A presença de milagres indica que uma igreja é verdadeira?

Postado por em: Diabo

Por André Sanchez

milagres, igreja, falsos profetas, falsos mestresNossa, naquela igreja tem milagres! Deus está ali! Esta é uma frase dita por muitas pessoas que, fascinadas pelos milagres, os usam como referência máxima de que a mão de Deus está no lugar em que os supostos milagres estão.

O fato de uma igreja mostrar o acontecimento de milagres em seu templo prova que ela é uma igreja verdadeira e que seus líderes são verdadeiros servos de Deus?

A resposta é um sonoro não! Isso porque milagres não são referenciais absolutos de que uma igreja prega o verdadeiro Evangelho de Cristo (lembremos que há relatos de milagres em todas as religiões, até nas falsas). Por isso, milagres é um referencial um tanto perigoso, principalmente porque milagres podem ser manipulados.

Milagres manipulados pelo ser humano

Que o ser humano pode usar da arte do teatro para enganar, ninguém discute. Ao adentrar algumas igrejas, ninguém sabe o que se passa por detrás dos cultos. Eu mesmo conheço histórias de pessoas que foram pagas para simular “milagres” em cultos. E de outras que são sugestionadas ou quase hipnotizadas pelo ambiente e habilidade de alguns líderes. A ânsia pelos templos lotados, pelas ofertas e pelo poder tem feito líderes apelarem a certas “mentirinhas” para manter o povo cheio de “fé”. Os milagres, em nossa cultura, são garantia de igreja e cofres cheios, concorda?

Milagres manipulados pelo diabo

Interessante notar que a Bíblia está cheia de advertências nos alertando para ficarmos espertos com sinais e prodígios (dos quais podemos incluir os milagres).

“porque surgirão falsos cristos e falsos profetas operando grandes sinais e prodígios para enganar, se possível, os próprios eleitos.” (Mt 24. 24).

“Ora, o aparecimento do iníquo é segundo a eficácia de Satanás, com todo poder, e sinais, e prodígios da mentira” (2Ts 2. 9).

“Exerce toda a autoridade da primeira besta na sua presença. Faz com que a terra e os seus habitantes adorem a primeira besta, cuja ferida mortal fora curada. Também opera grandes sinais, de maneira que até fogo do céu faz descer à terra, diante dos homens.” (Ap 13. 12-13)

“E não é de admirar, porque o próprio Satanás se transforma em anjo de luz. Não é muito, pois, que os seus próprios ministros se transformem em ministros de justiça; e o fim deles será conforme as suas obras.” (2Co 11. 14-15)

Ou seja: Sinais e prodígios não são indicadores absolutos de que os que os fazem são de Deus. Pode ser tudo manipulação do mal. Nos textos acima vemos claramente o poder de engano do mal. E onde esse mal irá operar seus enganos? Em algumas igrejas! É lá que ele buscará enganar. É lá que ele fará seus milagres de mentira. É o joio crescendo e tomando seu espaço!

É evidente que não estou negando que haja sinais e prodígios vindos de Deus e feitos através de servos verdadeiros, pois eles existem, e fazem parte da obra de Deus. O que precisa ficar claro é que sinais e prodígios não são os referenciais que provam que algo é de Deus ou não.

Mas qual é o referencial, então?

O referencial é a Bíblia. A igreja verdadeira é apoiada na Palavra. Sendo assim, os cultos são centralizados e apoiados na exposição da Palavra de Deus e na pessoa de Jesus Cristo, que é o centro da Bíblia, e não em milagres ou qualquer outro sinal visível de poder. Assim, devemos avaliar o todo: A tal igreja prega corretamente a Bíblia? Tem tempo suficiente em seus cultos para a exposição da Palavra? Prega heresias como a teologia da prosperidade e o culto aos milagres? Prega doutrinas estranhas que não se enquadram no que a Bíblia diz? Tem ênfase em Jesus Cristo ou nos sinais que fazem seus líderes?

Todas essas questões nos ajudam a avaliar, olhando muito além dos milagres, se uma igreja está verdadeiramente pregando e vivendo a vontade de Deus, ou é palco da manifestação da falsidade enganadora do mal.

Deixo para finalizar uma palavra do apóstolo Paulo, que diz acertadamente: “Mas, ainda que nós ou mesmo um anjo vindo do céu vos pregue evangelho que vá além do que vos temos pregado, seja anátema (amaldiçoado).” (Gl 1. 08)

Fiquemos alerta! Os milagres existem, mas nem todos são o que parecem ser!

   

Gostou desse artigo? Receba novas postagens em seu e-mail!

Comente usando seu Facebook ou use o sistema de comentários normal no fim da página

14 comentários

  • Guiomar Soares disse:

    Deus concede o milagre de maneira respeitada mais não cm deboxe usando seu nome em vao

    Responder
    • Marcelo Matias disse:

      Mas o post de André não há nenhum deboche do nome de Deus… O que evidencia uma Igreja verdade não são os supostos milagres… Mas a presença de Cristo… Que pode optar em não fazê-los…

      Responder
  • guiomar soares ferreira disse:

    gnte uma igreja é verdadeira, quando existe coisas verdadeiras, respeito, pastores que pregam a palavra de Deus com sinseridade, com amor no coração, mais para que ella seja verdadeira tem que ter Pastor de verdade. Outra coisa, não é em todas as pessoas que um milagre é e pode ser realizado. Um milagre pode ser realizdo por Deus e não por qualquer um, Por favor gente não fique usando o nome de Deus em vão, porque aí é que não é milagre mesmo, e sim obra do satanás. Não use o noe de Deus para realizar coisas de satanás. Todos sabem para onde vai aqueles que trabalham para o satanás.

    Responder
  • Paulo Lavrille Waineraich disse:

    Neste tema estão todos os Católicos Romanos e os demais pregadores dizimistas e não observadores do sábado que é o sinal perpétuo da vida eterna (antes do pecado Adâmico) e por tudo as Dez Palavras – Assêret Hadibrot…o evangelho do Reino dos Céus…qual mais é verdadeiro, qual mais Jesus pregou e vivenciou? Seriam os ídolos católicos, a doutrina da prosperidade do Pentecostais, dos Assembleianos, etc…

    A mentira está a porta…se possível fosse enganariam até os escolhidos…

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Bom, você misturou um pouco as coisas. Guardar o sábado não é sinal perpétuo da vida eterna. Onde está isso na Bíblia? Não entendi bem seu comentário.

      Abs!

      Responder
    • MATIAS disse:

      Que isso hein amigo, da onde tirou essas conclusões? Da Bíblia não foi! Da onde que guardar o sábado é um sinal perpétuo da vida eterna? Nossa, que confusão!

      Responder
      • Wellington disse:

        Realmente está escrito:

        Entre mim e os filhos de Israel será ele um sinal para sempre; porque em seis dias fez o Senhor o céu e a terra, e ao sétimo dia descansou, e achou refrigério.
        Êxodo 31:17

        Ezequiel 20:12 (ARC)
        E também lhes dei os meus sábados, para que servissem de sinal entre mim e eles, para que soubessem que eu sou o Senhor que os santifica.

        e para quem acha que era só para Israel: Leia Isaias 56:1-7
        https://www.youversion.com/pt-BR/notes/8799091

        Responder
        • Edmilson da Silva disse:

          Isaías 56
          Assim diz o SENHOR: Guardai o juízo, e fazei justiça, porque a minha salvação está prestes a vir, e a minha justiça, para se manifestar.
          Bem-aventurado o homem que fizer isto, e o filho do homem que lançar mão disto; que se guarda de profanar o sábado, e guarda a sua mão de fazer algum mal.
          E não fale o filho do estrangeiro, que se houver unido ao SENHOR, dizendo: Certamente o SENHOR me separará do seu povo; nem tampouco diga o eunuco: Eis que sou uma árvore seca.
          Porque assim diz o SENHOR a respeito dos eunucos, que guardam os meus sábados, e escolhem aquilo em que eu me agrado, e abraçam a minha aliança:
          Também lhes darei na minha casa e dentro dos meus muros um lugar e um nome, melhor do que o de filhos e filhas; um nome eterno darei a cada um deles, que nunca se apagará.
          E aos filhos dos estrangeiros, que se unirem ao SENHOR, para o servirem, e para amarem o nome do SENHOR, e para serem seus servos, todos os que guardarem o sábado, não o profanando, e os que abraçarem a minha aliança,
          Também os levarei ao meu santo monte, e os alegrarei na minha casa de oração; os seus holocaustos e os seus sacrifícios serão aceitos no meu altar; porque a minha casa será chamada casa de oração para todos os povos.

          Wellington, o trecho que você mencionou, primeiramente fala sim ao povo de Israel, quem é o estrangeiro mencionado, senão todo aquele que não era israelita?
          Hoje não existe mais estrangeiro pra Deus, todos que tem Jesus como Senhor são filhos de Deus, e Deus não chama um filho de estrangeiro.
          Jesus mandou seus discípulos colherem espigas no sábado, nem por isso ele profanou o sábado, ou você acha que o próprio filho de Deus profanaria algo do Pai?

          abraços.

          Responder
    • Edmilson da Silva disse:

      Paulo, Jesus é o Senhor do sábado, e o sábado foi feito por causa do homem e não o homem foi feito por causa do sábado.
      O único sinal perpétuo de vida eterna é crer em Jesus, entregar sua vida á Ele, seguir seus mandamentos, amar á Deus sobre todas as coisas e ao próximo como á sí mesmo.
      Sem isso, guardar o sábado é mera religiosidade, sem utilidade nenhuma.

      Jesus te ama e muito!

      Responder
  • anita disse:

    gostei muito principalmente porque infelizmente ,existem muitas igrejas , fazendo isso, em vez de pregar a verdade , a palavra de DEUS .Simplesmente esquecem do objetivo que é o nosso senhor e salvador JESUS CRISTO!

    Responder
  • MARIO SERGIO disse:

    Com certeza só DEUS pode operar tais maravilhas.

    Operando grandes sinais e prodígios para enganar, se possível, os próprios eleitos
    NUNCA VAI ACONTECER ISSO , ACONTECE SIM APENAS TEATRO DE ALGUMAS IGREJAS PRA ILUDIR O POVO MAIS TEM PRAZO DE VALIDADE

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Mário, isso acontecerá sim. As profecias de Jesus e dos apóstolos sobre o fim dos tempos indicam claramente que os falsos mestres vão fazer a festa em muitas igrejas.

      Responder
  • Leonarth disse:

    No princípio foi falado de milagres , não de sábados … Os cegos porque não querem ver

    Responder
  • Tarcísio Assis disse:

    Pode ser que os milagres não sejam sinais de operação divina, mas não existe igr
    eja verdadeira sem milagres.

    Responder

Seu comentário é muito importante! Comente! Regra 1 - Seja respeitoso - Regra 2 - Não aprovamos comentários de anônimos - Regra 3 - Não publicaremos mais comentários que não tenham a ver com o tema do artigo - Obs.: Todos os comentários são moderados antes de serem publicados.