- Esboçando Ideias - https://www.esbocandoideias.com -

Ouvir música do mundo ou seculares é pecado?

Você Pergunta: Sou um jovem de vinte e dois anos e me converti recentemente. Confesso que algumas das músicas que ouvia antes de ser crente não convém mais eu ouvir porque realmente têm letras bem obscenas. Mas vejo algumas pessoas dizendo que não devemos ouvir nenhuma música secular, que nenhuma música que não seja a gospel deve ser ouvida. Dizem que ouvir música do mundo, que não são evangélicas, é pecado e nos traz maldições? O que isso tem de verdade realmente? Existe essa proibição?

Caro leitor, essa é uma dúvida muito comum, principalmente entre os jovens crentes. É muito comum ouvir nas igrejas a respeito de uma separação entre músicas do mundo e músicas de Deus. As pessoas fazem uma separação um tanto quanto complicada em minha opinião. Vejamos mais detalhes sobre esse assunto:

Ouvir música do mundo é pecado? [1]

É pecado o crente ouvir música do mundo ou secular?

(1) Não temos na Bíblia Sagrada uma separação entre músicas do mundo ou seculares e músicas que seriam sagradas. Essa é uma separação inventada pelos homens e até mesmo recente. É evidente que não são todas as músicas que convém ouvir, mas de nenhuma forma a Bíblia nos proíbe de ouvir músicas que não se enquadrem em um padrão criado por homens que classificaram certas músicas como sacras [2] ou gospel e outras como “não sagradas” e profanas.

(2) Músicas com letras que [não são] contrárias às verdades da Palavra de Deus podem ser ouvidas sem problema. É claro que você precisa avaliar também os ritmos, pois existem ritmos que incitam naturalmente a sensualidade e devem ser evitados. Se uma música tem uma letra digna, mas o ritmo te leva em direção ao pecado, evite-a. Se o ritmo não te leva ao erro, mas a letra é profana e pecaminosa, evite também. Precisamos aprender a sermos cristãos críticos e coerentes em nossas posições.

Veja também:
- Conheça Sua Bíblia de Capa a Capa (Comece aqui) [3]
- Teologia sem mensalidades (Comece aqui) [4]
- Formação de Professores Para o Ministério Infantil (Comece aqui) [5]
- Memorização Fácil da Bíblia (Comece aqui) [6]
- Método Como Ler a Bíblia E Entendê-la Mais Facilmente (Comece aqui) [7]
- Outros Materiais (Comece aqui) [8]

(3) Evitar ouvir uma música que [você já sabe] que não agrada a Deus, é um bem que você faz a si mesmo e ao seu relacionamento Ele. Precisamos aprender a fazer uma seleção daquilo que ouvimos, separando o que não agrada a Deus e ficando com aquilo que não O desagrada. Isso serve também para todo tipo de arte (livros, filmes, peças, televisão e também músicas gospel). Existem muitas coisas que prejudicam a nossa vida espiritual e que não nos edificam. Essas coisas devem ser rejeitadas para nossa saúde espiritual, seja música, seja filme, seja programa de tevê ou outra qualquer coisa.

(4) Existem músicas chamadas de músicas do mundo que são muito lindas (que não se enquadram no rótulo “gospel” ou evangélica”), mas que falam da natureza, do amor, de coisas boas e dignas… Qual o problema em ouvi-las? Que pecado pode haver nelas? Vários dos poemas bíblicos não falam diretamente sobre Deus, mas contém sabedoria e poesia inspiradoras que, no fim, acabam apontando para a grandeza de Deus. Não há pecado em trazê-las para dentro de nossos ouvidos.

Paulo ensina que esse tipo de separação entre coisas puras e impuras nem sempre é correta quando é feita fora do que a Palavra de Deus ensina: “Todas as coisas são puras para os puros; todavia, para os impuros e descrentes, nada é puro. Porque tanto a mente como a consciência deles estão corrompidas” (Tito 1:15)

Músicas gospel que são piores que “músicas do mundo”

(5) Outra coisa importante: As músicas ditas evangélicas ou classificadas como música gospel, também precisam passar por uma análise criteriosa, pois muitas delas têm letras totalmente contrárias ao que diz a Palavra de Deus. Não é porque é evangélica ou gospel que podemos ouvir e cantar sem problemas! Aliás, como músico cristão, posso garantir que tem muita música gospel por ai que causa muito prejuízo e ensinam heresias terríveis e que devem ser rejeitadas. Ao passo que existem músicas de autores não cristãos que têm ritmos e mensagens extremamente profundas a respeito das grandezas das coisas criadas por Deus.

Por fim, deixo a você o fabuloso conselho do apóstolo Paulo para lidarmos com essas decisões diárias sobre o que trazemos para dentro de nós e o que rejeitamos: “julgai todas as coisas, retende o que é bom; abstende-vos de toda forma de mal.” (1 Tessalonicenses 5. 21-22).