- Esboçando Ideias - https://www.esbocandoideias.com -

Por que Moisés não entrou na terra prometida?

Você Pergunta: Não ficou claro para mim porque Moisés não entrou na terra prometida. Só pelo fato dele bater em uma pedra Deus o puniu dessa forma tão rígida? Ou existe mais algum detalhe no texto bíblico que aponta para algo mais grave que Moisés fez? Poderia nos ajudar a entender melhor essa questão?

Caro leitor, vamos fazer juntos uma análise para entendermos claramente o que aconteceu com Moisés que não permitiu que Deus o autorizasse a entrar na tão sonhada terra prometida, sonhada por Moisés e pelo povo por mais de 40 anos enquanto andavam no deserto. Vamos entender definitivamente porque Moisés não entrou na terra prometida.

Por que Moisés não entrou na terra prometida? [1]

Por que Moisés não entrou na terra prometida?

(1) Vamos primeiro verificar o texto que relata a punição dada por Deus a Moisés. O povo estava mais uma vez murmurando, pois não havia água para beber (Números 20:2-5). Moisés e Arão vão para a porta do tabernáculo, onde a glória do Senhor se manifesta diante deles (Números 20: 6). Deus dá a ordem a Arão e Moisés sobre o que deveria ser feito por eles: “Toma o bordão, ajunta o povo, tu e Arão, teu irmão, e, diante dele, falai à rocha, e dará a sua água; assim lhe tirareis água da rocha e dareis a beber à congregação e aos seus animais” (Números 20:8). Conforme observamos, eles deveriam falar a uma determinada rocha para que dela saísse água.

Leia também: Qual a diferença entre lamentação, murmuração e oração? [2]

(2) Quando vão executar a ordem de Deus, observamos que Moisés e Arão cumprem parcialmente a ordem dada, além de não a cumprirem de um modo louvável, com a humildade e mansidão exigidas por Deus: “Moisés levantou a mão e feriu a rocha duas vezes com o seu bordão, e saíram muitas águas; e bebeu a congregação e os seus animais” (Números 20:11). Ao invés de falar à rocha, Moisés bate na rocha duas vezes de forma agressiva, raivosa. A ordem de Deus para falar à rocha tinha como objetivo exaltar e glorificar o nome do Senhor e mostrar que Ele era o autor do milagre. Quando Moisés bate na rocha raivosamente chama a atenção para si e não glorifica o nome do Senhor diante do povo. Em seguida, após a rocha dar água ao povo, Moisés e Arão são advertidos por Deus: “Mas o SENHOR disse a Moisés e a Arão: Visto que não crestes em mim, para me santificardes diante dos filhos de Israel, por isso, não fareis entrar este povo na terra que lhe dei” (Números 20:12). Esse foi o motivo pelo qual Moisés não entrou na terra prometida.

Leia também: Para Deus existe pecadinho e pecadão? [9]

(3) Podemos observar também que Moisés não se deu por satisfeito com a punição que recebeu, ele orou muito ao Senhor para que Deus mudasse de ideia e o deixasse entrar na terra prometida, porém, o Senhor já tinha decidido a questão e pediu que Moisés não mais falasse naquele assunto (Deuteronômio 3:23-29).

(4) Alguns acham injusta a decisão de Deus de não permitir a entrada de Moisés e Arão na terra prometida. Mas devemos nos lembrar que Deus trata com muito mais severidade aqueles que mais conhecem sobre Ele, aqueles a quem Ele mais se revela, pois esses conhecem muito mais sobre Ele. Isso faz com que a responsabilidade de Moisés fosse bem grande. A Bíblia diz que Deus tratava as coisas com Moisés face a face (Êxodo 33:11). Isso era um privilégio para Moisés, mas também uma grande responsabilidade. Ele falhou em um ponto em que Deus exigiu que ele não falhasse e isso foi determinante para que Deus o punisse não permitindo que entrasse na terra prometida. Por outro lado, certamente, Moisés herdou maior herança, pois quando morreu foi recebido nos braços do Deus todo poderoso a quem ele serviu de forma grandiosa durante a sua vida. Como o apóstolo Paulo bem observou, partir e estar com o Senhor também é uma grandiosa bênção, a maior de todas: “Ora, de um e outro lado, estou constrangido, tendo o desejo de partir e estar com Cristo, o que é incomparavelmente melhor” (Filipenses 1:23).