- Esboçando Ideias - https://www.esbocandoideias.com -

O que significa publicano? Aprenda o significado em nosso estudo

A palavra publicano aparece na Bíblia nos evangelhos de Mateus, Marcos e Lucas. Para compreender a aplicação que os evangelistas fazem dessa palavra, precisamos aprofundar um pouco a nossa noção a respeito de quem eram os publicanos na época bíblica e o que eles faziam.

O que significa publicano? [1]

O que é um publicano na Bíblia?

Não é de hoje que os governos estabelecidos cobram seus impostos com o objetivo de manter a máquina pública funcionando e trazer algum “benefício” à população – ou também manter a corrupção cada vez mais lucrativa. Na época de Jesus Cristo isso acontecia também. O imperador do império Romano mantinha cobradores de impostos em todo seu território, que tinham como meta cobrar a população e remeter o dinheiro ao controle do império.

O publicano era um cobrador de impostos que o império Romano escolhia entre o próprio povo judeu para cobrar seu próprio povo em nome do império. Em vários textos da Bíblia essas pessoas eram comparadas aos piores tipos de gente: “Porque, se amardes os que vos amam, que recompensa tendes? Não fazem os publicanos também o mesmo?” (Mateus 5.46). Observe como um publicano era vistos com certa negatividade.

Mas por que eles eram tão mal vistos pelos judeus?

Em primeiro lugar, as pessoas os viam como uma espécie de traidores, pois trabalhavam para o império Romano, que as dominava com violência. Em segundo lugar, temos a questão dos impostos abusivos que eram cobrados pelo império, trazendo muitas dificuldades à população e não trazendo benefícios ao povo, antes, apenas enriquecendo cada vez mais o império e seus governantes. Isso revoltava o povo trabalhador. Um último ponto ainda tem a ver com o fato de que a maioria dos publicanos eram corruptos, cobrando além do que era taxado pelo império. Com isso, muitos publicanos enriqueciam explorando seu próprio povo e atraindo o ódio deles para si.

Dois exemplos bastante famosos de publicanos da Bíblia são o apóstolo que é chamado de Levi ou também de Mateus e Zaqueu. São exemplos de publicanos que se converteram diante da mensagem de Jesus Cristo. Zaqueu, por exemplo, arrependido, promete devolver tudo aquilo que tinha roubado: “Entrementes, Zaqueu se levantou e disse ao Senhor: Senhor, resolvo dar aos pobres a metade dos meus bens; e, se nalguma coisa tenho defraudado alguém, restituo quatro vezes mais.” (Lucas 19.8). Mateus largou o trabalho de cobrador de impostos e seguiu Jesus.

Jesus foi acusado algumas vezes pelos religiosos – enciumados – por estar na presença de publicanos: “E sucedeu que, estando ele em casa, à mesa, muitos publicanos e pecadores vieram e tomaram lugares com Jesus e seus discípulos. Ora, vendo isto, os fariseus perguntavam aos discípulos: Por que come o vosso Mestre com os publicanos e pecadores?” (Mateus 9.10-11)