- Esboçando Ideias - https://www.esbocandoideias.com -

Como sentir a presença de Deus em minha vida?

Você Pergunta: Uma das minhas maiores frustrações é que não consigo sentir a presença de Deus em minha vida. Apesar de eu clamar, de buscar, não tenho sentido Deus. Algumas pessoas me dizem que sentem várias coisas, que choram, que se arrepiam, que até caem no chão com a grandeza da presença de Deus, mas eu não sinto nada. Isso me deixa muito triste. Será que estou buscando de forma errada? Será que tem algum pecado em minha vida? Ou Deus não me ama para me fazer senti-Lo? Pode parecer besteira minha, mas isso tem afetado muito a minha fé.

Cara leitora, li todo o seu relato e quero propor algumas reflexões bíblicas que vão te ajudar a entender essa questão de sentir a presença de Deus. Espero poder ajudá-la a melhorar essa questão que tem atrapalhado a sua fé.

Como sentir a presença de Deus em minha vida? [1]

Como sentir a presença de Deus?

(1) Em primeiro lugar é importante observarmos que Deus nos fez com sentimentos e que eles são importantes para nós. Porém, Deus também deixa claro que sentimentos são enganosos: “Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e desesperadamente corrupto; quem o conhecerá?” (Jeremias 17:9). Isso nos leva a pensar que devemos ter cuidado ao tentar basear coisas importantes da nossa vida em nossos sentimentos, pois podemos nos enganar facilmente. O fato de uma pessoa se arrepiar, chorar, cair no chão, de forma alguma pode ser um parâmetro para dizer que ela tem uma vida fervorosa com Deus.

(2) A Bíblia em nenhum lugar nos diz que sentir coisas é o sinal de que Deus está ou não conosco. Ou seja, o sentir pode até existir, mas não é ele quem determina o quão perto de Deus estamos. A Bíblia determina que aquele que faz a vontade de Deus, esse é o que está perto de Deus: “Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus” (Mateus 7:21). Com isso entendemos que quando fazemos a vontade de Deus, praticamos a Sua palavra, O buscamos de coração, ainda que não sintamos coisas extraordinárias, certamente estamos diante da presença viva de Deus em nossa vida. O que falta é focalizarmos nossos olhos no lugar certo e enxergar essa vida.

Veja também:
- Conheça Sua Bíblia de Capa a Capa (Comece aqui) [2]
- Teologia sem mensalidades (Comece aqui) [3]
- Formação de Professores Para o Ministério Infantil (Comece aqui) [4]
- Memorização Fácil da Bíblia (Comece aqui) [5]
- Método Como Ler a Bíblia E Entendê-la Mais Facilmente (Comece aqui) [6]
- Outros Materiais (Comece aqui) [7]

Leia também: 5 dicas para quem está desanimado e sem vontade de orar [8]

(3) Tem sido muito comum em algumas igrejas esse buscar do sentir a presença de Deus através dos nossos sentidos e manifestações estranhas, como pessoas caindo, pessoas rindo sem parar, pessoas pulando e fazendo uma série de coisas estranhas, sentindo uma série de coisas que, para eles, evidenciam a presença de Deus. Porém, é bem claro que essas coisas não têm nenhuma ligação com ter Deus em sua vida. Aliás, muitas delas é puro teatro e manipulações de sentimentos através de músicas e alguns tipos de técnicas de manipulação de pessoas. Vida com Deus está ligada ao exercício da fé, da obediência e de ter na vida o fruto do Espírito (Gálatas 5:22-23). É essa busca e essa prática que faz uma pessoa estar perto de Deus.

Leia também: A presença de milagres indica que uma igreja é verdadeira? [9]

(4) Assim, concluo que não devemos basear nossa vida com Deus no que sentimos. Ou seja, se sentimos poucas coisas estranhas temos uma vida com Deus fraca, se sentimos muitas coisas estranhas temos uma vida com Deus forte! Não! Vida com Deus se mede vendo nossos frutos, nossa busca por andar nos caminhos do Mestre, fazendo a vontade Dele, ainda que não sintamos nada espetacular. Essa vida firme e forte com Deus é baseada na fé e não nos sentimentos, pois são enganosos. Assim, se você quer sentir a presença de Deus de forma cada vez mais forte e viva em sua vida, faça a vontade Dele, busque-O, e sirva-O pela fé. Jesus deixou claro que quer ver frutos e não apenas sentimentos vazios na vida de Seus discípulos: Nisto é glorificado meu Pai, em que deis muito fruto; e assim vos tornareis meus discípulos” (João 15:8).