- Esboçando Ideias - https://www.esbocandoideias.com -

Você sabe conjugar o verbo dar?

[1]

Por André Sanchez
Receber: Eis uma palavra que a maioria das pessoas gostam; eis um verbo que as pessoas gostam de conjugar em seu favor, principalmente uma boa parte dos religiosos, afinal, o potencial de Deus para dar é infinito, logo, o potencial que eu tenho para receber também é.


Muitos estão iludidos com o receber. Isto porque, o receber fabrica em nós mais “necessidades” do que realmente temos. Inventamos coisas que “precisamos” receber de Deus, com o propósito de saciar a nossa insaciável carnalidade e egoísmo.

Não bastasse ter um carro, vejo alguns indo até a TV fazer propósitos para receber de Deus mais um carro, mais dois, mais três, mais quatro…
Não bastasse ter uma casa, vejo muitos testemunhando sobre os seus propósitos de receber de Deus mais uma casa na praia, uma no campo, uma na montanha, uma deserto…

Não bastasse ganhar mil, vejo muitos na ânsia de receber de Deus dois mil, três mil, cinco mil, dez mil…

Não duvido da abundância que Deus pode proporcionar, mas questiono os que só conhecem e conjugam o verbo receber.
Que tal fazer um propósito para dar? Não digo dar dinheiro para o apóstolo A ou B, ou para a igreja C ou D, mas dar-se a questões importantes com tempo, energia, bens, disposição, e investir-se totalmente nelas, alguém topa?

Nunca vi na TV um testemunho de alguém que queria dar [repito: não é dar dinheiro para a igreja, mas doar-se ao próximo, a questões importantes, investir energia, tempo, etc.]. Nunca vi isto acontecer! Você já viu?

Muitas  pessoas conjugam o verbo receber de olhos fechados, mas o verbo dar é quase um desconhecido.

A Bíblia é enfática nessa questão: Não há problema em pedir e buscar receber as coisas de Deus, mas é preciso saber que Deus não se agrada de pessoas que apenas querem receber e que são egoístas, avarentas, injustas e que amam o dinheiro:
“Tenho-vos mostrado em tudo que, trabalhando assim, é mister socorrer os necessitados e recordar as palavras do próprio Senhor Jesus: Mais bem-aventurado é dar que receber. (At 20. 35)
“Porque o amor do dinheiro é raiz de todos os males; e alguns, nessa cobiça, se desviaram da fé e a si mesmos se atormentaram com muitas dores.” (1 Tm 6:10)
Se, na visão de Deus, é melhor dar do que receber, por que as pessoas se esforçam tão pouco em dar, mas se propõe a qualquer sacrifício para receber?