- Esboçando Ideias - https://www.esbocandoideias.com -

Por que com tantos movimentos em favor da paz não conseguimos alcançá-la?

Por André Sanchez

paz, príncipe da paz, violência, jesus cristo [1]É do conhecimento de todos as várias manifestações da sociedade em busca da paz. São movimentos, campanhas, marchas, protestos que visam chamar a atenção de todos para a necessidade da promoção e vivência da paz em nossa sociedade. Eu pessoalmente acho que são movimentos válidos, mas fico a me questionar: por que com tantos movimentos em favor da paz não conseguimos alcançá-la?

A resposta a essa pergunta não é simples. A meu ver o principal motivo de não alcançarmos a paz é porque a sociedade, na busca da paz, não busca o Príncipe da paz, Jesus Cristo. Como a sociedade alcançará a paz se não buscá-la na fonte? É como tentar achar água em um deserto arenoso, é como tentar colher maças de um espinheiro.

A sociedade tenta arrumar métodos para a promoção da paz, mas rejeita a fonte, não busca Nela a paz. Jesus Cristo é a fonte de toda a paz, é chamado na Bíblia de “Príncipe da paz” (Isaías 9:6). É Nele que ela habita, é através dele que a alcançamos.

Veja também:
- Conheça Sua Bíblia de Capa a Capa (Comece aqui) [2]
- Teologia sem mensalidades (Comece aqui) [3]
- Formação de Professores Para o Ministério Infantil (Comece aqui) [4]
- Memorização Fácil da Bíblia (Comece aqui) [5]
- Método Como Ler a Bíblia E Entendê-la Mais Facilmente (Comece aqui) [6]
- Outros Materiais (Comece aqui) [7]

Falando a respeito da sua morte aos seus discípulos, Jesus revelou que a paz que provém Dele é diferente da paz que o mundo tenta dar. “Deixo com vocês a paz. É a minha paz que eu lhes dou; não lhes dou a paz como o mundo a dá” (Jo 14:27 – NTLH)A paz dada pelo mundo é uma paz falsa, fingida; a paz dada por Cristo é verdadeira, plena, suficiente. Infelizmente grande parte da sociedade não quer pagar o preço para ter a paz de Jesus. A sociedade não quer vê-Lo como o Príncipe da paz, não quer se curvar ao Seu senhorio, não quer seguir à Sua palavra, prova disso é que não O busca como a fonte da paz que almeja.

Assim seguimos com manifestações, marchas, campanhas, protestos; mas sem Jesus, protestaremos pelo resto de nossas vidas e não conseguiremos alcançar a paz verdadeira que provêm somente Dele. O que alcançaremos com nossas manifestações será, no máximo, um tipo de placebo.

A nação de Israel no passado também buscava a paz que buscamos hoje. Deus lamentou pela boca do profeta Isaías o fracasso deles, pois buscavam de outra fonte, não a buscavam em Deus. “Assim diz o Senhor, o seu redentor, o Santo de Israel: “Eu sou o Senhor, o seu Deus, que lhe ensina o que é melhor para você, que o dirige no caminho em que você deve ir. Se tão-somente você tivesse prestado atenção às minhas ordens, sua paz seria como um rio, sua retidão, como as ondas do mar.” (Is 48:17-18 – NVI)

É uma escolha pessoal e também comunitária: Onde buscaremos a paz que tanto almejamos?