e tudo… mas não quero continuar pecando! Quero receber a benção no altar ja liberta desse pecado que me atormenta!!!!
    Quero ser uma benção para o meu futuro esposo e ele pra mim! Quero ter um lar e uma familia abençoada! To desesperada! Ainda to em tempo! Deus nos perdoa? Devo evitar de sair com ele após disciplina? Como fica nosso relacionamento?

    Me ajuda em nome de Jesus!

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Guga, se vocês estão arrependidos, peçam perdão a Deus e sigam o conselho de Jesus: Vão e não pequem mais!

      Responder
      • Sergio Murilo disse:

        André, duas pessoas que se querem, se gostam,se amam, não prejudicam a terceiros ,se permitem e supondo que tenham responsabilidades pra que pedir perdão?
        Sugiro a eles que vão ao cartório e pronto, Deus lerá um documento emitido por um Juiz de paz e acabou o pecado, não precisam mais pedir perdão por que um papel assinado por um homem eliminou o mal ,a fornicação.
        Até concordo que vão ao cartório, é bom para a parte material da coisa e só.
        Documentos assinados e palavrinhas mágicas ” Eu vos declaro marido e mulher” são invenções religiosas e cultural.

        Responder
        • André Sanchez disse:

          Sérgio, não concordo com sua opinião. Aliás, se você crê assim, o que está fazendo lendo um artigo cristão sobre sexo antes do casamento?

          Meu artigo é baseado na Bíblia. Quem crê na Palavra de Deus faça conforme ela orienta. Quem não crê faça conforme acha que deve fazer.

          Responder
          • Sergio Murilo disse:

            Meu caro André, todos dizem que suas convicções são baseadas na bíblia, são milhares de variações do cristianismo que pensam assim
            Umas permitem doar sangue outras não, umas permitem usar calças compridas outras não, ósculos santo, sábados, alimentos e por aí vai….. por que eu não posso estar dentro de uma delas crendo em Deus?
            André, os teólogos divergem entre si, então,por que não posso pensar diferente?
            É Claro que essa normatização sexual é invenção nossa e que eu concordo, tudo tem que ter limites, nem todos querem ter responsabilidades, se não houvesse normas e leis nosso mundo estaria bem pior.
            Me disseram que eu estava cheio de demônios só por que fui dizer que sacramentos e a infalibilidade Papal é uma invenção humana , se fosse naquela época eu seria torrado na fogueira.

      • Guga Dani disse:

        Deus te abençoe ricamente André! Você é um instrumento usado por Ele. Quanto aos demais no qual eu não quero citar nomes. Agradeço o tempo e o comentário postado para tentar me ajudar.

        Porém, nada melhor do que falar diretamente com O DONO da minha vida. E sabe o que aconteceu? Ele deixou meu coração tão, mas tão tranquilo. Ele me ama! Descobri que não precisei vir pela dor… e Ele me aceitou mesmo eu ter errado. No que eu errei? Digo a vocês:

        Na verdade é me licito fazer o que eu quiser! Concorda comigo André?

        Poderia ter relações com quem eu amo… Deus não vai “me matar” por isso.
        Mas tem o PORÉM.

        Nem tudo me convém.

        Eu, como serva dEle, tenho compromisso com a Igreja e com o meu corpo. E qual é? Estar em plena comunhão com Ele e sua noiva.
        E porque considerei que errei então? Porque NÃO VIVO MAIS EU, mas CRISTO VIVE EM MIM. Enquanto solteira não me convêm ter relações com quem eu não declarei para Deus que seria meu companheiro (casamento). Eu sou morada do Espirito Santo.

        Devo satisfação sim a Quem me criou. E sabe o que é isso? Essa maravilhosa sensação de ter Deus dentro de nós? Vocês só poderão saber quando deixar o Espirito dEle entrar em vós. O meu desespero? Foi por água abaixo! Eu errei, vou pedir perdão e não farei mais! Por que? Porque pra tudo tem seu tempo.
        E lembre-se novamente! Meu Deus criador dos céus e da terra, nos ama e nos perdoa se nós reconhecermos o pecado e abandonarmos. Você não acha um erro o que fiz? Peça a Deus orientação. E reconcilie-se o quanto antes! Deus abençoe a todos!

        Responder
        • Sergio Murilo disse:

          Guga Dani, minha intenção não é levar ninguém à prostituição, pois não concordo.
          Em outro comentário expliquei que todo esse processo neurótico sexual eu conheço um pouco.
          Bem antes de o Cristianismo existir já havia embriões em relação ao sexo ser concentrado só para dentro de um casamento, o Estoicismo, era um deles, uma filosofia que perdurou se não me engano até o século 2 depois Cristo, é o Cristianismo que quando surge potencializa como pecado e ……….. a história é longa.
          Se vocês se sentem mal por tais atos é só ir ao cartório, já ví muitos em igrejas agirem assim, façam o mesmo e o pecado sai.
          Sexo assim ou assim é uma imposição e invenção religiosa e cultural que recai mais só para as mulheres, quando duas pessoas se querem, se permitem , tem responsabilidades e não prejudicam terceiros que mal há nisso? Mas se muitos acham que o nosso bom Deus tá preocupado com certidões emitidas por um homem, tudo bem, não tá errado, isso é bom para a parte material e só.
          Quando estudei Grego foi uma avalanche pra cima do Professor para saber o real significado da palavra fornicação.
          Chamar de ilícito, pecado sei lá o quê a sua relação é um absurdo.
          você não errou de forma alguma.
          Só tentei ajudar com os anos que tive de estudos.
          Casamento civil no Brasil começa em : 24/01/1891- antes dessa data estava todo mundo em pecado? ou então tinham que se registrar na Igreja Católica onde só estava casado se fosse lá e que também teve data pra começar- Concílio de Trento de 1545-1563.
          Espero não ter errado nas datas, é muita coisa pra lembrar.
          Mas concordo com a normatização sexual , de outro jeito o caos seria bem pior.

          Fique com a Paz de Cristo.

          Responder
    • Sergio Murilo disse:

      Dani, fique tranquila, sexo ou outros atos só com autorização de padres, pastores ou cartório é uma invenção religiosa e cultural, se vocês se amam,se permitem e não prejudicam terceiros, qual é o mal nisso?
      Já respondi algo parecido em outro comentário.
      Todo esse processo neurótico sexual que culpa e crucifica em maior parte só a mulher eu estudei.
      .

      Responder
      • André Sanchez disse:

        Guga, cuidado com esses que chamam o caminho de Deus de invenção. Deles vêm conselhos que levam a caminhos de morte.

        Responder
        • Sergio Murilo disse:

          André, O caminho de Deus não é uma invenção mas certos meios de como consegui-lo, sim.

          Responder
    • PAUO ROBERTO SILVA disse:

      se arrependeu porque?? foi ruim?? se tivesse sído muuuuito bom,viría o medo de fazer inumeras vezes??
      existe amor entre vcs 2? Oras,se existe amor,num foi pecadop,então se casem!!!! Mas…se vcs descobrirem que não se amam,aí foi um erro,mas não se preocupe…tbm tá escrito na biblia,que DEUS,é misericordioso…mas isso,não seja talvêz,interessante pra algumas pessoas aqui falarem sobre isso….

      Responder
  • Carine Nascimento (@_CarineCaah) disse:

    1- Há algum tempo atrás eu tinha muitas dúvidas sobre essa questão de o q é sexo, o q é sexo antes do casamento, o que é matrimônio… eu refleti muito sobre isso.. e venho refletindo porque é uma questão humana não muito bem esclarecida pelo fato de ter sido por muito tempo visto como algo irregular, q nos levaria ao afastamento da pureza, e que era pecado o prazer.. sabe o q eu penso, q relação sexual não é algo q é pra ser feito sem compromisso, porque sexo não é soh corpo..(e os próprios cientistas dizem isso) sexo é mente, princípios, ligação, o ápice da união corporal humana, é relacionamento, conversa, maturidade… união entre duas pessoas.. q ao mesmo tempo tem a responsabilidade de gerar novas pessoas, novos seres humanos! Isso é muito sério! E eu nunca consegui ver o sexo como orgia, sempre o vi como união e sempre o fiz como união… Desde q comecei a refletir venho percebendo q sexo soh por prazer, soh corpo, soh fogo, soh desejo pelo corpo porque é bonito: é sexo vazio… relação sexual entre duas pessoas (Homem e Mulher compromissados) é a extensão da convivência. As vezes eu penso nessas pessoas q vivem na briga, se xingam, se maltratam, se matam socialmente(vivem falando mal um do outro para terceiros) e depois vão ter uma relação sexual soh para ter orgasmos, eu penso: q casamento vazio! porque orgasmos é bom, é intenso, é prazeroso, faz bem para o corpo..mas ele passa. Orgasmos por orgasmos é fútil.. como a masturbação uma hora seu coração fica vazio, se feito soh pra obter prazer.. Eu penso q é importante,entre o casal comprometido, a convivência e a relação sexual como um todo… buscando sempre melhorar… Porque prazer não é pecado.. é uma virtude Divina para a união e para se ter a procriação da humanidade.. quando feito soh pelo prazer se torna vício. Eu olho pro meu Marido e vejo uma pessoa q me faz feliz tanto na convivência e na relação sexual… porque o sim dele perante a Deus foi um sim verdadeiro… não foi só assinatura de papéis.. foi por querer me fazer feliz, e eu querê-lo fazer feliz também.. corporal e “convivencial”.. uma doação q mantém a dignidade.. q está sendo construído e é verdadeiro, mesmo nas imperfeições diárias, buscando sempre o melhoramento.. é algo sério, mas não seco. Gosto dessas duas palavras: “relação sexual” o se relacionar com alguém não é soh corpo, é conversa, não soh com palavras, mas um consentimento. Mas um consentimento de casamento, o “torna-se uma só carne”, não permitindo terceiros… uma só carne abrange 3 coisas ao meu ver: União sexual, União convivência, União filhos(criação dos filhos, mesmo sendo adotados).. isso é tão sério! não pode ser visto como aventura, um experimentar e cuspir, apenas um esquentar e esfriar. Isso é tão sério!. Uma pessoa fica tão machucada, mesmo sem perceber, quando ela é uma pessoa leviana, q deixar qualquer um, mesmo com o consentimento, usar o corpo pelo prazer…

    Responder
    • Sergio Murilo disse:

      Carine seu comentário é de uma pessoa bem inteligente.
      Fui muito condenado pela Igreja por que não busquei autorização de Pastor, ou Cartório para que eu pudesse estar debaixo do mesmo teto com a mulher que tanto amo.
      Quanto ao sim não sou contra só que como a invenção da cerimônia o sim também teve tempo pra começar. Descobri muita coisa quando além de estudar um pouco de teologia, Filosofia, História, o Grego também.
      Queria comentar outras coisas mas talvez eu tenha mais tempo depois.
      Gostei muito do seu ponto de vista.

      Responder
  • Carine Nascimento (@_CarineCaah) disse:

    2 – Casamento é formar Família.. sexo é pra união do casal para se formar uma família, até no prazer se formando uma família… depois q meu marido e eu tivemos nossa primeira vez, eu refleti, senti e vi q ficamos muito mais unidos! porque jah tínhamos um querer conviver.. por isso não se tornou vazio… e ele me disse isso também, sem q eu pedisse q ele me dissesse!.. porque a gente tenta construir sempre. E pra Deus o sexo é tão importante..por isso a proibição da fornicação(sexo sem compromisso), adultério(traição), prostituição(vender o corpo)… não é só pelo proibir.. mas porque não nos faria bem, nos levaria a morte da alma, mesmo a gente ainda vivo.. Pecado é isso: nos torna zumbis!.. Não é apenas proibições, pecado é algo q faz mal a alma! por isso Deus nos dá a direção: seus mandamentos q são uma das provas de amor dele por nós, mesmo a humanidade o desobedecendo, Ele continuou nos dando a direção.. o melhor caminho.. Segue quem quer.. e quem segue terá a vida, um pouco dessa vida a gente experimenta sempre q tentamos ter fidelidade.. O Sexo entre um casal consentido é um sexo puro, desde q feito pra unir e não para orgias(usar), mas para aproximar mas ainda quem sabe conviver.. por isso q o sexo é a consumação do sim, da convivência.. por isso deve escolher bem alguém q seja verdadeiro nos seus princípios, q não falte o respeito.. não falo buscar alguém perfeito, um boneco… mas saber escolher alguém para construir um relacionamento em Deus… Por isso q é importante o conhecer antes da relação sexual.. mas nunca fazer sexo só por emoção, porque emoção passa. Se relacionar com alguém é mesmo sabendo dos defeitos q não tiram a sua dignidade, mesmo assim nunca conseguindo deixar de amar e ajudar a melhorar sem obrigar.. até hoje nunca me arrependi de ter feito relação sexual com meu marido.. porque é algo sério e verdadeiro, q nunca foi ausente de imperfeições… mas q sempre buscou melhorar!.. Então isso é o resumo do q eu tinha pra falar sobre esse assunto, q é um assunto bem amplo, pois temos cabeças diferentes uma das outras.. mas quem observa a Lei do Senhor ,q produz vida, nunca se arrependerá!.. porque Ele é a verdade. Casamento é formar família, e não se forma família com qualquer um.. Casamento é um sim perante a Deus, por isso quem faz a Cerimônia do casamento são os noivos.. não é um papel… é uma responsabilidade, q é verdadeira, pois o amor verdadeiro nunca acaba.. e essa convicção deve vir antes da relação sexual, sempre com a verdade, nenhum fingindo o q não é um pro outro.. casamento não é teoria, é verdade em atitudes. A única coisa q a religião Cristã inventou foi a cerimônia, pois no tempo da Bíblia era apenas a festa e os pais davam seus filhos em casamento… mas o sim perante a Deus sempre existiu entre o casal q casava, é Bíblico e é um fato verdadeiro e antigo.. Pois o q conta não é a cerimônia, é um sim diário a uma pessoa pro resto da vida perante a Deus… aí fica pra cada um refletir sobre o : Deixará o Homem seu pai e sua mãe e se unirá a sua Mulher, e os DOIS ‘serão’ uma só carne, disse assim o Senhor.. Beijoo* e Deus está perto de você..

    Responder
  • Gabriel disse:

    A única coisa que Deus quer de seus filho é a integridade do coração.
    o que aconteceu com essa pessoa, que aos olhos das pessoas parece ser pecado – seja ter matado ,roubado ,feito sexo antes do casamento, não importa uma vez que Deus sabe o que está no seu coração, se houve o arrependimento é só o que basta! a caracteristica mais fascinante desse nosso Deus Altissimo é que nao dá pra comprar ele com oferendas – seja ela qual for, porém ele se alégra muito quando seus filhos se esforçãm DE CORAÇÃO para agradá-lo. o resto são preceitos de homens, pode confiar.

    Responder
  • Jackie Oliveira disse:

    Sexo fora do casamento na biblia:
    Gênesis 30:4-5, 7, 9-10, 12 NTLH

    Assim, Raquel deu a Jacó a sua escrava Bila para ser sua concubina, e ele teve relações com ela. Bila ficou grávida e deu a Jacó um filho. Bila ficou grávida outra vez e deu a Jacó outro filho. Quando Leia percebeu que não ia ter mais filhos, deu a sua escrava Zilpa a Jacó para ser sua concubina. E Zilpa deu a Jacó um filho. Depois Zilpa deu a Jacó outro filho,

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Jackie, poderia te citar mais algumas dezenas de textos onde a sexualidade é exercida incorretamente e citada na Bíblia. A Bíblia, diferente de outros livros, não esconde as falhas de seus personagens.

      Responder
      • Jackie Oliveira disse:

        Entao! Agora me diga onde diz que Deus desaprovou Jacó neste caso ai? Ou podes citar outro exemplo similar a este com desaprovação de Deus?

        Responder
        • André Sanchez disse:

          Jackie, basta ler toda a história de Joacó e verá as graves consequências sofridas por ele por causa desse e de outros atos. As ordens de Deus estão claras e estabelecidas na Bíblia. Ela faz a narrativa da história de seus personagens principais à luz do contexto em que ela trabalha. Qualquer obra deve ser lida à luz de seu contexto… essa é uma regra básica de interpretação. Todo o contexto que fala sobre o assunto do post em questão foi abordado por mim no artigo.

          Vemos outros personagens sofrendo consequências de seus erros nessa área como Salomão, por exemplo.

          Responder
          • Jackie Oliveira disse:

            Eu estou lendo toda a bíblia mas também a estudando então demora muito. Por isso estou aqui mas você não me respondeu com um exemplo diretamente. Gostaria de um exemplo específico, caso exista e caso eu não o encontre antes de você, André.

          • André Sanchez disse:

            Sobre Salomão: 1 Reis 11.3.

            Na Lei de Deus haviam indicações claras ao rei: Deuteronômio 17. 14-20

            Sem contar os textos que mencionei noa artigo

          • Jackie Oliveira disse:

            Você citou Salomão. Obrigada! Vou ler mais a respeito mas se você tivesse dado o livro e capítulo específico seria mais fácil.

          • André Sanchez disse:

            Jackie, a história de Salomão está em 2 Samuel 3 indo até 1 Reis 11. Também em 2 Crônicas 1 a 9

          • Jackie Oliveira disse:

            Em Deuteronomio 17:14-20 que voce citou estao Os Decretos do Rei para que este rei escolhido governe de acordo e portanto 17 Ele não deverá tomar para si muitas mulheres; se o fizer, desviará o seu coração.

            Ja no caso de Jaco’, Deus nao tratou com ele especificamente assim. Deus “permitiu” que Jaco’ tivesse mais de uma mulher.

          • André Sanchez disse:

            Jackie, o fato de não haver uma passagem dizendo: “Jacó, você está errado em tomar várias mulheres” não significa que Deus permitiu. O que estava vigorando era o que Deus havia citado em Gênesis.

          • Jackie Oliveira disse:

            Deus pode não ter literalmente permitido que Jacó tivesse todo vária mulheres mas Ele tambem nao o condenou literalmente; assim como no caso de Davi, Ele o condenou literalmente mas não pelo fato de Davi ter tido mais de uma mulher mas porque Davi cometeu adultério e tentou encobrir este pecado cometendo o pecado do homicídio:

            2 Samuel 12:9-10 NTLH

            Por que é que você desobedeceu aos meus mandamentos e fez essa coisa tão horrível? Você fez com que Urias, o heteu, fosse morto na batalha; deixou que os amonitas o matassem e então ficou com a esposa dele! Portanto, porque você me desobedeceu e tomou a mulher de Urias, sempre alguns dos seus descendentes morrerão de morte violenta….

          • Jackie Oliveira disse:

            Agora, quando reflito esta questão:
            “A Bíblia realmente condena o sexo antes do casamento ou isso é uma invenção dos religiosos?”, não há nenhuma passagem que eu conheça em que realmente alguém na bíblia fora condenado no caso de sexo antes ou fora do casamento (exceto no caso de adultério, que está entre os 10 mandamentos).

            ….

          • André Sanchez disse:

            Jackie, veja bem. Você quer alguém que tenha sido condenado por tal ato. Observe que não temos ninguém, por exemplo, condenado por pedofilia na Bíblia. Não temos também a menção de alguém condenado por fazer sexo com animais. Mesmo assim essas coisas não são é pecado? A Bíblia traz mandamentos e textos claros contrários a tais práticas.

            A Bíblia conta a história dos personagens e traz mandamentos de Deus. Nem sempre haverá uma condenação específica por um pecado específico. Deus costuma trabalhar a questão do pecado de forma mais englobada, tratando a natureza humana maligna como um todo. Em alguns casos os personagens são confrontados com mais minucias.

          • Sergio Murilo disse:

            André, permita-me dá uma de intruso.
            Quanto à pedofilia e outros onde a bíblia não cita.
            Na realidade nem é necessário, já há muitas coisas no consciente humano do que é certo e errado, quanto ao sexo antes de casamentos que a bíblia também não cita é diferente, a imposição da natureza em relação ao mesmo desconhece cerimônias inventadas , eu mesmo me relacionei sexualmente e depois de alguns anos fui ao cartório não para tirar pecado mas para soluções matérias mesmo.
            Jamais tive desejos por crianças ou outra coisa perversa qualquer mesmo antes de conhecer a bíblia.

            A paz de Cristo.

          • Jackie Oliveira disse:

            Vamos refletir o seguinte trecho nas versões diferentes começando pela q vc citou:

            @ “Digno de honra entre todos seja o matrimônio, bem como o leito sem mácula; porque Deus julgará os impuros e adúlteros.” (Hebreus 13.4)

            @Hebreus 13:4 NTLH
            Que o casamento seja respeitado por todos, e que os maridos e as esposas sejam fiéis um ao outro. Deus julgará os imorais e os que cometem adultério.

            @Hebreus 13:4 ARC
            Venerado seja entre todos o matrimônio e o leito sem mácula; porém aos que se dão à prostituição e aos adúlteros Deus os julgará.

            @Hebreus 13:4 NVI
            O casamento deve ser honrado por todos; o leito conjugal, conservado puro; pois Deus julgará os imorais e os adúlteros.

            @Hebreus 13:4 TB10
            Seja honrado o matrimônio por todos, e seja o leito sem mácula; pois, aos fornicários e adúlteros, Deus os julgará.

            @Hebreus 13:4 VFL
            O casamento deve ser honrado por todos, e todo casamento deve ser mantido puro, porque Deus vai julgar aqueles que são sexualmente imorais e os adúlteros.

            Percebe-se que não há duvida quanto ao pecado do adultério que será julgado pois a palavra usada, adúlteros, não foi alterada em nenhuma das traduções.

            Porém, há diferentes termos para a outra “classe” que será julgada p Deus (aos que se dão à prostituição/ os que são sexualmente imorais/ os imorais/ aos fornicários, os que se dão à prostituição) gerando confusão…

          • André Sanchez disse:

            Jackie, nesse caso é preciso consultar os originais e observar que palavra é usada. A palavra grega traduzida por “impuros” é “pornos”, que tem os seguintes significados na língua grega:

            1) homem que prostitui seu corpo à luxúria de outro por pagamento
            2) prostituto
            3) homem que se entrega à relação sexual ilícita, fornicador

            Na realidade todas as traduções exploraram uma face possível do significado da palavra.

          • Jackie Oliveira disse:

            Agora ate’ eu terminar de estudar 2 Samuel 3 ate’ IReis vai demorar um bocado p eu voltar p aqui… rsrsrs

        • israel alves disse:

          o que levou o homem mais sábio de todos os tempos errar “Salomão” as mil mulheres que ele teve

          Responder
  • Pra Célia Freire disse:

    Amado André a cada post seu me edifico, e lendo os comentários aumenta a minha admiração por ti como servo do Sr, pois vejo a manifestação do que há em ti o Esp. Sto, e isso me enche de intensa alegria.
    Sou tua fã ( No sentido de respeito admiração)rss

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Pra. Célia, obrigado pelas palavras de incentivo! Todo glória seja dada ao nosso Deus. Por meio Dele e para Ele são todas as coisas!

      Responder
  • Alexandre disse:

    A paz do Senhor andré foi maravilhoso ter lido todo artigo e ter lido todos os irmãos debatendo, a Biblia é a palavra de Deus e é viva eficaz mas tem muita gente por ai deturpando a palavra de Deus, concordo com muita coisa mas posso falar uma coisa será q Deus estaria muito preocupado com isso ou Deus gostaria q estivessemos preocupados em alimentar os famintos, pobres de coração, levando carinho, amor , bondade e muitas outras coisas como visitar os doentes e os encarcerados, dar comida a quem tem fome , vestir quem esta nú. Vamos deixar de ser hipócritas todos nós somos pecadores e não há pecadinho e nem pecadão pecado é pecado. Então famos fazer o máximo se esforçando para não pecar e anunciar o evangelho , pois , Deus conta com a gente e se não fizermos a coisa pode ficar muito feia naquele GRANDE DIA em q JESUS pode falar assim para nós assim: “Apartai-vos de Mim malditos pq Eu não vos conheço”. Eu não vou querer escutar isto do meu Senhor e por isso me esforço para não pecar , porém se eu pecar tenho o meu advogado particular e de graça rsrsrs. Gente vamos fazer a vontade de Jesus onde Jesus deixou bem esclarecido em Mt 28.19,20 e Mc 16. 15-18. e At 1.8 reflitam muito sobre esta ordem de Jesus. André vc pode me explicar uma coisa se no grego q não entendo nada mas sei q não tem verbo no imperativo e se não tem o verbo imperativo o IDÊ teria q ficar Indo, vc poderia me explicar a respeito , um abraço e a paz .

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Alexandre, deixa eu te falar uma coisa: Deus está preocupado com cada esfera da vida humana, mesmo a mais mínima. Você não acha a sexualidade uma esfera importante da vida?

      Veja bem, o fato de esclarecermos as pessoas a respeito de algum assunto não significa que esquecemos os outros. Não adianta alimentarmos os famintos e vivermos uma vida de perversão sexual.

      Responder
      • Edmilson R Passos disse:

        Apoiado…

        Responder
    • Rogerio Lázaro disse:

      Alexandre, permita-me uma breve alusão concernente ao seguinte trecho do seu comentário: “…e não há pecadinho e nem pecadão pecado é pecado.”
      O que você citou é uma das muitas declarações que aprendemos ao ingressar no meio evangélico mas que não passam de tradição oral que, pela constante repetição, assumem status de verdade absoluta, simplesmente por não se buscar confirmação de sua veracidade (da referida declaração) na Palavra de Deus. Para não me delongar vou apenas recomendar uma leitura cuidadosa de 1ª João, capítulo 5.
      Quanto ao mais, só me resta dizer “AMÉM!” após ler a resposta do André Sanchez!

      Que a Graça do Eterno seja manifesta em todos os dias de nossas vidas!

      Responder
      • André Sanchez disse:

        Rogério, complementando seu comentário, tenho um artigo sobre isso: Para Deus existe pecadinho e pecadão? http://goo.gl/fb/NAqT3

        Responder
        • Rogerio Lázaro disse:

          André, sinceramente eu não tinha lido ainda o artigo que me recomendou… Muito bom!
          Vou até salvá-lo e vai para minha preciosa coleção de estudos!
          Obrigado!

          Responder
          • André Sanchez disse:

            Agradeço, Rogério! Que bom que foi edificante!

        • nelson disse:

          bem li tudo o k esta aqui postado e a realidade e ok tenho a dizer é k , so deus nos pode julgar, shr. andre quanto a si é normal como grande intendido e crente em jesus falar assim pois quantos mais puxar a igreija melhor mais se ganha ! deus nao esta na igreija esta em nos todos os dias da nossa vida ele nos gui pelo seu caminho e nos elumina…. quem ama a deus sabe o k kero dizer , o pecado é a mente humana k o faz pk so peca quem tem o coração cheio de maldade… e quanto ao sexo antes do casamento deus dix ” humivos e multiplicaivos ” nao casen se e depois tenhao sexo… e ja agora sexo sim é pecado pk fazer amor é uma vontade de deus e nao ha nada no mundo mais poderoso k o amor….

          Responder
  • Edmilson R Passos disse:

    Caro André Sanchez, fico muito feliz em ver que vc é um vaso escolhido por Deus, conhecedor de suas palavras e ensinamentos. Sou evangélico a muito tempo porem não sou preso a filosofia humana, para mim o certo é o que está escrito na Bíblia, que é a palavra de Deus na terra. Certa vez ouvi um testemunho de um pregador ungido por Deus, vaso escolhido aonde Deus o usava tremendamente, ele é diferente de muitos pregadores pois ele é cego de nascença, ele conhecedor de que Deus operava milagres de através de sua pessoa, com o passar do tempo ficou perguntando a Jesus (Senhor Tu tens operado, curado grandes milagres a través de mim, porque o Senhor não mim cura?). Jesus com sua grandeza simplesmente lhe respondeu (eu não vou lhe cura). O homem lhe perguntou Senhor porque? Jesus lhe disse (porque eu não quero). Após muita existência Jesus lhe disse ( Eu vou cura o seu olho) o homem ficou muito feliz e perguntou Senhor o meu olho, qual o direito ou o esquerdo? Jesus lhe disse nem um dos dois, eu vou cura o olho do seu interior. No meu pensamento Jesus quiz disser que temos que abrir o nosso olho interior, quando abrirmos veremos coisas grandiosas. Muitos falam outros criticam o que vc vem falando em relação ao sexo antes do casamento, eu creio no que vc diz, pois sei que é verdade o que esta escrito na palavra o Senhor, e não sou maluco de me opor ou me contende a palavra de nosso amado mestre Jesus Cristo. Muitos são como Tomé tem que tocar para crer, em quanto eles não abrirem os seus olhos espirituais sempre estarão questionando o que diz a Santa palavra do Senhor. Me desculpe pelo desabafo e fiquem na paz do nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.

    Responder
  • Anônimo disse:

    Casar e ter relação sexual com um homem ou mulher divorciada é pecado?

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Não. Se está divorciado está livre para um novo casamento.

      Responder
      • grazielle soares da silva disse:

        mas André, a palavra de Deus diz que aquele que repudiar sua mulher, a não ser por causa de adultério e se casar com outra, cométe adultério contra ela. Então quem está divorciado não pode casar novamente, se não está cometendo adultério!!!

        Responder
        • André Sanchez disse:

          Gisele, o que dizer de 1 Co 7.15?

          Responder
  • Diego Rocha disse:

    Mas o que seria casamento nesse caso?
    Para mim, as escrituras são claras, “Por isso, deixa o homem pai e mãe e se une à sua mulher, tornando-se os dois uma só carne”.. nunca existiu atos religiosos em relação ao casal nas escrituras, na verdade, casamento, no meu entendimento é a vida à dois. As escrituras só dão respaldo à vida à dois, à relação sexual e às festas de comemoração.. NÃO A ESSA PARAFERNALHA TODA NO DIA DO “CASAMENTO”, ajoelhar diante do pastor, padre, pai de santo, pagé (outro homem), diante do altar, e entrar com o pai da noiva, e tem dama disso, daquilo, e o pastor fala isso, aquilo outro, onde só é importante uma coisa que ele fala: MATEUS 19: 5,6.. O RESTO É UM MONTE DE ATOS PAGÃOS! ISSO NÃO TÊM NA BIBLIA, isso tudo foi inventado pelo homem.. e pq é tão importante? Pq eu só posso ter relações sexuais com a mulher que eu escolhi para viver a vida inteira depois dessas praticas ridiculas, pagãs? As festas sim, até Jesus foi à festa de bodas de casamento.. então se queremos reunir as pessoas que gostamos para mostrar que duas pessoas se escolheram, dá-se uma festa.

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Diego, o cerne da questão é assumir o relacionamento perante Deus e perante a sociedade.

      Responder
      • Diego Rocha disse:

        Perante a sociedade, existe o ato civil. E esse devemos sim fazer para desfrutarmos de algumas coisas perante à lei local. A minha empresa por exemplo dá direito ao plano de saúde, e eu fiz união estável, pois estava com pouco dinheiro, e pude incluir minha esposa no plano, graças às leis do país.
        Perante ao Pai. Ore e entregue nas mãos dEle, não só em um dia específico, mas que seja um ato feito para sempre. Pedindo sempre à Deus que abençoe a união. E dê uma festa informando aos irmãos ou amigos.
        O problema é que o líder precisa disso dentro do templo. E não simples, como Deus pede, mas complicando e identificando como O ATO PRINCIPAL, sendo que o principal é a vida a dois.
        Pense! De onde vieram essas idéias? Como começaram esses costumes? Como isso veio parar dentro das denominações cristãs? Não foi tirado das escrituras.. pode ser lixo, pode ser coisa do homem! Pense nisso irmão..

        Responder
        • André Sanchez disse:

          Diego, onde está o erro em uma pessoa separar um dia para realizar um culto de ações de graças e casar-se? Isso não é uma regra. Você está generalizando. Não podemos chamar isso de lixo como se fosse algo contrário a palavra.

          Responder
          • Diego Rocha disse:

            Separar um dia para dar graças ao Pai e aproveitar para convidar os amigos para todos saberem, eu apoio! Mas problema é que o sistema religioso (ou grande parte dele) prega que, por exemplo, só se pode ter relações sexuais depois do dia dessa festa, quando na verdade o casamento começou quando os dois resolveram que queriam ficar juntos para sempre e tal.. logo pode-se tomar sua mulher, e de duas, ser uma só carne ( fazer amor) e aproveitar essa dádiva de Deus. É uma covardia ter que esperar o dia do ato religioso no templo para depois fazer amor.
            Deus abomina quem não tem parte ou relação de amor nenhuma de terem relações sexuais.. Isso sim é pecado!
            Sinceramente, disse o Mestre: “Vinde a Mim todos os que estão cansados e oprimidos eu vos aliviarei, pois o meu jugo é suave”
            O jugo do Senhor é suave.. mas o sistema quer complicar e tornar cansativo, uma verdadeira opressão!!

          • Diego Rocha disse:

            Casar-se na verdade.. significa ter relações sexuais!
            A palavra CASAR hoje se tornou vários atos em relação à duas pessoas, menos o verdadeiro.
            Afinal, quando duas peças se casam? Quando encaixam, quando o concavo encontra o convexo!
            Conosco não é diferente, a palavra casar significa relações sexuais que dentro de uma vida à dois com o amor verdadeiro, pura e sincera é absolutamente normal para Deus. É o que Deus quer.
            Na verdade, nós nunca deveríamos falar: TE CONVIDO PARA O MEU CASAMENTO, pois esse se faz em um quarto fechado, só os dois, mais ninguém!!

            Tem muita coisa, muitas palavras destorcidas. Sei que é difícil deixar o que aprendemos a vida toda, mas as escrituras pedem para sermos críticos. E pq não duvidar do que vem sendo dito à muito tempo? Leia a bíblia, Jesus veio para todos. Todos têm direito de ler às escrituras com o único auxílio do Espirito Santo, com certeza vai perceber muitos erros de homens. Não estou pedindo para acreditar em mim, ou em qualquer outro, que somos homens, Mas vai tu e o Espírito Santo, colocando de lado o que já aprendeu em relação ao assunto. Estude do zero, e terá novas idéias.

  • Mirela Farias disse:

    Mas, e se o casal praticar o ato sexual, mais um querer se concertar com Deus e o outro não?
    Por exemplo, conheço pessoas que conheciam a palavra mais não eram batizada nas águas, e entraram para o mundo sexual, no entanto, o namorado não é convertido, mais a mulher sim, o que me diz?

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Eu não aconselho o relacionamento amoroso entre crentes e não crentes.

      Responder
      • Diego Rocha disse:

        Eu também não, mas que se resolvam logo: Se vão ficar juntos ou não.. Ai está o segredo, se o cara que é do mundo não quer nada.. melhor ela, literalmente, “meter o pé”.. rs

        Responder
  • Nelson Jr disse:

    Bom dia e que a graça e a paz de Jesus esteja com todos !!!
    Muito bem, não basta querer ser cristão, tem que fazer por onde, vejo muitas pessoas desinformadas que falam que sexo antes do casamento não tem nada a ver, pois só deixo uma dica ´´ Quem Me rejeita e não aceita a Minha mensagem já tem quem vai julgá-lo. As palavras que Eu tenho dito serão o seu juiz no último dia. S. João 12:48 “, ai esta um exemplo do que se trata a palavra de Deus, pois quem diz acreditar nela, então que a faça e não só leia.Obrigado!!!

    Responder
    • Diego Rocha disse:

      Querido Nelson, ninguém esta desobedecendo a palavra de Deus.. estamos talvez discutindo a conduta e rituais criados pelas “igrejas”, que não têm respaldo na Aliança deixada por Jesus para ser seguida por nós. E casamento é um deles, me mostre na sua bíblia um versículo que nos indique fazer toda aquele ritual na igreja, isso veio de religiões pagãs e veio parar dentro da igreja católica, continuando na igreja protestante ou evangélica.

      Responder
      • André Sanchez disse:

        Diego, onde Jesus realizou seu primeiro milagre?

        Responder
        • Sergio disse:

          André, em um casamento ? mas em qual, o da católica com seu sacramento ? ou o da Protestante sem, qual o cartório basta ?

          Responder
          • André Sanchez disse:

            Sérgio, a ótica do blog é protestante

          • Sergio disse:

            André, sei que a ótica é Protestante, eu sou, há várias ramificações diferentes uma das outras e eu pertenço a uma dessas, percebo que há muitos que pensam como eu, que bom e que bom também para os que não pensam,
            Se alguém acha que não deve comer certos alimentos que ótimo, está fazendo para Deus mas, tem outras ramificações que não se importam com isso.
            Quem come e quem não come ambos são Protestantes e servem ao nosso querido Deus ou será que só porque não compartilha da mesma ideia não serve ao nosso Salvador Jesus Cristo.?

            Um abraço e
            Fique com a paz de Cristo.

          • André Sanchez disse:

            Sérgio, nas divergências que chamamos “menores” não há problema algum discordar. O problema está nas questões maiores, com certeza.

          • Sergio disse:

            André, o casamento é divino mas as cerimônias e tudo mais para legalizar isso e aquilo foram criadas por nós mesmo.
            Qualquer debate que for aberto não vá esperar que todos concordem.
            Divergências maiores ou menores dependerão de cada segmento.
            Não pensem por isso que sou a favor da prostituição, nem de orgias e tudo de maléfico nesse mundo em crise.

            Fique com a paz de Cristo.

        • Diego Rocha disse:

          Uma FESTA DE CASAMENTO.. e onde está escrito que naquela festa aconteceram esses rituais? Ai está o problema.. Eu já disse que concordo com a festa, não os ” rituais pagãos”!

          Responder
          • André Sanchez disse:

            Diego, aprenda com as palavras de Paulo a Tito. Cuidado para não atribuir ao diabo a soberania criadora que é Deus:

            “Tt 1:15 Todas as coisas são puras para os puros; todavia, para os impuros e descrentes, nada é puro. Porque tanto a mente como a consciência deles estão corrompidas.”

          • Diego Rocha disse:

            Talvez Deus não condene, talvez ache normal e puro todos os rituais.. Talvez!!!
            Mas eu sei que Deus não obriga a participar daqueles rituais para a partir de então poderem ser chamados de casados. E não quero participar de rituais que estudei e percebi que estão contidos em outras religiões como mandamento.
            É igual ao natal 25 de Dezembro, não tem nada a ver com Jesus, pois até em países que nem se conhece ao Cristo se comemora da mesma forma.

  • J Carneiro disse:

    André, as diversidades de opiniões são baseadas em “achismos” e em respaldos bíblicos. Creio que a vontade de Deus é perfeita para a vida do ser humano. Mas quando se fala em casamento não sei se na bíblia Deus fala ou promete que todos irão casar. Neste caso os que não casarem estarão fadados ao pecado da fornicação?

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Bom, quem obedece ao Senhor não está fadado a nenhum tipo de pecado. Mas é certo que será mais difícil para eles está questão

      Responder
  • Eraldo Carneiro disse:

    Sinto Muinto Mais seu Contesto e modo de interpretação, Ira Induzir Muintos jovens a prostituição, faz com uma faz com outra e com outras….

    Responder
  • Diego Rocha disse:

    Amigo, sinceramente, não sou a favor do que é imposto nos templos pelos pastores, líderes, bispos e o que mais existir por ai.. porém acho que impor a prática do dia do casamento, dificultando e burocratizando esse dia, força o casal a só o fazerem se realmente tiverem certeza que querem ficar juntos.
    Realmente, se não houvesse essa burocracia, as pessoas iriam apenas dizer que se gostam e partiriam para as relações sexuais e tal. O que é abominável aos olhos de Deus.
    Porém eu tenho a minha consciência, não prego e ensino para todos essa minha consciência que li e entendi das enscrituras. A consciência de que amo a minha esposa, quero viver o resto da minha vida com ela, mas não quero participar de rituais pagãos nas igrejas com ela, só para dizer que sou casado após aquilo. Coisas abomináveis ao Pai são realizadas nessas práticas. Com por exemplo, se ajoelhar diante de outro homem, diante de um altar, o vestido da noiva, jogar arroz, e por ai vai.. Onde tem isso nas escrituras?
    Logo, acho que a religião evangélica, pelo menos , deveria impor algo, que forçasse os casais a estarem certos com Deus, mas sem ter que fazer esses rituais de religiões completamente contra ao nosso Deus , o nosso Criador que nos ama tanto, mandou o filho em carne para morrer por nós, para firmar uma nova aliança conosco, para que não erremos mais. Mas estamos caminhando errado denovo.

    Responder
  • antonio carlos disse:

    Prezado André ! Com muito prazer li o conteúdo de sua matéria e estou de acordo com o enfoque religioso abordado por você . Conheci minha esposa(in memoriam) e primeira namorada na 3ª série ginasial (na época) em 1960, namoramos 6 anos, noivamos 1 ano e casamos em 1967. Ficamos casados até 2006 quando então ela faleceu. Cito este detalhe pelo fato de que fazíamos parte, lado a lado, de famílias extremamente religiosas (católicas) e que nos criaram sob a égide de que a transgressão aos princípios e fundamentos religiosos para o casamento tornar-se-ia um pecado perante a “Deus” e depois imoral junto sociedade em geral . Éramos e ainda sou muito temente a “Deus” ! Casamos “virgens” e tivemos 2 filhos (casal) . Nos dias atuais , entretanto, é muito difícil conscientizar o(a) jovem a seguir fundamentos religiosos (salvo raras exceções) pois os limites e exemplos partem do seio da própria família. Você, eu e demais pregadores da ” Palavra ” nos dedicamos a transmitir a questão sob o âmbito Biblíco . Procuro nos “encontros de casais” abordar, sempre e sempre o tema . Acredito , até, que alguns casais entendam a mensagem . Casamento deve ser honrado por todos; o leito conjugal deve ser conservado puro; pois Deus julgará os imorais. Tudo é questão de princípio e respeito . Homem e mulher tornam-se “uma só carne” , desde que , sob minha ótica, venham a assumir um compromisso perante “Deus” e a sociedade. Entendo, André, por mais que os novos casais defendam o sexo fora do casamento , mas não consigo admitir esta prática, assim como o casamento do mesmo sexo. É o que penso , com todo respeito , à aqueles que me intitulam retrógrado, obsoleto e outros adjetivos pejorativos.
    Um abraço do seu admirador católico,
    antonio carlos – cabo frio

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Obrigado pela contribuição, Antonio!

      Responder
  • Andressa Silva disse:

    não consigo enviar minha pergunta… o que fazer?

    Responder
  • Thalita disse:

    André, sou nova ainda (18 anos) e perdi minha virgindade com o meu namorado,sou evangelica e ele tbm (mas nao somos bbatizados) ele teve outras relações com outras mulheres, diferente de mim. Nos pretendemos nos casar, mas ando com tanto peso na consciência por ter feito sexo com ele… (apesar de ama-lo demais e nao ter vontade de conhecer outro homem) o que o senhor acha do meu quadro? (Nunca tive coragem de falar sobre isso com os pastores da minha igreja.)

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Thalita, eu acho que você precisa tomar a sua decisão. Vai seguir a Deus ou ao mundo. Sobre aquilo que você já fez de errado não há o que fazer senão se arrepender, porém, você pode ainda ter um futuro que agrade ao Senhor. A decisão é sua.

      Responder
    • Sergio Murilo disse:

      Thalita, antes de tudo, desculpe, o comentário não me foi endereçado.
      Infelizmente esse peso é colocado só sobre os ombros de vocês mulheres,
      Você errou em quê ?
      É preciso que alguém diga quando e em que situação órgãos sexuais devem entrar em funcionamento?
      Pessoas adultas em consenso mútuo e contanto que não prejudique o próximo onde está o erro, pecado?
      O que falta na maioria das mulheres é estudo para descobrir quem sabe as neuroses que lhes impuseram.
      Você acha que um pedaço de papel assinado tira peso?

      Siga tranquila, sem “fardo” na consciência.

      Fique com a paz de Cristo que não nos impõe o que não podemos suportar.
      Ainda bem que seu jugo é suave.

      Responder
  • Thalita disse:

    Obrigado meus queridos, fiquei com Deus, e vou fazer de tudo pra agradar ao senhor!

    Responder
  • Patrícia disse:

    Olá,
    Encontrei o texto pesquisando sobre assunto um pouco diverso na realidade: o que é casamento.
    Em uma argumentação com minha mãe, que é cristã, tentei explicar para ela que na bíblia, não tem lugar algum que diga que casamento é o ato de levar minha relação a alguma autoridade religiosa, seja junto com uma celebração ou não.
    Ao que me pareceu, se acordo com a bíblia, um casal é marido e mulher a partir do momento que vivem em comunhão, saíram de casa, praticam relações sexuais um com o outro ( e somente) e vivem em harmonia.
    Tentei explicar a minha mãe que o relacionamento que tenho há 7 anos é um casamento embora eu não tenha o levado a nenhuma autoridade religiosa ou não possua aliança, pois de acordo com a bíblia, deve haver uma aliança entre homem e mulher, mas isso não significa que deve existir um anel ou uma cerimônia.
    Gostaria de saber qual a visão do autor do texto sobre isso, e, se possível, basear sua opinião caso contrária a minha, com passagem bíblica, pois eu realmente não encontrei nada que diga que se eu tenho uma relação de amor,lealdade, companheirismo e fidelidade, reconhecida pela sociedade onde estou inserida, pelo nosso testemunho, isso não seja um casamento e que eu “vivo em pecado” como muitos religiosos gostam de falar.
    Obrigada.

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Patrícia, na realidade não é uma autoridade religiosa que valida um casamento, é a lei. Uma pessoa que só casa no “religioso” não está casada. Muitos pensam que pelo fato de não haver cartórios nos tempos bíblicos, podemos aceitar como casamento qualquer tipo de união de um casal. Te convido a ler essa excelente explicação sobre o tema: http://tempora-mores.blogspot.com.br/2013/10/isaque-e-rebeca-base-para-viver-juntos.html

      Responder
    • Sergio Murilo disse:

      Patrícia, não sou o autor do texto mas…….É isso mesmo segundo o que pesquisou, há diversidades , nada há na Bíblia que aponte o que valida um casamento, o link que o irmão indicou já tenho conhecimento há um bom tempo e até deixei algum comentário sobre o mesmo, é só dá uma busca nas minhas respostas.
      o que valida um casamento são os dois, o dia a dia de cada casal é quem vai confirmar isso..
      Cartório é ótimo mas, só para a parte material da coisa e pronto.

      Fique com a paz de Cristo

      Responder
      • Rogerio Lázaro disse:

        Sérgio Murilo, falando sobre o artigo que foi recomendado eu tenho que admitir uma coisa: Augustus Nicodemus é bastante hábil nas suas argumentações e sabe, como poucos, contornar com sutileza algum assunto que não esteja em conformidade com sua postura institucional. Cito como um exemplo clássico a pérola que é um vídeo disponível no YouTube onde ele discorre sobre o dízimo no NT. No vídeo em questão é nítido que ele entende como o assunto em questão de fato é, porém ele fala de modo a não entrar em atrito com os interesses institucionais. Basta ser um pouco observador para entender a tática dele.
        No artigo sugerido nesta página, onde o assunto casamento é apresentado, ele (de forma muito hábil e sutil) simplesmente fez o inverso do que se deveria fazer: em vez de aprofundar e ampliar a análise do assunto ele reduziu e limitou o assunto e todas as suas implicações contextuais e históricas prendendo a atenção de todos apenas para o episódio de Isaque e Rebeca. Augustus Nicodemus tem recursos suficientes para tratar sobre praticamente qualquer abordagem teológica, chegando a ser brilhante em várias questões. Inclusive, eu admiro bastante a postura dele em vários assuntos difíceis.
        Mas, convenhamos… nesse artigo ele foi bem reducionista! E não foi por acaso e muito menos por ingenuidade!

        Responder
        • Sergio Murilo disse:

          Rogério, esses “hábeis” existe em todos seguimentos religiosos, esses “contornadores de ideias” tem aos montes, tanta diversidade no nosso meio? é justamente por causa deles,
          Os “hábeis” Teólogos divergem entre si até mesmo dentro do seu próprio seguimento e todos tem “recursos” suficiente para manobras, são eles que impõe o que tantos tem que segui: isso pode comer aquilo não, essa roupa pode essa outra não, esse dia nada pode fazer os outros sim e por aí vai.

          Um abraço e fique com a paz e com o mais hábil de todos.

          Responder
      • sebastiao disse:

        O casamento só tem validade depois do ato registrado no cartório.
        Romanos 13:1-7 diz: “Todo homem esteja sujeito às autoridades superiores; porque não há autoridade que não proceda de Deus; e as autoridades que existem foram por ele instituídas. De modo que aquele que se opõe à autoridade resiste à ordenação de Deus; e os que resistem trarão sobre si mesmos condenação.
        AAAAAAAAAAAAAAa coração, eita coração carnal que nos engana, meu querido irmão não crie em sua mente uma fortaleza de pensamentos e raciocínio que favoreça a você, a vontade da carne com certeza sempre vai ser saliente ou proeminente que seja, não deixe satanás induzir vc ao erro e nem te usar para levar outras pessoas ao erro. faça a vontade do espirito e não o da carne. o Espirito de Deus é puro. Caso não concorde cmg faça algo melhor e depois nos diga sua experiência, faça prova com Deus, peça a ELE revelação atravéz de seu Espirito ou até mesmo na palavra, faça um compromisso em buscar esta resposta e tenho certeza que Deus falará contigo, não é oq vc acha ou que eu acho que é o correto, nosso coração é enganador, nos engana facil, facil; e sim a vontade do Espirito Santo de Deus que é a VERDADE !!

        Responder
  • Diego disse:

    Fornicação
    Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

    Fornicação (palavra que vem de fornicis, ou fornix: abóbada, ou arco). Fornice era o arco da porta sob a qual as prostitutas romanas se exibiam. As meretrizes ficavam por lá porque, além de ligar o lugar ao sexo, a mulher romana devia, a não ser que não tivesse nem pai, nem marido, nem filho(s) do sexo masculino, sempre obediência a um homem (podiam também ser escravas). As mulheres deveriam ficar sempre dentro dos limites da casa/prédio do seu dono ou protetor – por isso, não podiam passar do arco (fornice).
    No Novo Testamento, fornicação é o termo usado para traduzir a palavra grega Porneia, termo técnico que designava um matrimónio inválido. Na época de Cristo, com a multiplicidade de leis da Judeia, não era raro que um matrimónio fosse invalidado por impedimento jurídico. Surgia então o problema sobre se deviam ou não separar o casal que estavam em zonah (casamento inválido, ou seja, um deles ou ambos não fossem “puros” virgem).
    Por volta do Século III d.C. criou-se então o verbo “fornicare”, que seria o ato de frequentar esse lugar. Temos esta palavra no português, que se originou do latim, o que significa sexo ilícito (nesse contexto), o caso é que no português, há séculos por conta da igreja, tornou-se delicadamente diferente, porém vital o significado dessa palavra. O significado de sexo ilícito seria supostamente a prática de sexo antes ou fora do casamento. A palavra ilícito significa imoralidade, ou o que é contrário as leis. Naquela época, como foi-se dito antes as leis da Judeia, considerava-se ilícita a prática de sexo antes do casamento, o que não acontece nos dias de hoje; não existe na legislação brasileira nenhuma norma que proíba o sexo antes do casamento (desconsiderando obviamente crimes como estupro), ou ainda que considere inválido esse casamento, por um deles não ser mais virgem.
    Segundo o Dicionário Aurélio, além de sexo ilícito; mortificação ou aborrecimento e apostasia – na época quando os hebreus mudavam de religião – também significam fornicar. Segundo o dicionário grego há porém mais um significado metafórico que seria a prática de adoração a deuses.
    A palavra Fornicar ou Fornicação, ficou amplamente conhecida entre as Escolas de Mistérios como o ato de derramar o semem , como um ato de impureza conforme na Bíblia em Levítico – cap. 15 à 16. Nas Escolas de Alquimia, ficou conhecido como o ato de derramar o vazo de Hermes. Antigas Bíblias se refere ao 6º Mandamento como – ” Não Fornicar”, coisa que depois foi alterada pelo reformadores conservadores para “Não Adulterar” que já tem outro significado.

    Responder
  • samuk190 disse:

    Uma simples palavra que deixará vcs todos quietos

    Eu acho que a pessoa pode ter relação sexual com quem ela REALMENTE AMA (assim como diz no budismo)
    MAs não só um paixão e sim um amor bem forte , que não vai usar a quela pessoa e sim ficar com ela para sempre

    Nossa vida dura em torno de 40-90 anos +-
    Você quer perder 5 , 6 ou até 9 anos , (A vida sexual começa aos 15 +- tem gente uqe faz antes)
    Sem poder ter segurança e intimidade com sua(eu) parceira(o)
    é um sofrimento desnecessario e como deus é bom ele não aprovaria esse sofrimento

    Deus é que nem seu pai ou sua mãe , eles te proibem , até escrito em um caderno etc , mas se eles ve , que você vai fazer certo , vai tomar atitude de uma pessoa de verdade , eles acabam deixando

    e em alguns significados PORNEIA SIGNIFICA IMORALIDADE SEXUAL , OU SEJA PROSTITUIÇÂO , etc
    Não diz nada de sexo antes do casamento.

    Apesar do budismo ser ateu(eu não sou budista mas eu uso sim alguns de seus ensinamentos)
    eles tem uma visão bem inteligente sobre esse assunto

    Alem do que , Sexo deixa as pessoas menos estressadas , melhora a saúde , etc

    E Hoje em dia existe camisinha; anticoncepcionais

    Boa sorte,Nâo adianta respeitar o fornicamento ,e realizar o adulterio mais tarde , ou cometer algum pecado como fazer mal a outra pessoa #fica a dica

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Samuk, a palavra grega “porneia” tem uma gama muito mais de significados.

      Responder
  • Samuel.Henrique disse:

    Sérgio e Rodrigo penso na mesma linha de raciocinio de vocês, e creio que o casamento nasça do coração e comprometimento um do outro, quanto a questão de oficialização do casamento, no tempos Bíblicos não existia o Ketubah?Que era como se fosse um registro de casamento?E a acarta de divórcio desde o tempo de moisés se não me engano, tanto que Jesus falou sobre ela se não me engano, ou seja a regulamentação do casamento dos hebreus existia faz é tempo nessa cultura, certo?

    Responder
    • Sergio Murilo disse:

      Errado, Samuel, O que nosso Senhor Jesus falou é algo descritivo e não prescritivo, Ketubah ou outro contrato qualquer é uma invenção meramente humana e serve unicamente para proteção ou rupturas futuras, para a parte material é excelente e só, e eu concordo.
      Casamento civil no Brasil como já citei começa em 24/01/1891 e em Igreja passa a ser obrigatório a partir do concilio de Trento realizado pela Igreja Católica (1545-1563)
      Eu pergunto: onde mundo afora algum evangélico ou católico iria conseguir esse “Ketubah” antes dessas datas?
      Repito, não há nada na Bíblia que nos informe que para que uma união entre um homem e uma mulher seja válido perante Deus necessite de “Ketubah”
      Há relatos que são costumes local e cultural e não vamos confundir descrição com prescrição.

      Fique com a paz de Cristo

      Responder
  • Marco Lima disse:

    Sou bastante resistente a muitas falsas doutrinas que são ensinadas.mesmo que eu procure argumentos para achar que somente uma união de corpos,e estável, seria casamento…..convém observar na bíblia os versos de Mat_19:7 , Mar_10:4 ,e Isa_50:1…..Se EXISTE uma carta de DIVÓRCIO…………..

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Marco, Um dia assisti um debate em um programa evangélico onde um pastor comentava que um certo casal ao querer fazer parte de alguma coisa na Igreja que pastoreava teria que casar, esse casal já morava juntos há 50 anos.
    Eu pergunto a todos que estão lendo este comentário, será se esses dois estavam brincando de se casar?
    Eles estavam na fornicação, pecado, sei lá o que mais queiram definir?
    Sua ida ao cartório após 50 anos de convívio diminui ou aumentou as responsabilidades que já tinham?
    Ficaram mais ou menos casados por tal ato?
    Nosso bom Deus não tá preocupado com assinaturas de papeis. se alguém desejar, que bom, vá, mas não é uma obrigação divina e casamento não se define com tais manuscritos, casamento se define no dia a dia de cada casal, há casamentos que não se concretizam nunca nem com milhões de papeis assinados.
    Meu caro irmão, quanto suas citações,na bíblia também nos diz que se a mulher não for virgem para o casamento a mesma deve ser apedrejada, alguém concorda com isso?
    Há outras coisas que ela também nos informa mas se eu for citar vai ficar cansativo demais, nem tudo que está na bíblia é prescritivo e há muitas coisas local e cultural e a cultura surge de ideias humana.
    minguem casa ninguém, são os dois que se casam, tá no querer de ambos.
    A união entre um homem e uma mulher é divino mas cerimônias, cartório, festas e tudo o mais não passa de invenção nossa, invenção boa e eu concordo para as coisas materiais e só.

    Fique com a paz de Deus..

    Responder
  • Marco Lima disse:

    Sergio,tenho o mesmo pensamento que o seu,mas, sobre a existência de uma CARTA de DIVÓRCIO?

    Responder
    • Sergio Murilo disse:

      Marco, se pra você casamento tem que existir um documento assinado, não há nada demais nisso, o que tento explicar é sobre a problemática sexual que nós mesmo inventamos e depois nos culpamos, se você acha que para conviver com alguém seja necessário uma autorização , tudo bem, que vá em busca disso, o que não devemos é querer tentar padronizar todos de acordo com o que pensamos.
      Você tá engasgado com a carta de divórcio e eu te pergunto:
      Antes de 24/01/1891 onde nós iriámos ter uma “autorização” para convivermos maritalmente com alguém, a Igreja católica tinha seus registros, nós Cristãos protestante iriámos nos registrar lá? como nós não Católicos convivíamos com nosso cônjuge antes quando ainda não existia casamento civil, você sabe como?
      Você anda engasgado com essa carta mas, no Código de Hamurabi já existia contratos; carta de divórcio , leis e outras obrigações já existiam antes do Cristianismo entrar em cena, e você acha que o que está em Hamurabi é Divino? Cristo citou o que já existia e não como prescrição e descrevia algo que já era peculiar da época, união entre homem e mulher era um acordo entre família que daí se constituía em casamento, alguém quer que ainda haja esse acordo?
      O Cristianismo adotou muitas práticas pagãs e não estou dizendo que está errado, não me interpretem mal.
      Cristo também disse para darmos a outra face, quem se propõe para tal?
      Cristo também disse para arrancarmos o olho fora quando cometermos certas faltas , alguém faz assim? Ah! vão me dizer que é alegórico ou metáforas sei lá o que mais né?
      Meu caro irmão, ter um registro no cartório é ótimo mas só para quando o que planejamos não der certo, com ele você pode colocar quem está com você em algum plano de saúde ou outra coisa qualquer e é mais fácil provar certas coisas perante os homens com um documento assinado do que nada quando o sonho acabar.

      Hamurabi data por volta do século XVII antes de Cristo.
      Isaias, por volta do século VI – VII , antes também.
      Mateus, data de mais ou menos no ano 50 depois de Cristo.

      Que a paz de Cristo esteja no coração de todos.

      Responder
  • sidney disse:

    As consequências que o SEXO antes do casamento traz:gravidez indesejada,casamentos forçados,abortos,doenças infecto transmissoras e por aí vai,como DEUS puro e Santo,permitiria isso.

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Sidney, não sou a favor da promiscuidade mas temos também consequências dentro de uma união com papel e tudo mais..
    Se você estudar um pouco sobre relacionamentos vai encontrar muitas coisas “interessantes”

    Um abraço e fique com a paz de Cristo.

    Responder
  • Danielle disse:

    Moro junto com uma pessoa há 10 anos,temos 4 filhos,sinto nojo quando falam que isso não é casamento,então é o que???Casamento para mim é a união entre homem e mulher,e falam que morar junto não é compromisso??Acho que desde quando começamos a namorar uma pessoa,temos compromisso para com ela.E mais não preisa casar no civil para ter direitos,basta namorar uns 5 anos que ja se tem direito perante a lei do homem.Creio que Deus sempre esta com a minha familia,e nos vê como só um.O AMOR VERDADEIRO É O VERDADEIRO SENTIDO DO CASAMENTO.Peado é o que muitos Cristãos estão fazendo enhendo de minhoas o pensanto de pessoas fraas e destruindo um casamento que era perfeito,com a discordia por assuntos tão fúteis ao invés de pregar o amor de Deus ficam apontando quem vai ou não pro inferno.Se esqueendo que o único capaz de Jugar é Deus.

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Danielle, não discuto com você com relação a isso. Você disse bem: “Casamento PARA MIM é…”. O texto em questão aponta o que a Bíblia diz e não o que alguém acha que é certo. Se quiser discutir o que a Bíblia diz estou aberto, agora discutir o que você acha fica difícil, até porque você está altamente influenciada em sua posição por estar vivendo a questão.

      Responder
      • Sergio Murilo disse:

        André, desejo colocar minha foto, já tentei por várias maneiras, só me resta você ou um outro qualquer que entenda, por favor me ajude.

        Fique com a paz de Deus.

        Responder
        • André Sanchez disse:

          Sérgio, como assim colocar sua foto? Não entendi

          Responder
          • Sergio Murilo disse:

            André, eu posso ver você e alguns, há nomes e fotos.
            Desejo fazer o mesmo.

          • André Sanchez disse:

            Sérgio, esse sistema que puxa as fotos às vezes não funciona em algumas contas de e-mail. Não sei o que pode ser. Se eu conseguir te resolver te aviso, já que não tenho muito conhecimento técnico sobre programação de computadores

          • murilus disse:

            André, consegui colocar a foto, muito obrigado por tentar me ajudar.

      • Linda disse:

        Me responda apenas, como era casamento naquele tempo? E se um casal estivesse sozinho numa ilha deserta, como se casariam? Casamento, como diz a propria palavra é união, cerimonia é algo que foi adicionado pra marcar data, assim como a missa é um modo de reunir pessoas para rezar juntos, ou será que minhas orações só são validas na igreja?

        Responder
        • André Sanchez disse:

          Linda, mas quem falou em cerimônia. O casamento válido é perante a lei. Uma pessoa que se casa perante a lei e não casa na igreja está com seu casamento legalizado da mesma forma.

          Responder
    • Sergio Murilo disse:

      Danielle, você não está em pecado algum, o nosso bom Deus não solicita assinaturas para que uma união entre um homem e uma mulher seja válido.
      Se você achar que um dia deve ir à um órgão público para tal que vá, mas não para tirar pecados, fornicação e sei lá o que mais.
      Inventaram que para conviver com alguém tem que ter uma autorização.
      Vocês estão casados sim, compromissos e outras coisas qualquer como exigem independe que haja concessões de terceiros.

      Fique com a paz de Cristo

      Responder
      • André Sanchez disse:

        Danielle, claro, isso na opinião do Sérgio, que é apenas uma opinião, já que ele não cita um único embasamento bíblico.

        Responder
      • Sergio Murilo disse:

        Danielle, o que não há são embasamentos bíblico para validar uma relação entre um homem e uma mulher, se alguém puder citar, debateremos histórica e teologicamente.
        Se você fosse Católica praticante e o outro Evangélico, onde esta união teria validade? acontece, dizem que no coração ninguém manda, veja a confusão que isso daria justamente por que incutiram cada uma nas cabecinhas que antes de tudo os dois devem ser “autorizados”, uma exigindo o Sacramento e nós um simples documento com assinaturas
        Repito, Deus instituiu o casamento, mas a maneira como validá-lo fomos nós mesmo que produzimos. As tradições religiosas e culturas tem seus jeitos de concretizar tais uniões, nada de errado, só vejo como erro quando induz que se não for do padrão de cada uma estão no pecado citando que isso existe na Bíblia.
        A!, e quanto a validação entre Católico e Evangélico? é só a parte interessada e amedrontada com a tal fornicação ir conversar com o Bispo Católico e ele lhe concede a tal da “Sanação radical” ,pronto acabou o pecado.
        Citei só como exemplo sobre validação entre um católico e Protestante por que um amigo me fez essa pergunta e eu desejei citar no debate.
        Quanto a casamento misto Será bem melhor cada uma na sua, assim evita muita confusão.

        Fique com a paz de Cristo.

        Responder
  • Cíntia disse:

    Embora seja cristã, acho que os argumentos do Sergio são bem válidos. A Bíblia é algo a ser interpretado, e nunca vi lá dizendo como se deve acontecer para um casal se constituir em um “verdadeiro casamento”. Mas enfim.. questões complicadas, mas debates são sempre importantes, afinal tolo é quem diz que política e religião não se discute, por isso muitos vão pela cabeça só de líderes religiosos e são sempre enganados por políticos corruptos (o que já virou normalidade aqui no Brasil).. Política e religião se discute SIM, pelos inteligentes!

    A paz.

    Responder
    • Sergio Murilo disse:

      Cíntia, foi o que mais estudei dentro do Cristianismo, a neurose sexual é terrível, principalmente para vocês mulheres.
      Um abraço e fique com a paz de Cristo..

      Responder
  • joao disse:

    o significado de casamento pelo q eu entendi em (Gênesis 2.24,25) é q o casamento seja o ato de sexo entre um casal virgem, q a sim q praticado se tornão homem pai e mulher mãe , e q o casal nao se sentem envergonhados estando nu um a frente do outro. . .
    se caso eu estiver errado ou não.
    me expliquem essa passagem na bíblia? e o q é definitivamente casamento. muito obrigado des de ja . . .

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    João, tente acompanhar os comentários que você talvez entenda o que seja um casamento, se eu for explicar mais uma vez se tornará repetitivo e eu estou tentando evitar isso.

    Um abraço e fique com a paz de Cristo.

    Responder
  • Linda disse:

    Na biblia não diz que tem que ter um padre que vai juntar o casal, e sim, simplesmente um homem se una a sua unica mulher para formar a familia deixando o pai e mãe para tras. Simples.

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Linda, conforme os comentários do André e de alguns precisamos comparecer à um órgão público para estarmos casados perante Deus, não ví isso na bíblia , se alguém ou até o próprio André tentar explicar.
    Se pensarmos assim, digo, houve um tempo quando não havia nada para que pudéssemos pensar em casamento dessa forma.
    A convivência dependendo de ambos já é um casamento, quem achar que deve ter cerimônias ou palavras mágicas ” eu vos declaro marido e mulher ” não há problema algum.
    Um casamento depende dos dois e não de terceiros.
    ninguém casa ninguém, são os dois que se casam.

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Você está enganado, Sérgio. Basta dar uma simples olhada na Bíblia e verá que não é assim. A sociedade patriarcal, por exemplo, da época de Abraão era regida pela autoridade do patriarca e seus líderes que abençoavam ou não uniões.

      Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Sendo assim, vamos lá, então por que hoje um casal não pode pedir a bênção ? será que não devem orar em favor de sua união? na Católica é assim eles tem “atravessadores” para se chegar até Deus.
    Sistema patriarcal ? ah ! são tantas coisas a favor desse sistema, pobre mulheres .
    Claro que o sistema era regido pelo homem, em favor de quem ? as mulheres deveriam ser virgem e o macho teria também essa obrigação? divorcio, quem era o maior beneficiado? são tantas coisas no mundo antigo que seria cansativo a não ser se um dia nos encontrássemos, eu e você e um auditório lotado.
    É uma pena que pensem que casamento se valide por causa de assinaturas,
    Há casamentos que nunca deveriam ter existido mesmo com assinaturas e tudo mais, não são formalidades que casam e sim um casal macho e fêmea ,no dia a dia é que vão perceber se casou ou não.
    Que eu saiba, hoje só temos um intermediador, um verdadeiro homem filho de Deus que mesmo vivendo em um sistema altamente patriarcal não solicita muito daquilo que pensamos, para a época a mulher adúltera tinha que ser apedrejada mas o que ele fez? e o homem que a fez adúltera, por que não o levaram para Jesus também se em Levítico cita os dois?
    Cristo pode muito bem abençoar uma união, sem precisar seguir regras meramente humanas, é só pedir.

    Fique com a paz de Cristo.

    .

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Sérgio, infelizmente você está misturando diversas coisas e não está chegando a lugar algum com esse posicionamento. Estou discutindo a questão com base bíblica e a Bíblia não passa a mão na cabeça daqueles que estavam errados. Mas é extremamente óbvio verificar como a Bíblia se posiciona com relação ao casamento. Já demonstrei isso no texto acima…

      Responder
  • Sergio Murilo disse:

    André, não só sobre a questão sexual mas em muitos pontos, dentro do Cristianismo qual estamos inserido há muita e muita diversificações e não estão juntos e sim separados justamente por causa de posições.
    É com base bíblica que digo a todos que não há essa exigência na palavra de Deus e sim intepretações.
    Qual seria o erro quando macho e fêmea por consenso mútuo e contanto que não prejudique o próximo convivam maritalmente ?
    Jamais serei contra a cartório, cerimônias etc. etc se alguém acha que deve que vá, isso é bom para possíveis problemas que poderão ocorrer, agora só que essas coisas não elimina pecado, fornicação ou outra coisa qualquer.
    Uma vez entrei em uma Igreja que guarda dias , sabe como foi que me senti lá dentro ? otimamente bem, para mim são irmãos em Cristo independente de posições, tantas outras visitei a convites e me senti o mesmo.
    Se for abertos debates e mais debates por causa das diversificações é claro que não vai haver consenso, as posições já estão definidas.
    Se o debate está aberto não vamos esperar que todos concordem.

    Encontraram até Papa na bíblia, pode ?

    Fique com a paz de Cristo.

    Responder
  • Nelson Junior disse:

    A paz e graça ti André, estou namorando sei e passo por uma dificuldade grande com as vontades de minha carne pois pratico sexo e não sou casado claro com minha namorada, não vou ser hipócrita conheço a palavra e sei que estou em pecado, mas como vou saber se essa é parceira certa para que eu tenha uma união para o resto de minha vida carnal pois preciso muito de sua ajuda porque quero minha salvação a vida eterna ao lado de Jesus.O que devo fazer a partir de agora e desde já agradeço paz de Cristo.

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Nelson, só posso dizer que não é através do sexo que você vai saber se essa parceira é a certa para você.

      Responder
      • Sergio Murilo disse:

        Exatamente meu caro André.
        Sexo não define isso.

        Responder
  • Nelson Junior disse:

    kkkkkkkkkk com certeza, e foi por isso que eu pedi uma opinião pois isso eu já sabia, não me esclareceu muita coisa mas o melhor é a resposta dentro da doutrina de Deus e esperar o tempo certo mesmo dificil é mas como diz em Mt 19.26 Jesus olhou para eles e respondeu: — Para os seres humanos isso não é possível; mas, para Deus, tudo é possível. Pois como sabemos o homem é falho e qualquer tipo de ajuda depende muito como esta a sua santidade em busca de sabedoria e depende também como esta o psicológico da pessoa no momento, pode até ser prejudicial e dessa forma não ajuda muito néhhhh ?!pois é que a graça e a paz esteja contigo .

    Responder
  • Marcelo Muricy disse:

    Amém André, Deus preserve homens como você, Eu estou namorando e sei o quanto é complicado, mas acredito que o amor é a única forma de saber qual pessoa certa, além disso devemos pedir orientação a Deus, ele sabe o que é melhor para nós, mais quem não segue a palavra da Lei não terá a graça alcançada.
    Graça e Paz lhes sejam multiplicadas .

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Obrigado, Marcelo

      Responder
  • Sergio Murilos disse:

    Pelo que entendi O Renée Ricardo tem o pensamento um pouco parecido com o da Igreja Católica ou seja, para quem é Católico ou casa no religioso ou não está casado, então se dependesse dele seria assim.
    Tanto o cartório como a tradição citada, também é invenção humana.
    Sobre se há uma proposta melhor, claro que há, os dois é que deveriam escolher, se alguém acha essencial cartório , ou se alguém acha que só uma cerimônia resolve que mal há nisso? e se alguém acha que a convivência é o suficiente qual erro nisso também.
    Um ato ou sinal externo, isso será conhecido por todos independente de qualquer coisa.
    Por que querer taxar duas pessoas de fornicadores se foram ambos que escolheram assim e se respeitam.
    Não ví na bíblia como “mandamento” nenhum cerinmonial que possa validar uma união entre macho e fêmea.
    Muitas coisas está lá como descrição e só.
    Muito do que pensamos ser prescrição Divina surgiram com o consenso racional e nada mais.
    Repito mais uma vez: casamento é Divino mas a maneira como validá-lo não passa de meras invenções.

    Responder
    • PR. RENÉE RICARDO disse:

      ENTÃO TEM COMO VOCÊ TENTAR DESCREVER PRA GENTE, O QUE ERA UM CASAMENTO NO NOVO TESTAMENTO? PODE CORTAR CARTÓRIO E ATÉ A CERIMÔNIA RELIGIOSA, ENTÃO COMO A FAMÍLIA, A COMUNIDADE OU A SOCIEDADE NEO-TESTAMENTÁRIA DECLARAVA OU RECONHECIA ALGUÉM COMO CASADO? É PRECISO TER ALGUM REFERENCIAL ENTRE UMA PESSOA CASADA E UMA SOLTEIRA: QUE REFERENCIAL ERA ESSE, NO NOVO TESTAMENTO, VOCÊ PODE ME EXPLICAR?

      OBSERVE QUE A PERGUNTA TEM DOIS VIÉIS:

      1º NO NOVO TESTAMENTO, QUAL ERA O REFERENCIAL PARA A COMUNIDADE SABER QUE DUAS PESSOAS ERAM CASADAS?

      2º NO NOVO TESTAMENTO, QUAL ERA O REFERENCIAL PARA O PRÓPRIO CASAL SE SENTIR E ENTENDER QUE ERA CASADOS?

      ME RESPONDA POR FAVOR!

      AINDA ESTOU AGUARDANDO A OUTRA PERGUNTA QUE FIZ SOBRE AS VARIANTES DO GREGO, DO TERMO FORNICAÇÃO: EXISTEM VARIANTES NO GREGO OU SÓ TEM UMA FORMA DE ENTENDER?

      AGUARDO!

      Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Pr Renée, Quanto a citação de livros não tive a intenção de me impor por causa de algum conhecimento, citei por que fui questionado sobre estudos nesse debate.
    Estou lendo um que para entendermos o assunto melhor foi citado outro extra bíblico do mundo antigo que o autor leu, o livro que estou lendo tem o título ” A família no antigo testamento” autor : Esdras Costa Bentho, com bacharelado em teologia e entre outros, algumas vezes precisamos agir assim.
    Para mim não há argumentação melhor que a palavra de Deus, meus livros passado no liquidificador não dá uma bíblia.
    Sobre a primeira pergunta nosso irmão acima já postou um comentário, resumindo:
    Relação sexual ilícita e dai vem suas interpretações.
    Sobre a segunda pergunta, não gosto de propor o que não há na bíblia como mandamento, mas se alguém acha que deve ter todo o glamour de uma cerimônia que mal há nisso ? o que não devemos é querer taxar duas pessoas que decidiram conviver silenciosamente de fornicadores.
    Pense em um casal casado há 50 anos, segundo o que ouvi em um debate eles estavam no pecado, mas só por que não decidiram pela forma tradicional ? eles estavam brincando de casados por tanto tempo? que absurdo acharem que eles não eram marido e mulher só por que não houve formalidades.
    Espero, prezado Pastor ter respondido da melhor maneira possível.

    Peço desculpas por não ter citado seu título no outro comentário não ví o Pr, não foi por desmerecimento ,foi falha minha.

    Um abraço e fique com a paz de Cristo

    Responder
    • PR. RENÉE RICARDO disse:

      MINHA 1ª PERGUNTA: NO NOVO TESTAMENTO, QUAL ERA O REFERENCIAL PARA A COMUNIDADE SABER QUE DUAS PESSOAS ERAM CASADAS?

      A RESPOSTA DO SÉRGIO: Sobre a primeira pergunta nosso irmão acima já postou um comentário, resumindo: Relação sexual ilícita e dai vem suas interpretações.

      MINHA 2ª PERGUNTA: NO NOVO TESTAMENTO, QUAL ERA O REFERENCIAL PARA O PRÓPRIO CASAL SE SENTIR E ENTENDER QUE ERA CASADOS?

      A 2ª RESPOSTA DE SÉRGIO: Sobre a segunda pergunta, não gosto de propor o que não há na bíblia como mandamento, mas se alguém acha que deve ter todo o glamour de uma cerimônia que mal há nisso ? o que não devemos é querer taxar duas pessoas que decidiram conviver silenciosamente de fornicadores.

      EU PERGUNTO: O SÉRGIO RESPONDEU O QUE EU PERGUNTEI?

      SÉRGIO, SE POSSÍVEL, RESPONDA O QUE EU PERGUNTEI.

      AGUARDO!

      AMPLEXOS!

      Responder
      • Sergio Murilo disse:

        Respondendo suas duas perguntas: no mundo antigo o casamento ( a maioria ) era regido pelas famílias, o casal se sentiam ou deveriam se sentir casados quando essas selavam o acordo.
        Tradições e costumes são remodelados pela sociedade de tempos em tempos e muda de lugar para lugar.
        Como já disse não sou contra quem procura formalidades e festas, isso não tá errado, só não acho certo taxar de fornicadores ou sei lá o que mais casais que decidiram pelo silêncio.
        Muitos estão julgando nessa área onde só Deus tem poder para tal..

        Responder
      • Sergio Murilo disse:

        Pr Renée, revendo mais com calma houve um erro sobre a resposta da primeira pergunta, devo ter respondido de um outro questionamento.
        Talvez o cansaço e o estresse que meu trabalho me provoca me fez trocar a resposta.
        Pouquíssimas vezes minha esposa tambem responde, não acho certo , só eu mesmo é que deve responder, vou rever isso com ela.

        AMPLEXOS for you too and may God bless all of us as a Family.

        Responder
  • Léo disse:

    Sinceramente, fornicar é fazer sexo por puro prazer. A Bíblia relata fornicar como o ato de se prostituir praticamente. Se entregou o seu namoro ou noivado nas mãos do SENHOR, ele te respondeu, AMÉM. Desde quando eu fiz sexo sem amar? Sempre amei minha namorada, sempre fiz tudo por amor, respeitando-a como minha ESPOSA. POVO NA BOA, eu sou evangélico, não adepto ao cristianismo, que foi um movimento separado do catolicismo em 1054. Contudo, pare de julgar as pessoas, SATANÁS é o acusador, leia a Bíblia mais atentamente, isso foi implantado em nossas cabeças de forma errada.
    Sinceramente o casamento não passa de um ritual, alianças e um gasto sem sentido. Sem dúvidas, todos saem ganhando com essa palhaçada toda.Casar no religioso é nada mais nada menos que casar na presença do SENHOR, não assinar um monte de papel.
    Enfim, fiquem atentos ao que a Sociedade ta implantando em seu mundo. A grande realidade é que, as pessoas não seguem a palavra de DEUS e sim umas as outras .

    Responder
    • Sergio Murilos disse:

      Léo. concordo plenamente, acham que casamento é o glamour das cerimônias e suas festanças associada com as palavrinhas mágicas ” eu vos declaro marido e mulher ”
      Estão julgando casais onde só Deus tem esse direito.
      Só uma correção. em 1054 ocorre a separação entre a Católica Romana e a ortodoxa.
      Quanto ao resto fique tranquilo.

      Responder
  • Marcus Silva disse:

    Sexo antes do casamento é biblicamente errado, então na época que vivemos, casar tem que estar no papel e não em intenções sérias, não podemos nos basear nas leis antigas, mas sim nas atuais, porque é nelas que vivemos.

    Responder
    • Sergio Murilo disse:

      Marcus, primeiro: para sexo ser biblicamente errado como comenta ela deveria definir como mandamento o que é um casamento.
      Segundo: quanto as leis atuais que você relata que tal a união estável?
      Ninguém tá burlando nada.
      Lembra do novo código civil?

      Responder
      • André Sanchez disse:

        Sérgio, quantos anos de união são necessários para ser considerado união estável?

        Responder
  • Sergio Murilo disse:

    A união estável não depende de uma determinada quantidade de tempo para ser configurada.
    O artigo 1.723 de nosso Código Civil diz que ” é reconhecida como entidade familiar a união estável entre o homem e a mulher, configurada na convivência pública, contínua e duradoura e estabelecida com o objetivo de constituição de família”.
    Claro que tanto você André Sanchez quanto o Pr Renée quando me questionam alguma coisa sabem as respostas, eu entendo o porquê delas mas podem perguntar, fiquem à vontade para tal, se eu não souber responder de imediato prometo que pesquisarei , reconheço que nem tudo tenho conhecimento e preciso aprender cada dia mais.
    Quanto a fornicação, ela não se aplica, a meu ver, a união estável que muitos ainda não aceitam, fornicação tem a ver com o exercício irresponsável da sexualidade.

    Um abraço do seu irmão em Cristo, assim eu considero não só você mas todos que participam desse debate independente de posições.

    Responder
  • PR. RENÉE RICARDO disse:

    ´SERGIO, ESSA FOI A SUA RESPOSTA: no mundo antigo o casamento ( a maioria ) era regido pelas famílias, o casal se sentiam ou deveriam se sentir casados quando essas selavam o acordo.

    SERGIO, de acordo com a sua resposta, Percebeu que desde a antiguidade alguém (que não seja o próprio casal) precisava testificar, confirmar a união do casal?

    Não é difícil concluir que a permissão dos pais, de alguma forma chegava ao conhecimento da comunidade.

    com o passar dos anos, o selo ou o acordo passou a ser acompanhado de uma cerimônia; na verdade, cerimônias internas (familiares) sempre existiram: os pais do noivo e da noiva, se juntavam para comemorar e, no geral, fatalmente, havia uma hora que rezas ou orações ou qualquer prática religiosa acontecia ( por exemplo: o pai falava para o filho: EU TE ABENÇOO MEU FILHO!). O ritual, o cerimonial sempre existiu.

    BOM, O PONTO MAIS IMPORTANTE É QUE NÃO ERA O CASAL, SOZINHO, QUE SE AUTO-DECLARAVA CASADOS; TESTEMUNHAS E ALGUÉM (NÃO ELES MESMO) CONFIRMAVAM A UNIÃO.

    REPITO: CASAMENTO CIVIL E UNIÃO ESTÁVEL PODE SER OPCIONAL; PORÉM, ABRIR MÃO DE UM CERIMONIAL COM TESTEMUNHAS E UM OFICIANTE (QUE PODE ACONTECER NA GARAGEM DO CARRO, SEM BOLO E REFRIGERANTES) É IR POR UM CAMINHO QUE DESDE A ANTIGUIDADE NUNCA FOI SEGUIDO.

    A VERDADE É QUE SE DUAS PESSOAS SE AMAM, NÃO TEM PORQUE NÃO QUERER FAZER ISSO; COMO SOCIEDADE, PRECISAMOS TER UM REFERENCIAL,

    DETALHE: VEJO QUE VOCÊ SE INTERESSOU MUITO POR ESSE ASSUNTO.

    ENTENDA QUE NA SOCIEDADE ATUAL, A BUSCAR DE PRAZER SE TORNOU UMA OBSESSÃO; NA CULTURA ATUAL, QUANDO O HOMEM “CANSA” DA MULHER OU TEM PROBLEMAS COM ELA, LOGO PENSA EM SAIR FORA E ARRUMAR OUTRA: E A CULTURA DO DESCARTÁVEL.

    SERGIO, UMA COISA É A SUA ESTRUTURA PSÍQUICA E O SEU COMPORTAMENTO DIANTE DA SOCIEDADE ( COM A MULHER QUE VOCÊ AMA E MORA COM ELA) ,OUTRA COISA É ESTRUTURA PSÍQUICA DAS OUTRAS PESSOAS. QUERO DIZER QUE, COM SUAS PALAVRAS, VOCÊ PODERÁ INCENTIVAR ATITUDES OU COMPORTAMENTOS EM SEUS LEITORES.

    LEMBRE-SE QUE DIANTE DE DEUS VOCÊ RESPONDERÁ POR TUDO QUE GESTICULA, FALA, ESCREVE E PENSA.

    CONCORDO QUE AS IGREJAS COLOCARAM MUITOS FARDOS PESADOS NAS PESSOAS E TODAS ELAS RESPONDERÃO POR ISSO; TODAVIA, PENSO QUE O CAMINHO QUE VOCÊ SUGERE EM SEUS COMENTÁRIOS VAI PARA O OUTRO EXTREMO.:

    EXTREMOS GERALMENTE NÃO SÃO BONS.

    CUIDADO!

    FICA NA PAZ!

    Responder
  • PR. RENÉE RICARDO disse:

    PESSOAL NÃO ESQUEÇA O SEGUINTE:

    MARIA JÁ ESTAVA PROMETIDA A JOSÉ, TODOS JÁ SABIAM QUE ELES SE AMAVAM, SÓ ESTAVAM FALTANDO OS ÚLTIMOS DETALHES PARA QUE ELES DOIS PUDESSEM ENFIM, DESFRUTAR DA PRÁTICA SEXUAL. OBSERVE! ELES ERAM NOIVOS! TODOS JÁ SABIAM QUE ELES SE AMAVAM! ESTAVAM PROMETIDOS UM PARA O OUTRO!

    POR QUE ENTÃO ELES AINDA NÃO TRANSAVAM?

    PORQUE AINDA NÃO HAVIA ACONTECIDO O CERIMONIAL COM AS FAMÍLIAS PRESENTES (PESSOAS DA COMUNIDADE TAMBÉM PODIAM SER CONVIDADAS).

    MARIA AMAVA JOSÉ E JOSÉ AMAVA MARIA! TODOS SABIAM DISSO. HOJE, NO PENSAMENTO DO SÉRGIO, ELES JÁ PODIAM TRANSAR, MAS NO PENSAMENTO DE MARIA E DE JOSÉ, ISSO SERIA ERRADO – OS PAIS E A COMUNIDADE ENTENDIAM QUE ISSO ERA ERRADO.

    E DE REPENTE, A MARIA QUE AMAVA E NÃO TRANSAVA, RECEBE A NOTICIA DE SUA GRAVIDEZ.

    ELA FICOU ASSUSTADA:

    “ENTÃO , DISSE MARIA AO ANJO: COMO SERÁ ISTO, POIS NÃO TENHO RELAÇÃO SEXUAL COM HOMEM ALGUM?” LUCAS 1: 34

    TENHO CERTEZA QUE SE MARIA E JOSÉ ESTIVESSE ENTRE NÓS, ELES NÃO CONCORDARIA COM A OPINIÃO DO SÉRGIO;

    DE REPENTE, ELES ATÉ CONCORDARIAM COM O SÉRGIO SOBRE ESSE NEGÓCIO DE TER QUE SE CASAR NO CARTÓRIO OU FAZER A UNIÃO ESTÁVEL, MAS PENSO QUE ELES NÃO ABRIRIAM MÃO DE UM CERIMONIAL RELIGIOSO PÚBLICO OU PRIVADO, COM A PRESENÇA DE UM SACERDOTE (OFICIANTE) O QUAL ELES ACREDITAM QUE ESTÁ REVESTIDO DE AUTORIDADE (DE DEUS) PARA ABENÇOAR A VIDA DELES.

    TODO SER HUMANO É ESSENCIALMENTE ESPÍRITO E TEM UM PEQUENO TEMPO (PARTE) CARNAL (NÓS MORAMOS + OU – MENOS 100 ANOS DENTRO DE NOSSO “TABERNÁCULO”, QUE CHAMAMOS DE CORPO – II CORÍNTIOS. 5:1).

    PORTANTO, SOMOS ESSENCIALMENTE ESPÍRITOS E NOSSA NECESSIDADE MAIOR É A ESPIRITUAL.

    NÃO ABRA MÃO DE SEU CERIMONIAL DE CASAMENTO, COM UM OFICIANTE (PADRE, SACERDOTE, PASTOR , ETC) E TESTEMUNHAS: ISSO SERÁ MUITO BOM PARA O SEU ESPÍRITO E PARA A SOCIEDADE.

    PENSE NISSO!

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Pr Renée, quanto a terceiros envolvido para celebrar uma união não vejo mal nenhum nisso.
    Ritos de passagens sempre existiram e certamente sempre existirão, mas como não sendo descrito como mandamento a meu ver, fica também à critério do casal.
    Hoje sabemos que a confirmação de uma união jamais virá por decreto, Um casamento é confirmado dia a dia e há muitos que não se confirmam nunca, se arrastam anos a fio na esperança de não sei o quê.
    Sou contra a busca obsessiva do prazer, se um homem não tem interesse em constituir família então não use mulher alguma para seu bel-prazer prometendo o que jamais cumprirá, também não sou a favor do teste-drive e não pensem que no casamento seja lá como for encontrarão um Paraíso já pronto.
    Minha intenção não é incentivar à prostituição, mas sim tentar explicar que fornicação nada mais é do que o uso irresponsável da sexualidade e que pecado ou sei lá o que mais se aplique não sai com emissão de documentações, esses registros são bons para a parte material e só.
    Ao casal citado não houve relações por que como ainda hoje existe um pouco disso era costume da época sem contar com o pavor que provocava, ai das que na hora H não fossem mais virgem, além de não possuírem quase valor algum a pena capital seria o apedrejamento até a morte, mulheres sim, sempre foram travadas pelo medo que até hoje ainda perdura um pouco, mas e os homens, será se nós homens daquela época esperávamos ou só não era permitido se fosse com quem nos fosse “prometida” “as prometidas” por ser um negócio entre famílias cujo valor era mais comercial tinham que estar intactas, Maria, sim, essa eu tenho certeza, independente de qualquer coisa não fez, mas e José ? e os Josés da vida? nada posso afirmar sobre este(s)
    No mundo antigo os casamentos eram realizados mais por razões econômica do que afetiva, ou seja, amor, paixão, etc, quase zero, não estou dizendo que o amor era completamente inexistente.
    Se José e Maria estivessem hoje no nosso meio como comentou, com o quê eles concordariam? certamente estariam numa confusão tremenda, afinal o que valida um casamento pensariam eles! União estável, formal ou informal, só um registro civil, um sacramento, ou só uma cerimônia ??????

    Por que não cartórios ? Por que não o glamour de cerimônias e festas, nada contra, mas, e por que não aos casais que preferem o silêncio?

    Responder
  • Valdo disse:

    Sérgio Murilo: Se um casal adulto está comprometidos de forma séria um ao outro em uma relação de namoro (compromisso de fidelidade, comunicam a sociedade que são namorados e comprometidos), se gostam, mas reconhecem que precisam conviver um tempo como namorados, e em uma relação séria e comprometida eles tiverem vida sexual como expressão desta relação, seria pecado? eles ainda não se consideram casados pois ainda não assumiram um compromisso de casamento entre eles mas só de namoro, para após este tempo de confirmação se casarem, eles estão em pecado neste modelo?
    Será que não estamos hoje em um momento de transição social, pois o modelo tradicional de namoro está falido? modelo em que casais evangélicos assumem precipitadamente compromisso de casamento só por causa do sexo? será que um casal na fase de um namoro sério não seria algo natural a relação sexual dentro deste contexto?

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Valdo, não vejo como pecado quando se tem responsabilidades de ambas as partes, o fato de muitos não se considerarem casados é proveniente do que nos tem sido imposto pela nossa cultura, papeis assinados, cerimônias e tudo mais. Nenhum modelo está errado contato que um não use o outro como objeto de prazer e como disse haja responsabilidades e consenso, sobre a transição que cita, faz parte do nosso processo evolutivo, no mundo antigo existia namoro, noivado? já pensou se os casamentos ainda fossem gerenciados pelas famílias , quem ainda hoje aceitaria tal controle?
    Existe muito disso, “legalização do sexo” já que sem papel passado é pecado e um montão de invenções neuróticas então vão em algum cartório e legalizam o ato, assim, só por causa de sexo dará certo? não acredito, mas será se o Cristianismo com sua neurose não tem uma parcela de culpa nisso ao taxar qualquer ato de fornicação criando o pânico na cabeça de quem mal lê um evangelho ?
    Existe dentro do Catolicismo muitos teólogos que já assinalam para uma abertura quando se há responsabilidades e intenção de conviverem juntos, mas a ala conservadora ainda não permite, para quem não sabe até dentro do Vaticano também há muitas posições divergentes não só em relação ao sexo mas em outros assuntos também.

    Um abraço e fique com a paz de cristo.

    Responder
  • EZEQUIEL disse:

    O SEXO É BOM MAIS NÃO É PARA TODOS , DEUS DAR PARA OS BONITOS AS MELHORES MULHRES DO MUNDO E NÃO AJUDA O FEIO EM NADA , O BONITO PODE MATAR ,ROUBAR COMETER QUALQUER CRIME NA TERRA E AINDA SIM DEUS VAI DAR UMA MULHER PARA ELE . MAIS O FEIO DEUS O REJEITA ,ESCRAVISA , EXCLUI DA BOA VIDA DE VERDADE E NÃO DAR NEM UMA MULHER PARA ALIVIAR A DOR DA SOLIDÃO , O SEXO PAGO NÃO TEM VALOR NEM PRAZER POIS AS MULHRES OLHA PARA A APARENCIA ATE QUANDO ESTA VENDENDO O SEU PODRE CORPO USADO POR MAIS DE 2000 HOMENS , LAVOU TÁ NOVO E ASSIM VAI , O FEIO NÃO TEM VEZ PARA DEUS QUE OLHA TAMBEM PARA A APARENCIA { O REI DAVI TINHA OLHOS BRILHANTES , CABELOS RUIVOS E DE BOA APARENCIA } E NÃO FOI EU QUE ESCREVI A BIBLIA , DEUS AJUDA SEMPRE OS CARAS BONITOS EM TUDO , PARA O FEIO SÓ RESTA O MUNDO DO CRIME E A CADEIA ISSO É O QUE DEUS DÁ A MUITOS EXCLUIDOS DO MNDO , EU GOSTO DE UMA MULHER E QUERIA TER O AMOR DELA DE VERDADE MAIS DEUS NUNCA VAI ACEITAR QUE EU NAMORE AQUELA MULHER , SABENDO DISSO SO MIM RESTA A PROSTITUIÇÃO O CAMINHO DOS MAIS FEIOS DA TERRA …

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Ezequiel, nunca li tantos absurdos. Você precisa mudar esses pensamentos. Está no caminho errado.

      Responder
    • PR. RENÉE RICARDO disse:

      Esse comentário do Ezequiel, na verdade não é um comentário: é uma zuação, sem graça!

      Responder
      • Sergio Murilo disse:

        Pr Renée, concordo plenamente quanto ao que comentou em relação a Ezequiel.

        Responder
    • Sergio Murilo disse:

      Ezequiel, meu caro, sexo é para todos e Deus não rejeita ninguém, vida boa depende do nível financeiro de cada um.
      Homens nem precisam ser bonitos, lembre se como diziam ” o bom partido” isso nada tinha ou tem a ver com a aparência e sim com o bolso.
      Observe muito jogadores, pagodeiros etc com suas mulheres, é por que eles são bonitos ou tem bala na agulha? não estou inventado nada, há alguns anos saiu no Globo repórter sobre quais os critérios de escolhas para homens e mulheres, aquela reportagem foi super. interessante.
      Conta que no tempo das cavernas a mulher preferia o homem que pegava a maior caça, e hoje o que seria essa caça? nesse mundo quem tem bons recursos provavelmente tem produtos melhores.
      Meu caro, não é bem assim Deus ama a todos, o que conseguimos independente de estética faz parte de nossos esforços e são com o fruto destes que podemos e devemos fazer nossas vida fluir.
      Pra que ser tão negativo se temos Deus em nosso favor.

      Um abraço, e desejo que Cristo não permita que se enverede por caminhos tortuosos.

      Responder
    • Rosemary disse:

      Ola Ezequiel,nao sinto pena de voçè.Uma pessoa que nao tem amor proprio como pode amar uma outra pessoa ?Se voçè quer ganhar o amor de uma mulher vai ter que aprender primeiro a se amar , dar valor a se mesmo.Eu nao vejo que todas as mulheres so olham pro dinheiro ou pela beleza exterior.Quando conheci o meu marido eu me apaixonei,eu nao quis saber se tinha dinheiro ou se tinha divida.Eu me apaixonei e dentro de mim eu sabia que ele era o homen com quem eu iria passar toda a minha vida.Me casei com um individado,mas o amor prevaleceu.Juntos trabalhamos e juntos prosperamos pela graça de DEUS.Estamos casados ja faz 24 anos,e eu te digo uma coisa, o nosso amor è mais presente e mais forte do que voçé poça imaginar.Confia no SENHOR que ele tudo fara,confia em ti,deixe a beleza que esta dentro de voçè ser mais forte e falar mais alto.E pare de querer ser inferior as outras pessoas,começe a ler a Biblia que è apalavra de DEUS . 1Joao capit.4 vers 7 ,8 ..Amados ,amemo-nos uns aos outros ,pois o amor è de DEUS .Quem ama è nascido de DEUS e conhece a DEUS.Aquele que nao ama nao conhece a DEUS ,porque DEUS è amor.Ame primeiramente a sua pessoa.Que JESUS te abençoa

      Responder
    • Joyce Kelly disse:

      Ezequiel é bom você orar a Deus para te libertar deste complexo de inferioridade e peça perdão a Ele, o Senhor não faz acepcão de pessoas!

      Responder
    • Antonielly disse:

      Que loco… desabafo total!
      Que Deus ilumine seus caminhos e que o Espírito Santo de Deus te ajude…

      Responder
  • Edilson santos disse:

    E, Ao terceiro dia, fizeram-se umas bodas em Caná da Galiléia; e estava ali a mãe de Jesus.
    E foi também convidado Jesus e os seus discípulos para as bodas. João 2:1

    Podemos observar que nesse texto que Jesus estava participando de um casamento onde realizou o seu primeiro milagre: a transformação da água em vinho, portanto Jesus estava presente em uma cerimonia de casamento.

    Obedecermos a Bilblia é uma questão de fé em Jesus, o Filho de Deus.

    Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus.
    E a condenação é esta: Que a luz veio ao mundo, e os homens amaram mais as trevas do que a luz, porque as suas obras eram más.
    Porque todo aquele que faz o mal odeia a luz, e não vem para a luz, para que as suas obras não sejam reprovadas.
    Mas quem pratica a verdade vem para a luz, a fim de que as suas obras sejam manifestas, porque são feitas em Deus. João 3:18-21

    As pessoas arrumam desculpas para justificarem suas fraquezas e pecados.

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Edilson, em qualquer união entre homem e mulher esse com certeza não deve faltar.
    Quando resolvi, não tinha ninguém e ao mesmo tempo tinha tudo por que ele estava presente,não precisei de desculpas para fazer o que fiz, foi no silêncio, em consenso, assim escolhemos e hoje já de papeis assinado não me sinto mais ou menos casados, assinaturas e cerimônias jamais me tirariam do “pecado”
    Nem todos tem essa responsabilidade, se relacionam e depois praticam o absurdo abandonando quem lhe deu tanta confiança, a intenção era só sexo e nada mais.
    Obedecer a Bíblia é uma questão de fé, concordo, mas lembre se que a fé também surge de variadas interpretações daquilo que se lê e ouve.

    Responder
  • Dr. Neilon disse:

    Olá sergio!
    Eu estava estudando sobre esse assunto muito polêmico, no meio evangélico principalmente. Segundo a tradição Antigamente, o sexo é sim o casamento, por que está tendo uma união carnal, pois antigamente o casamento não era feito em uma sinagoga ou em cartório, o casamento era feito com apresença dos pais e amigos para celebrarem… Pois casamento em cartório civil, surgiu na Europa e chegou no Brasil no ano de 1890, pois casamento no cartório não é biblico. Mas quando tem relação sexual com homem e a mulher, já esta acontecendo o casamento ( União carnal ). Gênesis: 2, 24 e 1° Coríntios: 6, 16.
    A paz do Senhor

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Dr Neilon, no mundo antigo os códigos Mesopotâmicos exigiam a formalização do casamento mediante um contrato escrito , só podia desposar uma jovem depois da formalização do contrato , tanto as leis de Eshunna quanto o código de Hamurabi exigiam tal documento, segundo o código de Hamurabi enquanto um homem livre não redigisse tal contrato nupcial a mulher não era esposa, segundo esses legisladores o que constituía um casamento era um contrato escrito e não o sexo, o mesmo serviria só para a consumação daquilo que já era de direito.
    Partindo do que comentou vamos supor que você ou outro homem qualquer seja impotente sexual ou tenha algo que o impeça mas queira casar ,a mulher tem esse conhecimento e deseja mesmo assim, se pra você sexo é o que constitui um casamento então …….
    Pra quem não sabe a Igreja Católica não casa quem tem impedimentos sexual e a mulher pode pedir sua dissolução no tribunal eclesiástico, a Igreja Católica me parece ter resquícios do paganismo em relação também a consumação do casamento,
    Meu caro, no mundo antigo casamento também era um acordo entre famílias e antes que selassem esse acordo não podia ter sexo , se sexo no mundo antigo como comentou constituísse um casamento então os dois poderiam resolver sozinhos sem contratos e/ ou acordo familiares.

    O texto abaixo é parte de um artigo de internet.

    Deus considera um casal como casados no momento que o casamento é consumado (relação sexual).
    Alguns argumentam que se um homem e uma mulher têm sexo, então Deus os considera casados. Tal ponto de vista não é bíblico. A base para esse argumento é o fato de que relação sexual entre um marido e sua esposa é a suprema concretização do princípio de “uma carne” (Gênesis 2:24; Mateus 19:5; Efésios 5:31). Neste sentido, relação sexual é o “selo” final no contrato de casamento. No entanto, se um casal é legalmente e cerimonialmente casado, mas por algum motivo não pode praticar relações sexuais, isso não significa que não são considerados casados.

    Não é bíblico declarar como casados um casal que teve relações sexuais mas que não observou nenhum outro aspecto do contrato de casamento. Passagens como 1 Coríntios 7:2 indica que sexo antes do casamento é imoralidade. Se relação sexual leva um casal a tornar-se casado, não poderia ser considerado imoral, já que o casal seria considerado casado no momento que praticou relação sexual. Não há nenhum sustento bíblico de que quando um casal solteiro tem sexo, eles podem se declarar casados e, portanto, declarar relações sexuais futuras como sendo morais e que honram a Deus.

    Então, o que constitui casamento aos olhos de Deus? Aparenta ser o caso que certos princípios devem ser seguidos. (1) Contanto que os requisitos sejam razoáveis e não vão contra a Bíblia, um casal deve procurar ter qualquer forma de reconhecimento formal do governo que é disponível. (2) Um casal deve seguir quaisquer práticas culturais e familiares que são utilizadas para reconhecer um casal como “oficialmente casados”. (3) Se possível, um casal deve consumar o casamento ao realizar o aspecto físico do princípio de “uma carne”.

    E o que acontece quando um ou mais desses princípios não são realizados? O casal ainda é considerado casado aos olhos de Deus? No fim das contas, isso é entre Deus e o casal. Deus conhece nossos corações (1 João 3:20). Deus conhece a diferença entre um contrato de casamento verdadeiro e uma tentativa de explicar e justificar imoralidade.

    Se desejar estudar um pouco mais aconselho dois bons livros:
    A família no antigo testamento. De Esdra Costa Bentho.
    Instituições de Israel no antigo testamento. De R.De Vaux

    Um abraço e a paz de Cristo esteja em nossos corações.

    Responder
  • fernando colaco disse:

    por que absurdo andre?, o que é casamento para você?, é a assinatura de um papel…quer dizer que quem nao for a um cartorio estara sempre em ato de fornicação, nossa lei ja determina sobre a uniao estavel por tempo de relacionamento, e bibliacamente falando a relação sexual e quem faz os dois serem uma so carne….dai o por que tambem homens crentes em Jesus não devem ter relação sexual com prostitutas pois trazem ela para o corpo…e aqui não um lugar de criticas pessoaias e sim de discuções sobre alguns assuntos…esses entao tao polemico….ninguem aqui e melhor do que ninguem para julgarmos uns aos outros ou mais sabios…

    Responder
    • Sergio Murilo disse:

      Fernando, só uma correção, a união estável não determina tempo algum.

      Responder
  • rosa disse:

    Devemos respeitar a biblia considerando nossos tempo … vivemos hje e hoje os casamentos são assimmm!! De acordo com o que ja sabemos Cartorio, benção .. Então qdo falamos em casamento nos tempos remotos e casamentos hoje por favor consideremos a História , as mudanças e de igual modo entendamos que a Biblia continua falando da mesma coisa.. apenas em tempos diferente e ja que tempo diferente a forma tb não é a mesma… As coisas mudam mas continuam igual.. mas dizer que não precisa fazer isso pq no casamento antes não tinha isso ou aquilo.. ora veja bem.. Consideramos a evolução, porém entendamos que a Palavra de Deus é a mesma. Consegue dentro da evolução colocar a mesma Palavra ? Na verdade é simples mas as pessoas querem ficar confortavéis dentro de suas situações.. Porém se estamos discutindo dentro da Biblia.. Atentamos para a Palavra e colocamos a em pratica dentro do nosso tempo!

    Responder
    • Sergio Murilo disse:

      Rosa, nos tempos bíblicos os casamento eram um acordo entre família, quem aceita mais isso hoje?
      A exigência da virgindade só para a mulher para o casamento, se a jovem não mais fosse a mesma deveria ser apedrejada até a morte, há alguma que concorde com isso hoje em dia?

      Responder
  • maria betania disse:

    Ficam comentando, jogando palavras vãs, realmente sabemos o que Deus deseja de cada um.A sociedade ela não impõem o que realmente impõem é o seu desejo com a pessoa que está se relacionando . Isto quer dizer que você dará conta de tudo o que faz.” Tudo o que é puro, tudo que é de boa fama nisto pensai”

    Responder
  • Joao sousa disse:

    A minha opiniao é q nao podemos colocar culpa do sexo fora do casamento em nossas condicoes financeiras, acredito q isso mesmo é falta de informacao conhecimento de Deus. Quando vc nao tem DEUS no coracao essas coisas parecem normais. Nao podemos nos acostumar com esse mundo de hoje temos q seguir sempre as leis de Deus.
    Tem muita gente sem nocao que fala antigamente era assim agora o mundo mudou , é realmente o mundo mudou mais para pior mais a palavra de Deus é uma só e nao muda, se vc for acompanhar o mundo vc ta perdido vc tem q seguir é Jesus pois ele tem a resposta pra todas as suas perguntas é so ler a Biblia e primeiramente cre em DEUS e q ele é seu SENHOR e SALVADOR.

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Joyce Kelly, eu já respondi, é só acompanhar o debate.

    Um abraço.

    Responder
  • Joyce Kelly disse:

    Isto tem sido o mal do século: o sexo banalizado, sem compromisso e sem estar no centro da vontade de Deus. Em tudo peço discernimento ao meu Senhor e para glória dEle tem me dado orientação, direção. Eu sou noiva me casarei daqui 6 meses, e o que mais importa para mim e o meu noivo é a pureza, santidade, tentamos sempre fugir daquilo que não é agradavel a Deus, Não tenho coragem de abrir mão de uma vida com um testemunho bom que agrada a Deus e por meio dele eu ganhe almas para Jesus e tenha autoridade para falar. Mais aos casais que não conseguiram vencer, ficar sem o sexo, não podem ser nosso alvo de julgamentos, só o Senhor é Juíz! se não conseguem ficar sem casem-se rapidamente, Não tem condições agora de se casar, você homem tome postura de marido e você mulher tome postura de esposa, se decidiram transar, também decidam ser mulher e marido. Sem compromisso não dá para viver.

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Joyce Kelly, realmente o sexo está banalizado e com isso eu não concordo.
    Alguns que estão noivos e acham que devem esperar não há problema algum, o que não devemos é tentar padronizar os outros de acordo com o que achamos sem fundamento.
    Um outro erro é querer associar virgindade “sexo” com pureza e/ou santidade,há tantas coisas que não é agradável a Deus, já presenciei tantos absurdos, e elas eram virgens.
    Sem compromisso, não é por aí, mas lembrem de uma coisa, quem sabe o que está no coração dos dois? como citam , só o Senhor é o juiz, sabe o por quê ? porque só ele conhece as intenções de cada casal.
    Compromissos surgem primeiro nos corações, há tantos papeis assinados mas depois ninguém liga mais pra ninguém pensando que “casamento” é só por um dia.

    Um abraço e façam todos aqueles que combinaram assim, mas, isso não quer dizer que serão mais santos e/ou puros que os demais.

    Responder
  • Neide gomes disse:

    Olá pessoal gostaria que alguém me tirasse uma dúvida em relação à essa passagem da Bíblia “João 4:16-18″ que fala da conversa de Jesus com a mulher samaritana. Porque Jesus não considerou como seu marido o fato dela apenas viver com um homem?

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Neide, onde está escrito que a mulher simplesmente só convivia com o último (Sexto) para que Jesus tivesse dito aquilo?
    Claro que existia outras razões para que o último não fosse considerado marido.
    Já ouvi alguns Pastores dizerem que só se casa uma vez, então como explicar esses cinco maridos que Cristo fala ? percebeu como cada um inventa uma coisa ?

    Fique com a paz.

    Responder
  • Antonielly disse:

    Tá! Tantas questões e ainda tenho dúvida… Desculpem!

    Então sexo antes do casamento é ou não pecado?

    Ex.: eu e meu namorado estamos a bastante tempo juntos, somos da igreja Batista e eu tenho minhas dúvidas em relação a isto, no fundo acho que não é pecado!!! Não tivemos relações ainda, justo por isso!

    Penso que há tantas religiões e cada uma defendendo um ponto de vista, interpretando de sua forma à bíblia, levados por tradições que às vezes não tem nada haver com a verdade dita, que se desobedecermos essas “regras” acaba de tornando pecado em nossas mentes, que no fundo e na realidade não é pecado!

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Antonielly, penso que está bastante claro no artigo o que a Bíblia diz. Você deve escolher se vai seguir o que a Bíblia diz ou se vai buscar algo que se enquadre naquilo que deseja o seu coração. É bem simples.

      Responder
      • Antonielly disse:

        O nosso Deus não é um Deus de confusão!
        Se meu coração diz: talvez; já não é coisa pra continuar levando. Sim…sim… ou não… não….
        Há tempo pra tudo, acho melhor esperarmos pra depois do casamento! ^_^

        Responder
        • Sergio Murilo disse:

          Antonielly, você está certa, se acham que devem esperar não há nada de errado nisso, mas para aqueles que se autorizam também não está errado, não adianta se relacionarem sexualmente para depois terem culpas “inventadas” por nós mesmo.
          Lembre-se, não há compatibilidade entre o que nos é imposto pela natureza e o que é inventado por muitas Religiões e seus segmentos.
          Nosso Deus realmente não é de confusão, essas tais são criadas por nós especuladas através de interpretações o que se supõe o que nosso Deus deseja e daí gera todas as divergências no nosso meio.
          Gente, sexo não é tudo dentro de um “casamento” muitas usam toda sua força lutando contra a própria natureza para se manterem virgens, só que depois não usam essa mesma força para que a relação seja continuada.
          Muitas só querem um dia de Princesa também inventada por nós, aquilo não é casamento, é só uma cerimônia, casamento é outra coisa.
          Há tempo para tudo, concordo, mas observe que nossos desejos surgem bem antes de termos maturidade suficiente para a vida a dois, o tempo da natureza é diferente do tempo “sexual” que nos é imposto,também podemos fazer o nosso tempo , um dia resolvi construir uma casa e assim fiz.
          Sexo nunca será pecado quando se tem compromissos de um para com o outro.
          Sexo jamais será pecado quando você não faz do outro seu objeto só de prazer.
          Fornicação, prostituição etc é outra história.

          A paz de Cristo.

          Responder
    • Sergio Murilo disse:

      Antonielly, sei que é difícil para que as pessoas entendam que não há pecado em muitas situações, para chegar a essa conclusão foram anos de estudos e provavelmente não seria em só dizer que não é pecado que muitos iriam acreditar ,seria bom que se dedicassem aos estudos assim como eu fiz.
      Quanto a sua segunda parte, como você é observadora, que bom isso! veja que cada segmento tem suas interpretações como você mesma cita.
      Sensacional mesmo sua visão, cada religião e suas divisões impondo cada uma suas regras e se nós não a cumprirmos ………
      Gente, em vez de ficarem postando idiotices no Face ou no WhatstApp o dia todo por que não estudam?

      .

      Responder
    • Sergio Murilo disse:

      Karina

      Seria bom dentro do debate para todos, mas se tiver algo que não esteja à vontade aqui, estarei sempre à sua disposição.
      .
      já enviei meu e-mail.

      Fique com a paz.

      Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Rafael C, continue refletindo, é por aí, se puder e precisar estudar sobre o assunto será bem melhor, terá amplos conhecimentos.

    A Paz de Cristo

    Responder
  • Paulo Lima disse:

    Concordo com André e discordo de Sérgio. O que levaria uma pessoa a ficar defendendo ferrenhamente a fornicação (sexo antes do casamento)? Cuidado com os crentes libertinos, mas basta observar a palavra de Deus, para vermos que o nível de Santidade exigido é bem grande e temos que vigiar muito, pois o pecado jaz a porta, e ao céu não vai entrar qualquer um assim não, só entram os lavados e os que têm comunhão com o Pai, portanto vigiem. Queria muito saber o que o Sr. Sérgio tem a dizer sobre os milhões de mães solteiras a cada ano só no Brasil, todas elas fizeram sexo pois se amavam também e tinham a certeza do tal compromisso, mas logo depois que foram devidamente “comidas”, levaram um belo pé na bunda e agora, o que será dessas crianças, ou será que agora vão defender o aborto também. Se sexo é casamento, então alguém me diga aí quantos “maridos” têm as prostitutas? Todos que defendem esse tipo de fornicação é porque fizeram o mesmo ou pretendem fazer. Não vejo ninguém que realmente tenha compromisso com a palavra de Deus defendendo esse pecado. Ao invés de se arrependerem, ficam tentando arranjar desculpas e justificativas para o seu pecado e tomam por base sua própria experiência, oras, mas só porque deu tudo certo pra vc, não significa que vá dar certo para todos, pelo contrário, a maioria dos que se entregam antes do casamento, acabam decepcionadas ou até sozinhas, sem contar que se continuam assim, por qualquer motivo a pessoa logo pensa em se separar, já que não houve a legalização em cartório, nem muito menos na igreja perante Deus.
    Numa sociedade extremamente cerimonialista como a judaica, onde pra tudo havia cerimônias, até para menstruações ou colheitas, onde até Jacó quando sonhou um sonho no deserto, fez lá sua cerimônia sozinho, ungindo a pedra no deserto, é mais do que óbvio que SEMPRE existiu pelo menos a cerimônia religiosa no casamento e antes disso os noivos não faziam sexo de jeito nenhum, mas apenas na noite de núpcias, e isso acontece até hoje no meio judaico. É claro que a bíblia não entra em detalhes, ela apenas menciona que Jesus realizou seu 1º milagre num casamento, mas está subtendido que houve sim a cerimônia judaica religiosa ou no mesmo dia ou alguns dias antes, que era o padrão da época e de sempre. Seria a mesma coisa que defender a maconha, só porque não há nada escrito na bíblia a respeito. Portanto parem de ficar procurando brechas na bíblia pra justificar seus próprios pecados cometidos no passado ou em andamento.
    E pra quem diz que é fácil falar: Queridão, tenho 45 anos, homem e sou virgem ainda, até hoje aguardo pela minha prometida, com muita fé que a receberei em breve nos braços, depois faço questão de ter um namoro santo com ela (sem muita pegação), pretendo namorar pelo menos um ano ainda e apenas na noite de núpcias farei meu tão sonhado sexo pela 1ª vez e aí sim, vou recuperar todo esse tempo hahaha. Não tá nada fácil esperar a vida toda não, já vislumbrando a reta final da vida, mas sei muito bem em quem tenho Crido!
    E pra finalizar a bíblia diz que: “tudo que ligares na Terra será ligado no céu”, portanto eu prefiro muito mais obedecer a palavra de Deus do que dar ouvidos aos devaneios de homens falhos que preferem o caminho fácil da justificação dos seus erros ao invés de reconhecer o pecado e se converter.

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Paulo Lima, Nunca defendi a fornicação, só penso diferente sobre tal palavra baseado também na bíblia,
    Sobre mães solteiras: existe também mulheres que se casaram com a maior pompa possível e aconteceu o mesmo.
    A única coisa certa que temos nesse mundo é nosso Deus salvador e a morte, documentos assinado e Igrejas não garante afetividade e duração alguma.
    Muitas que se relacionaram só depois do que você acha o que constitui um casamento também acabaram frustradas.
    Muitas que foram casadas e ” comidas” como cita também levaram pé na “bunda”, conheço muitos casos assim e dentro da própria Igreja, pense: um Pastor abandona sua esposa por uma que trabalhava em sua casa, isso é só um dos muitos casos que eu presenciei.
    Nunca defendi o aborto e nunca disse que sexo é o que constitui um casamento.
    O que deu certo pra mim, claro , não poderá dar certo pra outros, como também o inverso é verdadeiro.
    Nunca disse que no mundo antigo não existia ritos de passagem.
    Não existe como provar que antes de uma cerimônia não existia sexo, mas acredito que na maioria dos casos só depois dos acordos familiares senão. . . . apedrejamento para a época era a pena capital, está na Bíblia.
    Também é verdadeiro que depois de cartório e tudo o mais haja arrependimento, “pessoa errada” só vamos saber quem é quem depois de juntos.
    Separações nada tem a ver com a não formalização, é só ver o senso do IBGE sobre casamentos.
    Santidade-versus/sexo/documentos, que horror achar que um casal Cristão não são puros só por faltas de assinaturas ou cerimônias, se pra você casamento só pode ser assim, que mal há nisso ? só não podemos taxar de fornicadores casais que optaram ao contrário, quem somos nós pra julgarmos o íntimo de um casal onde só Deus tem esse poder
    Claro que casamento é Divino, mas a sua maneira de validá-lo é projeto nosso, o que temos hoje nada mais é do que um processo evolutivo da espécie humana, regras e normas surgem com tradições através de consenso racional, mas quem faz as tradições, etc ? nós mesmo e depois que burlamos o que criamos nos sentimos culpados.
    Tradições mudam, de tempo e de lugar, mas só Deus é eterno.
    Caminho fácil? quem quiser que pense que casamento é só sexo! reconhecer o pecado e se converter? só por que não escolheu da forma que nos é imposta?
    Se alguém sente mais santo só por que escolheu de outro jeito, que absurdo!
    Claro que cartório é bom, mas só para a parte material e só.
    Claro que os cerimoniais e as festas são belos, particularmente adoro festas.
    Irmão, aos 45 sem ter uma esposa ainda, ou você é muito feio ou está de braços cruzados esperando que tudo caia de mãos beijadas do céu, lembre-se, nem tudo é como pensamos, não tá esperando ainda que a mulherada caia em seus braços e faça sua escolha Ta?
    Deus não nos criou como robôs.

    A paz de Cristo.

    Responder
    • Rogerio Lázaro disse:

      Sergio Murilo, sua visão e abordagem são profundas demais para a mente rasa religiosa!
      KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

      Responder
      • Sergio Murilo disse:

        Rogério Lázaro, o livro que me falou “Eunucos pelo reino de Deus” com o “subtítulo Mulheres sexualidade e a Igreja Católica” sai muito na estante virtual sempre que vou dar uma olhada são caros e mesmo assim são vendidos, agora mesmo só tem em inglês e Espanhol.
        Eu tinha dois, doei um e a pessoa que dei nem mais se interessou por nada, foi só fogo de palha.
        Sei que é cansativo e estressante estudar, mas não há outro jeito.
        É um dos livros que mostra com detalhes sobre a neurose que se instalou em nosso meio.
        Esse livro dá prazer de ler do começo ao fim, é sensacional.
        A autora e teóloga Uta Ranke Heinemann foi excomungada por revelar o que não devia.

        Um abraço e a paz.

        Responder
  • Paulo disse:

    Hahaha, acho que não pode ter certeza se sou feio assim, já que nunca verá minha foto, já eu estou vendo a sua… É só observarmos que sempre tem alguém pior que a gente né! Mantive minha aparência jovem, 1,79 76 Kg, e não tenho do que reclamar, confio no meu taco viu kkk. Vc se contradiz pelo menos 2 vezes, 1º fica defendendo quem fornica com namorado, e diz não precisar de papéis nem cerimônias, mas não perdeu sua chance de também correr assinar os papéis no cartório né, por vias das dúvidas, sei. Que ótimo isso. 2ª na sua resposta ao Dr. Neilon acima vc respondeu certinho, mesmo se contradizendo em tudo que defendeu até aqui e chega até mesmo a reconhecer que: “Passagens como 1 Coríntios 7:2 indica que sexo antes do casamento é imoralidade” nas suas próprias palavras. Parabéns, isto já prova que vc sabe muito bem que é Imoralidade sim, mas como deu tudo certo pra vc, então vamos que vamos né. Aí que mora o perigo irmão, pois agindo assim, está defendendo o pecado, pra vc deu certo, mas para os milhões de adolescentes e mães solteiras a cada ano que pensam da mesma forma, na ânsia de mudar de vida, mas vão quebrar a cara logo mais quando recebem um belo pé na bunda sim, achou grosseiro né? (mas é fato, não estou inventando).
    Hoje em dia o sexo está supervalorizado, mas nos tempos bíblicos não era assim, por isso era muito mais fácil os noivos só fazerem sexo depois de devidamente casados sim, com cerimônia e talvez festa (vc também sabe muito bem disso, quando cita desde os tempos babilônicos). Oras se até Moisés mandou que se dessem cartas de divórcio, está claro que haviam também cartas de casamento desde sempre, isto é tão claro e compreensivo que não tinha necessidade de ficar registrado algo tão banal.
    O problema é que hoje muitos que se dizem cristãos não se aguentam e acabam passando por cima da Santificação, não porque elas decidem isso, mas elas caem pois querem namorar ao modo mundano, com beijos ardentes, carícias, passadas de mão ali e acolá, aí vão acabar caindo mesmo. Não querem obedecer, acham que é careta ter um namoro santo. Tenho certeza que profetas e apóstolo nenhum da bíblia defenderia esse tipo de pecado, vc sabe muito bem disso, mais do que nunca o que Deus deseja hoje é Santificação, vida separada do pecado. Com certeza, que eu não perderei minha salvação por pensar e me esforçar em viver uma vida de Santidade, agora, o que será se Jesus vier numa hora dessas, com a namorada transando com namorado, depois por qualquer motivo não dá certo, larga, experimenta outro, e outro, a bíblia chama isso de fornicação, é muito fácil viver assim, fazer tudo que se faz no mundo, agora vida de Santificação, oração constante, pagar o preço, isso ninguém quer né! Quem fica induzindo as pessoas ao engano também terá que responder diante Deus, “Não porás pedra de tropeço diante do cego” Eu prefiro obedecer a bíblia, pagar o preço da Santificação, e ensinar as pessoas no caminho certo, não por caminhos tortuosos ou duvidosos. Mas que bom quando temos um Pai que supre nossas necessidades, pode pensar o que quiser, se até o diabo fica dizendo isto mesmo, que não vai dar tempo, que dei muita bobeira, etc, Aha eu me divirto, mas quando a gente tem fé, nada consegue nos abalar, a gente descansa e espera com fé, quando chegar a hora vai acontecer. Um dia eu volto aqui ainda feliz pra testemunhar :D

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Paulo lima, mesmo se eu ver sua foto não terei conhecimento quanto a sua estética, mulheres, não é questão de machismo, eu não sei reconhecer quando um homem é bonito, não há esse dispositivo de avaliação em mim.
    Para os que ainda não sabem ou não acompanha todo o debate sou casado civilmente, me parece que eu citei isso em um comentário anterior, quando fui a procura de um cartório não foi por causa de pecado.
    Não defendo quem fornica, só penso diferente.
    Se acha que deve seguir o que pensa o que é um casamento bíblico, saiba que na cultura Hebraica os mesmos eram por escolha familiar, casamento no mundo antigo era bem diferente dos de hoje, ai das mulheres! mas se você ainda está esperando que seus pais façam essa escolha, fique a vontade.
    O registro civil no Brasil começa em 24/01/1891, para quem pensa que sem um contrato assinado está em pecado, eu pergunto: onde nós iriamos nos registrar antes dessa data já que só a Igreja Católica fazia isso ?
    Se retrocedermos mais ainda vamos sim encontrar contratos, mas não como mandamentos.
    Agora amados de Deus, o que custa se já convivem juntos assinarem um contrato, só que pra mim isso não deleta erro algum.
    O Cristianismo sacralizou o sexo, por isso essa neurose toda, mas Deus não criou só sexo, criou também frutas, legumes, verduras etc, etc
    Tenho quase 1.90m e peso mais ou menos 79kg, agora cá pra nós , a mulherada tá lá preocupada com estatura ou beleza de homem, tá ?
    Namoro santo! Ah! meus irmãos em Cristo, nos bastidores da vida tem coisas bem piores que ninguém se importa, já presenciei absurdos, mas os namoros eram santos, os intocáveis e virgens eram santos!
    Meu caro, não acredito que um homem aos 45 sem nada não viva em chamas,abrasado e atormentado, ou então você se enquadra nos dados da OMS onde tem um taxa bem pouquíssima de seres humanos que se interessa quase nada por sexo, ou seja tanto faz como tanto fez.
    Meu caro,você seria um perfeito Padre, Celibatário e casto
    Eu mesmo antes de conhecer minha esposa eram poluções por cima de poluções noturnas, coitado de mim! não há erro ortográfico, não é poluição, aí já é outro significado.

    A paz a todos e participem mesmo sendo contra sobre o que penso, debate é assim mesmo.

    Responder
  • Paulo disse:

    O fato é que alguns cristãos que fizeram sexo antes do casamento e se deram bem, vindo a se casar e continuam juntos, têm essa tendência de ficar de justificando e defendendo fornicação entre os jovens, pondo pedra de tropeço, mas vcs já não sabem o que dizer para os milhões de mães solteiras, adolescentes grávidas a cada ano que pensavam da mesma maneira (só que pra elas não deu nada certo). O sexo é o presente que Deus dá apenas na noite de núpcias, e Ele não aprecia quem fica abrindo o presente antes da hora, os que querem provar da fruta antes da hora, pois não conseguem esperar. Se é pra viver dessa maneira seria fácil demais, conheço uma garota hoje, daqui a 2 meses, deu tudo certo no namoro, vamos logo pra cama então, já que vamos nos casar mesmo né, porque esperar mais? Do mesmo jeito que se faz no mundo, Daí não dá certo, experimenta outra e outra. É um tipo de evangelismo da libertinagem, crentes carnais que preferem satisfazer suas concupiscências e ainda tentam usar a palavra de Deus pra se justificar. Se Moisés manda dar cartas de divórcio, é claro que sempre houve cartas de casamento e Jesus vivia em casamentos, claro que com cerimônia e com papéis assinados SIM! Eu acredito que o mais importante é se casar diante de Deus, na Igreja, ou nem que seja na presença do pastor e 2 testemunhas, isso é o principal, acredito que era assim que os cristãos se casavam sem aval de ICAR nenhuma. No mundo antigo havia um dia determinado para o casamento e antes disso, os jovens não faziam sexo, mas apenas depois desse dia, não era como hoje que parece que se não transarem logo vão morrer. Deus não aprova de jeito nenhum esse tipo de libertinagem, se deu certo pra alguns de vcs, amém, só que muitos acabam se dando muito mal nessa brincadeira. Vc disse que eu sou feio sem me conhecer, e não tem nada haver isso, têm tantos feios casados com mulheres lindas, não me casei por outros motivos combinados, e acabei dando bobeira mesmo, mas o importante eu não perdi, que é a fé, esse dia ainda vai chegar. Não adianta eu explicar, vc não vai entender, e também minha mãe e pai já morreram há décadas. Vc mesmo reconhece que isso é um pecado quando cita 1 Cor. 7:2, porém fica dizendo para os jovens que pecaram que não precisam pedir perdão por nada, então cadê a verdade…? Eu acredito que Deus deseja que esperemos sim, e só “provarmos da fruta (reciprocamente)” na noite de núpcias. Até o dia do casamento qualquer das partes pode desistir sem problemas, é pra isso que serve o namoro, mas se alguém cair, que se arrependa depressa e não fique procurando justificativas. Estou terminando minha 5ª leitura da bíblia completa, não dá pra dizer que esse tipo de coisa passe de jeito nenhum pelos padrões bíblicos de santificação, o NT têm muitos textos nos mandando fugir da imoralidade, mas cada um será julgado por suas obras e feitos não é mesmo? A paz também a todos.

    Responder
    • Neide gomes disse:

      nso como vc, gostaria de contar meu testemunho porque sinto Deus me pedir que eu compartilhe minhas experiências com Ele, para que alguns vejam que qd Deus está no meio tudo é possível basta a gente ouvir a voz Dele e querer respeitar. É claro que não vou ser hipócrita de dizer que todos devem fazer, mas aqueles que sentirem seus corações tocados e poderem (porque nem todos podem por várias razões) seguir meu exemplo façam porque eu não me arrependo e eu me sinto bem diante de Deus.
      Quando eu conheci Jesus eu morava com meu namorado à 6 meses como já tinha feito antes pra mim era normal conhecer e em seguida morar junto mesmo tendo me dado mal em todas as vezes, eu me relacionava com esse último que pra piorar é casado diante da lei e era tudo normal até Jesus entrar na história.
      Eu aceitei primeiro por ser brasileira temos a crença em Deus, já meu namorado é francês eles são bem conhecidos pela fama de ateu, ele não era diferente e foi difícil pra mim expressar um amor que eu tinha acabado de conhecer diante de alguém pensava que eu estava louca acreditando no invisível e o que Deus me pedia era “fala das tuas experiências comigo” e eu falei hj meu namorado é convertido pra glória do Senhor.
      Bom aí começaram nossas lutas, queríamos nos batizar, mas veio a questão da relação estávamos tendo relações sem sermos casados e vivendo em adultério, mas o pior é que quando Deus nos mostrou porque (foi Deus não foi igreja nem pastor) a nossa maneira errada de viver isso nos tocou bastante e já não conseguíamos mais ter relações um com o outro. Um dia o Senhor me mostrou essa passagem que me tocou muito,
      1 Coríntios 6:19
      Será que vocês não sabem que o corpo de vocês é o templo do Espírito Santo, que vive em vocês e lhes foi dado por Deus? Vocês não pertencem a vocês mesmos, mas a Deus,
      Nós chegamos em um ponto que não dava mais, nos sentíamos sujos depois do ato só que eu não sabia que ele estava assim e nem ele sabia de mim, por isso utilizo o “nós” por incrível que pareça sentíamos a mesma coisa desde o mesmo momento, por isso aconselho converse com seu parceiro pergunte como ele ou ela se sente porque se eu tivesse tido esse diálogo não teria passado tanto tempo fazendo algo que me encomodava. Foi aí que conversamos com o pastor ele nos aconselhou em vivermos separados mesmo vivendo sobre o mesmo teto até sair o divórcio e podermos nos casar, isso já vai fazer 1 ano e 4 meses que vivemos assim eu tenho meu quarto e ele o dele fazemos de tudo pra não criarmos situações que vão despertar em nós desejos e estou sendo bem sincera em falar isso estamos bem melhor assim, as vezes conversamos e comentamos e se essa situação ficar assim pra sempre porque gente parece que tá tudo travado o divórcio não sai muita complicação, aí falamos um pro outro é por Jesus por Ele, Ele vale a pena qualquer esforço, não é fácil mesmo porque meu sonho é ser mãe, mas é mais forte do que nossos desejos carnais, hj vivemos para a obra de Deus e se contínuassemos como antes tenho certeza que não faríamos o que fazemos hj e Deus peenche os espaços Ele nos dar força, nos ajuda até com nossos pensamentos é inacreditável é obra de Deus. O que me deixa muito triste as vezes é a falta de respeito das pessoas muitos me criticam, outros não acreditam, outros falam que eu estou perdendo meu tempo ao invés de aproveitar a vida dentre eles estão cristãos. Mas, pra mim a opinião dos outros não importa é a minha relação íntima com Deus que vale, Ele transformou meu namorado e me deu de presente essa vida linda que eu tenho, eu não iria jogar fora um presente de Deus. Repito o que já disse não estou falando isso para constranger ninguém, minha intenção é passar pra vcs que se vc pode vale a pena, porque Deus merece todo o nosso respeito diante Dele. Bgd pelo espaço e atenção.

      Responder
      • Sergio Murilo disse:

        Neide, se a sua consciência te acusa é melhor esperar, nem sempre quando falamos consciência desejamos indicar Deus.
        Nossa cultura nos impõe coisas que reconheço é difícil fugir e eu tento explicar.
        Ainda bem que seu segmento não é daqueles que mesmo assim vocês continuam em pecado por que já fizeram sem um contrato, aí sua cabeça ferveria muito mais, falo assim por que tenho um pouco de conhecimento sobre o assunto e o que pensam.
        Pra quem não sabe há quem diga que mesmo depois com um contrato o pecado continua, ou seja não sai nunca, incrível né? tem de tudo no nosso meio religioso.
        Espero em Deus que agora acerte, a vida é assim mesmo, aprendemos com erros.

        A paz de Cristo.

        Responder
      • Paulo disse:

        Pois é Neide! Parabéns, vc entendeu direitinho, não tem como não entender né, o Espírito Santo logo incomoda, basta ler um pouco de bíblia que a gente entende claramente o que Deus deseja de nós, mas infelizmente muitos que hoje dizem Senhor, Senhor, naquele grande dia vão ter a terrível decepção de ficar de fora e vão ouvir de Jesus: Apartai-vos de mim, pois não vos conheço… Quem entende e guarda a palavra de Deus, ama ao Senhor, procura obedecer e viver uma vida de Santidade, mas muitos hoje em dia querem a bênção de Deus, mas não querem obedecer o Deus da bênção, preferem viver inventando desculpas e viver segundo suas próprias teorias e do jeito que lhes parece mais confortável. Eu procuro obedecer, não sou perfeito, mas já passei dos 40, sou virgem ainda, mas tenho muita fé que ainda vou encontrar minha esposam, serei muito feliz e vou esperar até a noite de núpcias sim! Fé é assim, não tem como explicar, fé a gente vive. Abs.

        Responder
        • Neide gomes disse:

          Bgd Paulo, infelizmente nem todos pensão como vc, mas eu sei o que passei o quanto me sentia mal e não foi igreja nem ninguém que me falou sobre esse assunto pra falar a verdade até hoje ainda não vi nenhuma pregação na igreja que eu vou, sobre esse assunto, o mais admirável é que meu noivo era incrédulo não queria nem saber de Deus e de repente logo após minha conversão ele aceita Jesus duas semanas depois ele me fala em separação e aceita como se fosse normal e tem gente que fala que isso não vem de Deus que são coisas que colocaram na nossa cabeça.
          Eu entendo e respeito tua opinião Paulo eu tenho uma irmã que já tem 37 anos e ainda é virgem, e não é feia não rsrsrsrsrsrsr, mas ela sofre muito por essa decisão porque nem todos entendem, ela serve a Deus desde criança e não quer se entregar a qualquer um. Eu conheço tantos assim, tenha fé meu irmão o que é teu tá guardado e vale a pena esperar no tempo de Deus continue fiel ao Senhor que sua recompensa será grande. Fica com a paz de Cristo.

          Responder
          • Sergio Murilo disse:

            Neide, não há mais necessidade de tanta pregação, culturas são passadas de geração para geração, o tabu já foi instalado e assim ficou impregnado nas mentes principalmente das mulheres, isso foi potencializado quando a Igreja Católica entra em cena, não precisa mais de um líder religioso falar e falar, temos que nos lembrar que nossa civilização é Judaico/Cristã e esses foram terríveis em relação ao sexo.
            Conheço mulheres que não pertencem a nada e mesmo assim a problemática está instalada.
            Nem todos pensam como nosso irmão em Cristo, Paulo , imagine os milhares de segmentos religiosos cada um indiretamente dizendo que se não for assim ou assado não estão em conformidade com Deus e daí estão condenados ao inferno.
            Se eu achar que só há salvação onde congrego por que tem que pensar como eu não estaria Sergio em lugar de Deus como Juiz?
            Nem todos que dizem Senhor, Senhor entrarão no reino de Deus! exceto os da minha congregação e mesmo assim uns poucos, na verdade o que muitos estão querendo dizer inconsciente ou conscientemente é isso.
            Paulo, a irmã de Neide! se morarem próximos, que bela oportunidade, ela não quer qualquer um e você na espera!

            A paz de Cristo.

      • Sergio Murilo disse:

        Gente, homem e mulher assinam um contrato, a partir desse momento ambos já podem morar juntos e ter sexo, afinal sem tê-los estariam na maior ” fornicação ” após alguns anos por algum motivo ou outro resolvem se separar, uma das partes encontra uma outra pessoa e deseja reconstruir sua vida, só que no seu segmento religioso alguém diz – parem! por que vocês estão no erro , podem até morar juntos, mas sem sexo.
        Pessoal, um contrato não os impediu da ” separação ” , quiseram e pronto, só que esse mesmo contrato os “impedem” de ter sexo !!!!!
        Neide, aqui não é uma crítica, mas depois de rever seu comentário estou tentando mais alguma coisa e estou incluso entre os que pensam que…… eu não diria perda de tempo, mas que se está deixando de usufruir de coisas por causa de papeis assinados.
        O que se tem de um contrato anterior ? nada, ele ainda implica em afetividade? é claro que não, ele nem foi criado por causa disso,
        Esperar que alguém desfaça coisas humanas, nesse caso não vejo necessidade
        As pessoas pensam que Deus vai ficar de leito em leito observando quem tem ou quem não tem contratos ou para quem é Católico se tem ou não um Sacramento.
        Na antiguidade os contratos eram por conveniência, e hoje é diferente?
        Você tem em mãos com esse com quem convive um contrato que só vocês dois podem fazer e desfazer que é o “contrato sentimental”, esse não precisa de intervenções.
        O bom seria não haver separação, exceto com a morte.
        O bom seria se as pessoas soubessem de antemão o que é vida a dois para não se decepcionarem depois.
        Não receba isso como uma crítica, estamos em debate e estou tentando ajudar.
        Meu desejo é a sua felicidade independente de assinaturas às vezes até de ATEUS ou de outra INSANIDADE qualquer nos impondo o que fazer, quando e como lidar com uma das nossa maior privacidade que é o sexo.
        Contratos são ruins ? claro que não, eu tenho o meu, mas penso diferente.

        A paz de Cristo.

        Responder
        • Neide gomes disse:

          Eu entendo teu ponto de vista Sérgio, vc tem seu modo de pensar e eu respeito, assim como eu também tenho o meu, se estamos certos ou errados só Deus sabe, como vc falou o que importa é a consciência, o que eu acho é que ninguém deve te dizer como tu deves viver, a gente tem o Espírito Santo que não mente nem te engana e vai te guiar direitinho no caminho que tu deves andar, o problema é que hj as pessoas preferem seguir os exemplos dos outros, do que jejuar, orar e pedir a direcção de Deus. Eu te afirmo que eu vi a opinião de muitos porque eu queria continuar minha vida normal não tinha nada a ver aceitar Jesus e precisar ir em um cartório assinar um papel se já vivíamos juntos a algum tempo, o problema é que eu não conseguia mais, então, corri pra Deus porque eu queria fazer a vontade dele, para muitos talvez a vontade dele não é essa, tenho uma amiga que continuou a vida dela normal porque o marido não é evangélico e não queria casar e na consciência dela não tinha problema, mas pra mim eu senti que não era isso que eu deveria fazer, cada caso um caso, qd eu falei da minha vida foi para mostrar que com Deus é possível, minha opinião é que as pessoas perguntem pra Deus o que vai agradar a Ele, porque na minha opinião em uma vida cristã o que interessa é a opinião e a vontade de Deus é Ele que deve te dizer a vida que convém a Ele, podem ter certeza que Ele responde e te ajuda na tua decisão. Um abraço e fique com a Paz de Cristo.

          Responder
          • Sergio Murilo disse:

            Neide, seria tão bom se não nos ditasse normas como falou, mas sabemos que as coisas não são bem assim, eu mesmo faço o maior esforço possível para evitar agir dessa maneira.
            Quando citamos consciência nem sempre digo que é Deus, também conheço pessoas evangélicas que levam um vida normal e suas consciências estão tranquila, então por que Deus influenciaria em umas e outras não? muitas coisas já são da nossa cultura, algumas observam a risca os costumes vigentes e outras nem se importam tanto, sem contar como são doutrinadas em seus segmentos.
            Se fosse por jejum e oração todos teriam o mesmo pensamento, pessoas já me disseram que eu teria que jejuar e orar mais pra Deus me mostrar e nem foi nada sobre a sexualidade humana, Deus iria me mostrar na cabeça deles que o certo é como eles fazem, pode ?
            Minha irmã, todos ou quase todos querem agradar a Deus e provavelmente perguntam qual a melhor forma, mas observe as diversidades de pensamentos que há em nosso meio, são mais de 40 mil posições divergentes e surgindo outras cada vez mais, nós mesmo temos posições diferente, pelo que eu entendi sua vida sexual só está presa por causa de um contrato, mas tem que fazer como penso ? claro que não, eu só tento explicar querendo ajudar.

            A paz de Cristo esteja em nossos corações.

  • Sergio Murilo disse:

    Paulo, sobre a contradição: quando eu respondi ao Dr Neilson desejei mostrar como era na antiguidade, mostrei que aqueles códigos nada mais são do que criações nossa, não estou dizendo que são errados, mas sim que são projetos humanos e que por ser assim passa também pelos processos evolutivos, é só comparar como eram e como é hoje.
    Quanto a Coríntios que cita: nada de errado, eu só tenho uma esposa e nunca pratiquei imoralidade alguma com ela só por que não possuía um contrato ainda.
    Sobre mães solteiras: já citei alguma coisa e ainda cito mais, acho que os pais deveriam dar uma boa educação sexual pra seus filhos, agora cá pra nós, quem nada recebeu vai passar o quê?
    No U.S.A alguns anos atrás estavam tentando educar os jovens quanto ao assunto sexo, tinha até outdoor pelas ruas, pelo menos já é um embrião, não sei se ainda continuam.
    Contratos de casamento: nem na bíblia nem nos códigos mesopotâmicos era dito como mandamento divino.
    Casar na Igreja: antes da reforma quem registrava os casais era a Católica antes disso nem Pastor havia para abençoar nada, então onde e como alguém iria casar?
    Nunca disse que se conhecendo hoje já tem que ir pra cama amanhã.
    Meu querido irmão nunca afirmei que você é feio, é só rever meu comentário, nem se preocupe que a beleza do homem humanamente falando é outra coisa, mas a melhor de todas é está em Cristo.
    Minha avó e meu tio, mãe e filho, ambos partiram sem se perdoarem só por causa de um papel assinado e um sacramento, para minha avó ou era do jeito dela ou então a mulher era qualquer coisa menos esposa, pense 30 anos juntos e ainda achar que isso não era um casamento.
    Gente, que fique bem claro, eu não sou contra quem casa com toda a formalidade possível, só que taxar do que quer que seja de fornicação um casal que escolhe diferente é um absurdo, a vida íntima é algo privado aos dois e somente isso, por que temos que ser vigilantes da moral alheia? não estou tentando justificar nada, só tento mostrar que casamento é divino sim, mas como validá-lo é invenção da nossa cultura.
    Não é um papel de cartório e nem leis de homens aqui na terra que transformam duas pessoas que se amam homem e mulher em uma só carne.
    Seria realmente bom que os dois se inaugurassem, mas quem for estudar a história perceberá que essa obrigação recai sobre a mulher, a mesma tem que esperar às vezes na maior tensão possível por um “príncipe encantado” enquanto os homens qual obrigação não está sujeito……….. a mulher tem que se entregar virgem, mas e os homens?
    Gente, casamento como dizem, nenhuma mulher suportaria isso hoje, é só estudar os costumes da época.
    Há 2000 anos atrás as coisas eram bem diferente.

    A paz pra todos.

    Responder
    • Adriano Monteiro disse:

      Sergio Murilo,
      Paz amado.
      Hoje vejo o quando Deus me curou e vem me capacitando com relação a tudo que me rodeia, com relação as “doutrinas” do mundo, ao amor de Deus para conosco, o perdão dos pecados, da salvação pela graça, das dificuldades em ser um cristão vencedor.
      Você estudou muito, aprofundou-se num tema, se encheu de bagagem intelectual para apoiar a sua opinião com relação ao tema do sexo antes do casamento. E confesso que fico impressionado a disposição e o tempo que foram investidos para você ter todos esses pontos acerca do sexo antes do casamento.
      Gostaria que você me respondesse duas perguntas?
      Você vive pelos Desejos da Alma ou do Espírito?
      E porque a sua opinião” é mais correta do que as do outros irmãos que entraram nessa celeuma?

      A palavra de Deus é Santa e Sábia, nosso raciocínio lógico e limitado está muito longe de entender os “porquês” de Deus.

      Cabe a nós a agradecer por tudo sempre! E amar uns aos outros como Ele nos ama!

      Ele respondeu: “Antes, felizes são aqueles que ouvem a palavra de Deus e lhe obedecem”. Lucas 11:28

      Por isso eu não julgo a sua opinião e nem as dos outros , (porque esse papel só cabe ao Pai).

      Mas te Amo em Deus.

      Ele respondeu: “Não sei se ele é pecador ou não. Uma coisa sei: eu era cego e agora vejo! ”

      João 9:25

      Responder
      • Sergio Murilo disse:

        Adriano, nós Cristão temos esses desejos que você cita, somos feito de carne e osso caminhando para Deus.
        Nunca disse que a minha opinião é a mais correta, só tento fazer com que haja reflexão sobre o tema.
        Lembre -se que alguns ou muitos que estão nesse debate também pensam como eu.
        Vamos supor que o tema fosse um desses, sábado, ósculo santo, saias, calças compridas, comidas ou outro qualquer, todos teriam a mesma ideia ou não teríamos outra “celeuma” ?
        Lembre-se, no nosso meio são mais de 40.000 segmentos e cada uma com suas pequenas ou exorbitantes variações, quem está certo? quem está errado? alguém poderia dizer que a ideia deles são bobagens e que a nossa é a sensata, temos esse costume, todos ou quase todos , eu faço o maior esforço pra não agir assim, estou aprendendo a não impor o que penso e o que aprendi,
        Para que não haja impasse, em qualquer debate basta só adicionar no subtítulo que opiniões desfavoráveis não são bem-vindas.
        Deixo-lhe uma pergunta e aguardo resposta,
        Pra você o que é um casamento bíblico?

        A paz de Cristo.

        Responder
      • Sergio Murilo disse:

        Adriano, revendo o que respondi não encontrei mais minha resposta, sumiu??? juro que cliquei no lugar certo, por isso estou tentando responder outra vez.
        Sobre sua pergunta: todos temos esses desejos que citou, somos de carne e osso caminhando para Deus.
        Nunca disse que a minha opinião é a correta, só tento fazer com que haja reflexão, luto comigo mesmo para não impor o que sei e o que estudei e ainda continuo estudando.
        Qualquer um pode ter a “bagagem intelectual” que comentou, basta gostar do assunto,vontade de ler, tempo e dinheiro.
        Lembre-se que no nosso meio são mais de 40.000 variações, cada uma com suas diferenças simples ou exorbitantes, quem está certo ? quem está errado? Se o tema fosse outro, por exemplo: sábado ou o domingo,calças ou saias, ósculo santo ou não. etc etc ,teríamos outra “celeuma” não acha?
        É isso meu caro irmão em Cristo, qualquer que seja o tema vai ter sempre alguns contra e outros a favor,mas para que haja uma uniformidade no assunto basta colocar em seu subtítulo que opiniões desfavoráveis não são bem-vindas.
        Responda, você gosta de ler não só a bíblia mais outros livros referente a algum tema religioso que mais te agrada? tenho um livro, mas não é sobre a sexualidade,eu até poderia te dar sem custo algum, tenho um outro sobre “a família no antigo testamento” e se me devolverem eu poderia até te dar também.
        Espero que não seja como tantos, só WhatsApp e facebook.

        A paz de Cristo, nosso salvador.

        Responder
        • Sergio Murilo disse:

          Depois que respondi um comentário do Adriano ví minha outra resposta anterior direcionada ao mesmo acima, Duas respostas quase idênticas, não entendi nada.
          Desculpem por esse deslize.

          Responder
          • Adriano Monteiro disse:

            Oi Sergio boa noite.
            Fico muito feliz em compartilhar que hoje dia 02 de outubro de 2014 foi o meu casamento.
            Por ter levado uma vida muito complicada com relacionamento totalmente dependentes de atitudes dos outros não encontrava paz n o meu coração.
            Mas Deus me deu uma esposa praticamente no dia em que eu aceitei Ele no meu coração.
            Passei por muitos sofrimentos para mudar minhas atitudes do meu eu antigo, consegui ja muitas vitórias e outros muitos problemas venho amadurecendo no senhor meu Deus.
            Acredito num padrão muito longe da nossa realidade..o padrão do homem de verdade. Um homem que não se envolve com uma mulher simplesmente para satisfação carnal, mas por querer buscar ser o melhor para uma pessoa que amamos.
            Um padrão de homem que tem uma palavra, uma honra e uma atitude acertada com relação a qualquer circunstância.
            A bíblia nos ensina pequenos atitudes para ter uma vida saudável tanto no âmbito espiritual como no natural, mas algumas atitudes parecem loucura para o mundo que vivemos… Mas sei que pode ser cumpridas.
            Gosto de ler bastante acerca de vários assuntos quanto a religião, fé e como atitudes dos homens com relação a Deus..
            Estou sempre aberto para boas conversas com relação ao carater do cristão e sua fé.
            Eu gostaria de sugerir ao autor blog que fale sobre o assunto aparência do mal que Paulo fala em 1tessalonicenses 5:22.
            Por fim… Amigos e irmãos espirituais Deus abençoa todos com uma vida alegre e cheia de luz.. Mas todo Pai sempre se alegra mais dos filhos que são mais obedientes. Buscar um vida em Deus não e difícil basta querer.
            Abaraços e boa noite.

  • tiago disse:

    So quero deixar um testemunho
    meu cunhado começou a namorar, uma jovem q era regente do grupo, os dois frequentavam a igreja, estavam bem participativos na obra do Senhor, faziam juras de amo, eram muito apaixonados, parecia ser para a vida toda, até que um dia começou a terem briguinhas, resolveram se separar, de uns dois meses, meu cunhado ficou com outra menina na igreja, q ja separou também, e agora esta com outra, vcs falam de amor, já estão casados.ah e o meu cunhado ja tem 25 anos nao é um adolescente.
    Q Deus nos abençoe

    Responder
  • LOURIVAL RICARDO disse:

    HOJE SOU UM HOMEM TEMENTE A DEUS,confio plenamente na BÍBLIA QUE É A PALAVRA DE DEUS,POR ISSO TENHO RESISTIDO A PRATICA DE SEXO ANTES DO CASAMENTO!

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Miriam, tenho conhecimento sobre o artigo que cita.
    Tive muitos questionamentos quanto ao assunto quando decidi seguir Cristo, foi daí que resolvi pesquisar, lí muito sobre todos os lados e descobri o que sempre posto nos comentários.
    Se é pra obedecer a lei dos homens, então não deve haver dúvida alguma, lembre-se que por eles fora criado a união estável, portanto ninguém tá burlando nada.
    Sobre os prejuízos que o texto cita, coitada das mulheres! o passado foi terrível,mas ainda temos resquícios.
    Essa coisa de que quem faz Teologia por ter que ler bastante fica “maluco” como citou é mais uma invenção,não fiz por falta de tempo, mas estudei um pouco, até o momento possuo 273 livros, 28 revistas e algumas Bíblias, tudo lido, estou bem de cabeça e nem óculos uso.
    Gente, minha citação acima não é para confirmar nada sobre o assunto, mas simplesmente é para aqueles que desejarem estudar não pensar que vão ficar “pirados” se tal acontecer provavelmente é por que já tinham predisposição para algum tipo de distúrbio psíquico
    Boa pergunta, por que alguns personagens bíblico aprontaram e Deus ainda era com eles?
    E eu pergunto, por que certas uniões, homem e mulher com total responsabilidades de um para com o outro só por não serem realizadas com toda formalização existente não tem a aprovação de Deus?
    Uma das corrente filosóficas que o Cristianismo sofreu influência quanto ao sexo foi o Estoicismo.
    Uma jovem daqui do debate entrou em contato comigo pelo meu e-mail, nunca ví tanto absurdo que colocaram em sua mente já arrasada por ter perdido a mãe, só por causa de um simples papel assinado, num momento de receber conforto deram mais tristezas, se ela permitisse eu postaria sua história comovente aqui no debate , vocês iam ver o absurdo que “deus” iria provocar na vida deles só por estarem convivendo sem serem autorizados pelos donos da vida alheia, achei brilhante a atitude de seu “namorado” no meio a tanta dor e sem se preocupar com nada mais não a deixou sozinha, deixou muita coisa pra trás e foi morar com ela.

    Fiquem com a paz de Cristo

    .

    Responder
    • Miriam disse:

      Interessante sua pergunta Sérgio, eu creio que o que move Deus a nos abençoar é nosso coração. Não tive ainda tanta oportunidade de estudar livros como vc estudou, mais tenho vontade, pois não quero ser enganada por homens, Deus conhece meu coração. Com relação a história que vc gostaria de contar sobre uma jovem que lhe enviou um e-mail, só o pouco que comentou, já me identifico com ela, pois meus pais são evangélicos, pastores, são completamente autoritários, religiosos, acham que Deus é um carrasco, falam tantas coisas que entristecem, confesso que estou passando um momento bem difícil, de depressão, tenho namorado que tem me ajudado e enfrentado todos esses problemas comigo, mais mesmo assim não deixei de crer em Deus e eu tenho certeza que Ele esta comigo, não é como meus pais dizem, que só o fato de não ir a igreja, não tenho Deus, claro que é bom frequentar. Mais enfim, o que vemos hoje são pessoas preocupadas em apontar o erro dos outros, colocar a mão nas feridas de outros e não olharem para si próprios.. Jesus disse, aquele que não tem pecado, atire a primeira pedra, o que vemos em certos debates são as religiões impostas por homens e não por Deus, Deus é amor, Deus é simples, um debate como esse seria simplificado se todos entendessem o amor de Deus para conosco, Ele não tem condenação, os homens sim. Quanto ao termo “loucos”, referi mais ao fato de quando passamos verdadeiramente a ter entendimento de quem é Deus, somos considerados, para minha família, eu sou louca, errada, mais sei quem é Deus e é isso que importa. Não quero por meio de estudos praticar coisas que não provem de Deus, mais sim compreender o plano dEle para minha vida e a humanidade. Acredito que vc gostaria que pelo menos algumas pessoas tivessem o mesmo entendimento que vc tem, e saber que vc é livre, as pessoas julgam o que não conhecem, são cegadas por falsas palavras, eu acredito sim na Bíblia, mais eu a estudo na nossa tradução e para algumas palavras, vou realmente buscar do hebraico ou grego.
      Sabe, o mais interessante de estudar a bíblia é saber que o segundo coração de Deus, Davi, mesmo vivendo sobre a lei, mesmo que naquela época o que fazia ele poderia morrer, ele entendeu quem era Deus e viveu na graça.

      Responder
      • Sergio Murilo disse:

        Miriam. Só por não frequentar uma Igreja Deus não está com a pessoa, o que Cristo disse quando duas ou três estiverem reunidas em seu nome? são tantas coisas no nosso mundo religioso que nem dá pra acreditar que vem de algum Cristão.
        Condenam tantas bobagens inventando o que não existe e se esquecem que tem muitas coisas na bíblia que muitos ficariam com a cara no chão.
        Amarás o teu próximo como a ti mesmo.
        Quem se preocupa com isso?

        Se eu puder ajudar conte comigo.

        A paz de Cristo

        Responder
  • leo disse:

    Não sabem nem interpretar corretamente os livros sagrados e ensinamentos e apócrifos ! No caso o livro sagrado aqui é a Bíblia! A Bíblia conta sobre uma guerra ESPIRITUAL! E como espiritualmente o mal já perde, então usam o mundo MATERIAL para confundir os seres humanos, os quais a maioria são ignorantes e não buscam a verdade! Em TODAS as religiões o verdadeiro significado e a verdadeira mensagem é a mesma: Que busquem a iluminação espiritual (coração e alma) e busquem a verdade! Quando fala de imoralidade e impureza são as ESPIRITUAIS! Uma só carne é gerar um outro ser (humano)! Deixar pai e mão quer dizer ser livre e independente! Inventaram o casamento nessa época ai para EVITAR doenças e gravidez indesejada. Pense, se há 50 anos já era conservador, há 100 anos era mais ainda, imagina nas épocas em que essas histórias bíblicas foram escritas? Raciocine, busque e aceite a verdade! Os do 4º tópico quer dizer toda a maldade e perversidade do coração e pensamento humano ( estupro, abuso sexual, orgias, zoofilia, pedofilia, prostituição ( qualquer uma, inclusive num casamento) ). Matrimônio quer dizer quando há amor e confiança entre as pessoas, ou seja, há amor de amante (carinho, respeito, paixão, desejo), e impureza e adúlteros significa a mesma explicação do 4º tópico. As religiões são uma só, e já que estamos falando da Bíblia vou falar dela… Deus, Jesus, diz para nós sermos e termos AMOR E CONFIANÇA entre TODOS NO MUNDO, NO UNIVERSO, inclusive toda a natureza, Ele diz para buscarmos a VERDADE, buscarmos a ILUMINAÇÃO ESPIRITUAL, e de que nada adiantará ir para igrejas por temor, por medo, só para ganhar o “presente” de ir para o céu, pois se não buscar e aceitar a verdade e não buscar a iluminação espiritual de nada adiantará o esforço de ir para a igreja e se privar da vida, pois isso não será sinônimo de merecer ir para o céu, paraíso.

    HAHAHA, Entendam isso.

    Tenho dó de vocês que demonizam o ato sexual, que se privam de viver, assim como se privam de serem naturais, Vou lhes dar um exemplo básico para raciocinarem.. No início da Bíblia diz que Deus não queria que o ser humano tivesse vergonha, eu particularmente não tenho, então o ser humano não fica mais nu, acha que nudez é impuro, coisa que não é, pois se fosse impuro Deus não teria lamentado isso. Não foi só o ser humano que comeu o tal fruto proibido? E os demais animais? Vocês vêem como são os demais seres vivos? Então meus caros, se o ser humano já acha um absurdo estar nu, imagina o que pensam sobre o sexo!

    A impureza está no coração e no pensamento da pessoa, e não nos atos naturais. Não adianta você ir 7 dias por semana numa igreja, se privar de várias coisas, incluindo o sexo, só que você não busca a verdade e nem a iluminação espiritual, você continuará sendo pobre de espírito.

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Sebastião, Se formos pegar a Bíblia literalmente corremos sérios riscos de nem respirar, temos que observar a cultura e época em que tudo foi escrito.
    Que visão de mundo se tinha há milênios atrás? citarei só uma:o sol realmente parou?
    Muitas autoridades no mundo antigo se declaravam como se fosse uma extensão divina, assim era crido.
    O que Hitler e tantos outros fizeram e fazem? Já que toda autoridade foi imposta por Deus, então temos que acreditar que homens sanguinários, etc, que pisaram nessa terra foi determinação Divina.
    Quando eu e minha esposa procuramos ter um registro civil não foi por causa de pecados, já que estávamos faz tempo juntos, então por que não nos registrarmos, poderíamos precisar depois, talvez fosse mais difícil provar certas coisas sem.
    Você cita Satanás para amedrontar, assim quase todos fazem criando o medo e desespero na cabecinha de ingênuos sem saber que são exigências humanas e não Divina
    Na tradição Xiita do Islã existe o tal casamento temporário, como eles são hábeis! querem ter sexo com quem deseja, e sem responsabilidade alguma assina um contrato qualquer e pronto, será se só acontece lá?
    Se pra você casamento perante Deus só tem validade depois de ter sido registrado em cartório, então você está colocando todos os seguidores de Cristo antes da invenção do mesmo como fornicadores e como tais todos estão no inferno, inclusive Maria, que cedeu seu útero para que nosso salvador viesse ao mundo.
    Gente, para o Sebastião quando Romanos foi escrito já existia cartório.
    Não é o que acho e sim o que não existe.

    Fique com a paz.

    Responder
  • Elton Pereira disse:

    Plausível, muito proveitoso. Sexo fora do laço matrimonial é pecado.. Sim.
    Sou jovem, tem 23 anos e é muito difícil viver neste tempo onde a imoralidade está na porta de casa. É muito difícil mais com a ajuda do Senhor ela não vai entrar na minha casa, o Senhor esta preparando uma linda esposa para aquele que confiam nele, Eu Escolhi Esperar e .

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Elton, Me mostraram um vídeo pelo WhatsApp, pornografia pura e eu pensei como o sexo tá tão banalizado, fugindo completamente do seu propósito, como essas redes sociais distorcem quase tudo.
    Você decidiu esperar, mas e se te for enviada uma “feia mulher” Deus só enviaria as belas??????
    Caro irmão deixe-me te dar só um conselho, você cita uma “linda esposa” se for o que eu estou pensando não vá muito pela estética, vida a dois não é só um corpinho bonitinho, vida a dois é um emaranhado de tantas coisas juntas.
    O tempo passa, as transformações chegam ,aquele corpinho também passa e quem procurou só isso talvez se frustre e daí poderá acontecer os terríveis divórcios ou descasos com quem jurou respeito e tudo mais.

    Fique com paz de Cristo.

    Responder
  • leo disse:

    Pecado aonde? Não sejam retardados ou no minimo ignorantes em pleno século 21, era da informação! HAHAHA Busquem pesquisar, estudar, pesquisar mais e mais para buscar a verdade, questionem! Eu sei que tem muitas coisas q não estão a mostra, e que o conhecimento não está a disposição de todos, mas busquem ir atrás da verdade! Vocês verão que é muito diferente do que vocês vivem! haha

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Falou, falou e não argumentou nada dentro do que está proposto no tema com base na Bíblia.

      Responder
      • leo disse:

        Já comentei logo acima antes desse último comentário já que o assunto é como a bíblia vê o sexo como pecado e algo que só deveria ser feito antes do casamento. kk

        Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Adriano, relacionamentos dependente das atitudes dos outros! que bom que reconhece que há coisas que fazemos não o que queremos e sim o que os outros querem, mas será se o que os outros querem é sempre o que desejamos?
    Concordo plenamente em não se envolver com alguém só por satisfação carnal, se for só sexo, não faça do outro um objeto de prazer, mas daí vem outra pergunta, e se o outro dar permissão para tais relações , bom isso já não é mais comigo e sim entre os envolvidos,por que não costumo me envolver ? porque o sexo tem um poder unitivo e daqui a pouco aquela relação que tanto menosprezamos pode acabar em casamento, já ví isso acontecer.
    Você casou, não foi difícil, pode ter sido caro, o difícil para muitos pode ser a manutenção do mesmo, pense: casamento não é só por um dia, pra mim é até que a morte os separe e até lá muitas águas vão rolar.
    O velho homem quer sempre nos acompanhar, se esforce para manter essa nova caminhada que você escolheu, quando se tem Deus, temos um auxílio poderoso.
    Também pense: sua esposa é a mais linda do mundo e não as outras, sei que você será assim.

    Um abraço meu irmão e fique com a paz.

    Responder
  • Toninha disse:

    Bom. nem vi quando essa matéria foi publicada mas quero dar minha opinião: se você que é cristão e conhece uma irmão que está, ao seus olhos, pecando contra Deus, o aconselhe com “Amor” e tente ajudá-lo de alguma maneira, sem critícá-lo porque Satanás sabe fazer isso muito bem e eu tenho certeza de que se esse irmão for um cristão verdadeiro ele vai estar sofrendo muito com tudo isso que está acontecendo. Sexo antes do casamento não é certo, ainda mais hoje que os relacionamentos são intolerantes e não duram por muito tempo. Hoje, se houver uma briga, as pessoas desistem e se separam. Já pensou se você pensar assim e transar com todos os namorados ou namoradas q tiver? Por outro lado existem pessoas que sabem muito bem o que estão fazendo ao se relacionarem intimamente mas , são poucas. Deus, quando aconselhou isto, ele queria segurança aos seus filhos. Ele queria uma relação estável e garantida aos seus filhos. É muito triste vc se envolver de tal forma com alguém e depois de tanta intimidade perceber que não quer se casar mais com ela. Isso é muito triste, por isso que acho bom esperar. Por outro lado, cerimonias de casamento hoje não é mais garantia de nada, conheço muitos cristãos que casaram virgens e adulteraram. Devemos nos lembrar que Deus quer sempre o melhor para todos nós então, se for possível, espere e ore bastante porque satanás sabe como essa área de nossas vidas é frágil e ele quer nos destruir. E aos críticos, cristãos verdadeiros amam ao seu próximo como a ti mesmo, que tal então levantar essa pessoa que está sofrendo tanto com essa situação? Precisamos amar mais e apontar menos, não estou dizendo para passar a mão na cabeça de ninguém, mas não descriminar e se possível, ajudar, quem sabe orando por essa pessoa, por seu relacionamento? Fico chateada quando vejo pessoas assim sendo mal tratadas pelos irmãos da sua própria igreja, que família é essa Meu Deus?

    Abraço

    Responder
  • Cleber disse:

    Eu acho esse assunto muito polêmico que separa vários casais. Quando duas pessoas se gostam ou amam, não vejo problemas. Outro ponto importante é que o sexo não pode ser promíscuo e obsceno.
    O sexo é uma manifestação natural do corpo humano junto a um beijo mais ardente e uma excitação.

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Cleber e outros que participam desse debate, o que a bíblia passa sobre a sexualidade entre homem e mulher é simplesmente uma ideia de responsabilidade o resto é pura invenção.

    Responder
  • Sergio Murilo disse:

    Não sou contra a palavra de Deus, muito pelo contrário, mas acho essa questão um pouco delicada, acredito sim que sexo antes do casamento seja pecado, porém essa é uma área de grande dificuldades hoje no meio evangélico. vivemos em uma sociedade cheia de cobranças, onde é necessário ter uma casa para morar, ter condições […]

    Concordo plenamente, inclusive, estou passando justamente por essa situação de tem que ter uma casa, sustentá -lá, um bom emprego, e etc…
    Sou empresário, tenho 23 anos, mas ainda não tenho estabilidade.
    Vou noivar esse ano em dezembro, e a única solução depois de casar, é morar de aluguel…

    Ivan Junior, a natureza humana em relação ao sexo desconhece qualquer tipo de cobranças, afinal não fazemos por medo ou porque queremos?
    Também tive esse problema só que não nos importamos com as ditas cobranças, comigo deu muito certo, não quer dizer que com outros acontecerá o mesmo.
    O que a Bíblia passa sobre sexo entre homem e mulher nada mais do que uma ideia de responsabilidade, comprometimentos, etc, e isso não se adquire com certas exigências da sociedade, casamento tá no querer dos dois e não na vontade alheia.
    Imagine, 23 anos,deve tá pegando fogo ,espero que até lá não derreta, já passei por isso caro irmão .
    Se como empresário ainda não tá nada pronto imagine os outros, mas você é muito jovem e tem tempo de sobra para conseguir o ideal e com o auxílio que temos então.
    Morar de aluguel não é uma boa opção.
    Sei que não é nada fácil sublimar os desejos.

    Responder
  • Miriam disse:

    Sergio, quando posso, vejo todos os comentários aqui e leio principalmente suas respostas, pois assim como li em alguns comentários, muitas pessoas tem mentes fechadas, outras tem mentes mais abertas, Deus dá a cada um aquilo que é merecido, acredito que não adianta debater certos assuntos com pessoas que só leem a Bíblia como um livro, tenha apenas o “logos”, muitos já leem a Bíblia de uma maneira aberta para ouvir Deus falar, que é o Rhema… Eu já estudei muito sobre vários assuntos, mais não este em específico, mais o que tenho passado ultimamente tem me feito refletir em tudo, na vida de um cristão, como deve ser? O que eu vejo aqui são julgamentos sobre julgamentos, pessoas achando que são “servos” de Deus e apontando erros, e não param para analisar se jesus estivesse no lugar deles, Ele condenaria tão prática? no mundo que vivemos hoje que muitas vezes é difícil falar o que é certo ou errado, tem pessoas que julgam dizendo que tal coisa é errado e não olham para si próprios… não praticam o amor de Deus, um amor livre… Deus em sua infinita sabedoria nos deixou um manual, que é a Bíblia, como citei, muitos a usam apenas para julgar e condenar, outros usam com revelações de Deus… o que eu quero dizer que nós procuramos julgar o erro dos outros e não vemos o nosso… é fácil falar que o sexo fora de um matrimônio “cartório” é pecado, mais se esquecem que o fato de pensar ou desejar alguém também é pecado… vejo que as pessoas querem aqui julgar, sem procurar a fundo o que a Bíblia realmente diz… as pessoas leem a tradução em português e não procuram saber a verdadeira tradução, que muitas vezes é bem diferente do que lemos, e muitas pessoas usam essa tradução equivocada para satisfazer suas necessidades, sendo elas boas ou ruins… eu acredito que antes de um pré-julgamentos, as pessoas refletissem mais em suas vidas, porque sexo antes do casamento que para muitos é pecado e roubar nem que seja 0.01 é pecado da mesma maneira, para Deus não há distinção… acredito que aqui as pessoas deveriam sim colocar o que pensam, mais não dizer ou escrever o que é o não pecado, acaso somos juízes? somos deuses? Cada um vai prestar contas com Deus, pois Deus olha a motivação do nosso coração… creio que se temos dúvidas de algo, não façamos, procure ler, estudar e não apenas seguir o que os homens dizem ou colocar versículos bíblicos na qual se refere tal coisa como pecado… para mim o maior pecado da humanidade hoje é a falta de amor, amor a Deus e ao próximo… Escrevo isso, pois estou passando por uma situação bem delicada, na qual todos os “evangélicos” viraram as costas para mim, porque julgam minha prática pecaminosa, mais o que Jesus vindo a este mundo nos ensinou? Amar a Deus sobre todas as coisas e amar ao nosso próximo como a nós mesmos… sabe, sempre sonhei em me casar, em constituir uma família, tenho esse sonho desde pequena, hoje já estou chegando aos 30 anos e vi este sonho sumir, nada daquilo que eu desejei aconteceu, não tenho aqui que relatar quem foi ou não culpado, pois todos temos uma parcela de culpas, mais por muitos fatores na família, hoje me encontro morando com meu namorado, e já ouvi ofensas de baixo escalão, ai eu pergunto novamente, onde esta o amor? Acaso foi isso que pedi? não estou eu aqui escrevendo que é pecado antes do casamento, mais eu tinha duas escolhas, ou eu me matava, ou saia de alguma maneira, nem que fosse para morar na rua, porque viver da maneira que eu estava vivendo estava me consumindo…
    Resumindo, queria que as pessoas parassem para analisar o que escrevem, pois a palavra mata, muitos aqui entram nesse site com esperança de ler coisas que dignificam e não destruam, querem tirar suas dúvidas e não veem julgamentos, independente de religião, acredito que devemos pensar em nossas ações… como escrevi, não pedi para passar por tal situação, mais ela veio… Deus é comprometido com a palavra dEle, isso eu sei, mais Deus tem visto o desejo do meu coração… eu ainda vou fazer mais estudos sobre o assunto, como o significado das palavras fornicação e adultério e peço que me indique alguns livros Sergio, até mesmo alguns sites que conheça que eu possa verificar palavras em hebraico.
    Deus abençoe a todos!

    Responder

Seu comentário é muito importante! Comente! Regra 1 - Seja respeitoso - Regra 2 - Não aprovamos comentários de anônimos - Regra 3 - Não publicaremos mais comentários que não tenham a ver com o tema do artigo - Obs.: Todos os comentários são moderados antes de serem publicados.