- Esboçando Ideias - https://www.esbocandoideias.com -

Bem-aventurados os espiritualmente pobres!

Série ensinos do Mestre Jesus Cristo (Por André Sanchez)

bem a venturados, humildes de espírito, Jesus Cristo, ensinos [1]

Um dos momentos mais didáticos do ensino do Mestre Jesus Cristo foi o sermão do monte. Uma coleção impressionante de ensinos direcionados para aqueles que querem servir a Deus de forma plena. Dentro de nossa série abordaremos todo o sermão do monte. Jesus inicia o sermão do monte assentando-se diante dos seus discípulos. A primeira lição que Ele dá a eles é

“Bem-aventurados os humildes de espírito, porque deles é o reino dos céus.” (Mt 5. 3)

Antes de explicarmos o ensino que Jesus passou através desse versículo é preciso relembrar o significado da palavra bem-aventurado. Já explicamos essa expressão no artigo [o que significa bem-aventurado?] [2]. De forma simplificada, bem-aventurado significa feliz, abençoado.

“Bem-aventurados os humildes de espírito”

Os humildes de espírito são aqueles que reconhecem a sua pequenez. Reconhecem que Deus é o único que pode suprir as suas carências, pois é o provedor, o Todo-Poderoso, o seu Pai. Assim, esse tipo de pessoa desenvolve uma dependência sadia do cuidado de Deus. Essa atitude faz com que os humildes de espírito estejam desprovidos de auto-exaltação, orgulho, altivez e outros pecados desse tipo, que levam o ser humano a se achar um deus, e assim, viver como orgulhosos de espírito. Muitos acham que ser dependente de quem quer que seja representa uma humilhação. Porém, Jesus desafia os seus discípulos a agirem assim e experimentarem a felicidade e a bênção de Deus.

A pregação de Jesus era o espelho daquilo que Ele viveu como homem. Jesus, sendo um ser humano, foi humilde de espírito em todo o tempo, aceitando a missão de morrer na cruz e se rebaixar, sendo Deus, ao nível humano. Além disso, Jesus foi dependente do Pai até o Seu último suspiro. Se Jesus não fosse humilde de espírito certamente teria descido da cruz e punido os que o fizeram sofrer, dentre outras coisas. Ele, porém, foi obediente, dependente de Deus.

Gosto muito da forma como a Tradução na Linguagem de Hoje apresenta este versículo: “Felizes as pessoas que sabem que são espiritualmente pobres, pois o Reino do Céu é delas.” (Mt 5. 3 – NTLH). Espiritualmente pobres é a expressão exata do que somos realmente. Assumirmos essa condição significa viver na dependência plena da ação de Deus em nossa vida. Dessa atitude emana o nosso crescimento espiritual. Não é à toa que esse é o primeiro ensino de Jesus no sermão do monte. Se alguém não reconhece a sua pobreza espiritual diante de Deus não está em condições de ser um discípulo Dele.

“porque deles é o reino dos céus.” (Mt 5. 3)

Os humildes de espírito são donos do reino dos céus, pois são filhos de Deus. Aqui na terra são os embaixadores do Senhor e do seu reino; lá nos céus tomarão posse plenamente deste reino preparado por Deus.

Você é um humilde de espírito?

Clique aqui e veja todos os artigos da Série ensinos do Mestre Jesus Cristo [9]