O que significa hebreus, israelitas e judeus?

Postado por em: O que significa isso?

Por André Sanchez
Série o que significa isso?
hebreus, israelitas, judeus, significado, explicação, bíbliaEssas três palavras confundem muitos estudantes da Bíblia, principalmente aqueles que estão iniciando. Na verdade os três termos correspondem ao mesmo povo. Hebreus, israelitas e judeus são nomes dados ao povo que na Bíblia é descrito como povo “escolhido de Deus”. Alguns homens que conhecemos bastante fizeram parte desse povo: Abraão, Moisés, Davi e até Jesus. Bom, vamos então explicar com um pouco mais de detalhes cada uma das expressões:

Hebreus: É uma designação que se aplica a Abraão e seus descendentes. Abraão foi quem deu início a esse povo. A primeira pessoa a ser chamada de hebreu na Bíblia foi Abraão. “Porém veio um, que escapara, e o contou a Abrão, o hebreu…” (Gn 14. 13).Até o momento em que Deus mudou o nome de Jacó, filho de Isaque, esse povo (ainda pequeno) era chamado de hebreus.

Dica: Invista em você: 10 motivos para fazer um curso à distância (EAD), clique aqui

Israelitas: Após o encontro de Jacó, filho de Isaque, com Deus, Este lhe mudou o nome para Israel, e a partir daí esse povo também começou a ser chamado de israelitas. Isso se deu com os descendentes dos 12 filhos de Israel (Jacó), que geraram as famosas 12 tribos de Israel. Até aqui existem dois nomes para o mesmo povo (hebreus e israelitas).

Judeus:Muito tempo se passou e depois que o povo (hebreu/israelita) voltou do cativeiro, a maioria dos que voltaram era da tribo de Judá, e ficou corrente chamar esse povo de judeus. O termo “judeus” também é usado para designar os seguidores do judaísmo.

Hoje, os descendentes que ainda restam desse povo são comumente chamados de judeus. Os nomes hebreus e israelitas são pouco usados em nosso tempo.

Aprenda outros significados interessantes:

Clique aqui e veja todos os artigos da série o que significa isso?

33 comentários

  • Daniel disse:

    Parece que os levitas tem seus representantes também. quem tem sobrenome cohen, que significa sacerdote, parece que é levita, pois eles serviam no templo.

    Responder
  • Daniel disse:

    to querendo fazer um post sobre cultura e história judaica, tem um monte de aproveitadores por aí contando histórias para se promover entre os evangélicos.

    Responder
  • Pra Rejane Sampaio disse:

    Convido meus irmãos e irmãs a estudar a palavra de Deus e este site tem temas que vão esclarecer as suas dúvidas.

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Obrigado, Rejane!!

      Abs!

      Responder
  • Jaqueline Andressa disse:

    adorei estudar nesse site, é muito interessante

    Responder
  • Elenilda Leal disse:

    Muito bom e esclarecedor esse site, fácil de entender. Que Deus abençoe!

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Obrigado, Elenilda!

      Responder
      • Faby disse:

        uma pergunta o homem é a criatura mais importante pra Deus?

        Responder
        • André Sanchez disse:

          Faby, sim, o homem é a coroa da criação de Deus.

          Responder
          • Faby disse:

            Obrigada

  • Bruna disse:

    Gostei dessa explicação, necessitava para a pesquisa de Geografia.
    Obrigada.

    Responder
  • ALINY COSTA disse:

    Agora ficou mais claro compreender. Amei essa explicação. foi bem objetiva. Muito obrigada por nos ensinar mais da Palavra de Deus.

    Responder
  • Munike Moura disse:

    Achei um blog com tudo oque eu queria, pois desejo aprender mais a cerca
    da palavra de Deus, mais é difícil achar estudos com explicações de coisas
    que para muitos não precisa se explicar, como esta por exemplo ha estudiosos
    que acham que os evangélicos ja nasceram sabendo sobre os povos, divisões,
    enfim… Eles partem logo para o final da historia e quem não sabe o inicio que
    pesquise rsssssss’ Mto Grata!!! Ficarei mto por aki!!! A paz

    Responder
    • Romildo disse:

      olá irmão André,EXPLIQUE se possível for? porque as Denominações chamadas igrejas,casa de deus. ainda vivem de costumes da LEI JUDAICA como: Dízimos,ofertas entre outras, o apóstolo Saulo afirma que; O sacrifício na Cruz, Extinguiu estas Ordenancias e Preceitos e conceitos como chamam alguns teólogos. têm algo errado AI! Obrigado.

      Responder
      • André Sanchez disse:

        Romildo, nem tudo o que está no AT deixou de ser válido no NT. Concordo que algumas igrejas tem voltado à Lei cometendo abusos. Mas vários elementos bíblicos permaneceram.

        Responder
  • luiz carlos dos reis disse:

    Muito bom ..!!!!

    Responder
  • JOAO_CARLOS disse:

    Interessante, hj conhdci uma pessoa que se intitula israelita e não sabia exatamente qual era a “diferença”.

    Responder
  • Manoel Estevao Lopes disse:

    A bíblia diz que o reino de Israel, que era formado por doze tribos foi dividido em dois: Benjamim e Judá formaram um Reino, e Israel ficou com as outras dez tribos, assim ficaram conhecidos como Judá e Israel, porém após a dispersão todos ficaram conhecidos como povo Judeu. Em 1948 foi Criado o Estado de Israel, assim, Judeus e Israelitas se uniram novamente como uma só Nação, como são conhecidos nos dias de hoje. Na verdade Todos judeus são Israelitas, mas nem todos Israelitas são Judeus.

    Responder
  • Eduardo Nogueira Filho disse:

    André,seria possível você tirar uma dúvida,o pastor falou sobre a vinda do Messias,para isto ele tem que ser descendente paterno do Rei David e do Rei Salomão,porque a genealogia da Bíblia só é de Pai para Filho,e eu não vejo evidências que Jesus tenha estes requisitos para ser o Messias.

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Eduardo, dê uma olhada em At 13.22-23

      Responder
  • Jonas Harzer disse:

    Romildo, essa é uma ótima questão, portanto, ela gera muita polêmica, mas observe o que diz a palavra (Bíblia Sagrada) no texto indicado abaixo: “Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que dizimais a hortelã, o endro e o cominho, e desprezais o mais importante da lei, o juízo, a misericórdia e a fé; deveis, porém, fazer estas coisas, e não omitir aquelas.” Mateus 23:23
    Jesus advertiu ao povo para praticarem as novas sem deixar de fazer algumas ordenanças da Lei… Observe o que diz o seguinte texto: “Não cuideis que vim destruir a lei ou os profetas: não vim ab-rogar, mas cumprir.” Mateus 5:17
    O Novo testamento não quer dizer que não devemos cumprir a Lei, mas sim que, não estamos mais condenados por causa da Lei pela Graça de Cristo Jesus!
    Obs.: é apenas minha opinião com parâmetros bíblicos. Todos possuem o direito de concordar ou discordar.
    Deus os abençoe. Grande Abraço Romildo e André!

    Responder
    • Adão disse:

      Porque, mudando-se o sacerdócio, necessariamente se faz também mudança da lei. Hebreus 7:12
      O Messias era da tribo de Judá, portanto não podia ministrar no Templo, pois somente levitas podiam trabalhar no Templo, e os sacerdotes além de ser da tribo de Levi tinham de ser da linhagem de Arão. Logo a lei foi mudada, não extinta. O Messias na forma de Cordeiro Santo que tira o pecado do mundo, não podia ter defeito, logo tinha que cumprir a lei. O Messias como sacerdote não podia ministrar no Templo Celestial, pois a lei não permitia.
      Um novo mandamento vos dou: Que vos ameis uns aos outros; como eu vos amei a vós, que também vós uns aos outros vos ameis. João 13:34
      A lei hoje é o Amor. Quem não ama está morto.
      O amor não faz mal ao próximo. De sorte que o cumprimento da lei é o amor.
      Romanos 13:10

      Responder
  • Maria José disse:

    você cre que a volta de Jesus se dá em uma ou duas vezes

    Responder
    • Adão disse:

      A última semana de Daniel começará com o Cordeiro buscando sua igreja (A noiva do Cordeiro), esse fato conhecido como arrebatamento, onde o Messias vem nos ares, nas nuvens, Ele não volta, somente chama e leva sua noiva. Sete anos depois, no final da última semana, quando o povo escolhido, for cercado pelo líder mundial do mal, o Messias voltará, livrará seu povo e reinará por mil anos, no Trono de Davi.

      Responder
      • André Sanchez disse:

        Adão, mais duas voltas de Cristo não são compatíveis com o relato bíblico

        Responder
        • Adão disse:

          Irmão, no arrebatamento o Cordeiro não volta a Terra. (Depois nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor. 1 Tessalonicenses 4:17). Sempre com o Pai, quer dizer; a semana que começa com o arrebatamento de sete anos, os mil anos onde o Messias(Cordeiro) descendente de Davi reina com os Judeus, estes mil anos começa com a volta do Messias. que também marca o fim desta semana de sete anos; e no fim dos mil anos acontecerá o grande julgamento e depois a eternidade.
          Está confuso? talvez minhas palavras não são claras, mas leia a parábola do Rei que resolveu celebrar as bodas do seu filho(arrebatamento) em Mateus 22, lá fala dos convidados que não eram dignos (Israel), dos que foram chamados pelas esquinas (Igreja), e também fala da Ceia das bodas do Cordeiro( A volta do Messias), dois eventos distintos, citados também em Ap 19:7-9.

          Responder
          • André Sanchez disse:

            Adão, não estou confuso. Apenas não concordo com essa interpretação. Os eventos da segunda vinda serão sucessivos.

  • Samuel disse:

    Paz André, tem uma dúvida que não me sai da cabeça, porque Jesus não dormiu uma noite sequer em Jerusalém???algum motivo específico????

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Samuel, sinceramente não sei

      Responder
  • ALANE MEDEIROS disse:

    OLA ANDRÉ. A PAZ SEJA CONTIGO,O POVO JUDEU SÃO DESCENDENTES DE ESAÚ, OU SEJA OS EDOMITAS PORTANTO NÃO SÃO OS JUDEUS O POVO ESCOLHIDO,NO LIVRO DE ESTHER TEM VARIAS CITAÇOES SOBRE QEM É OS JUDEUS E QAL A SUA VERDADEIRA IDENTIDADE ELES ROUBARAM A IDENTIDADE DO POVO ISRAELITA , PASSANGENS EM EZEQUIEL , E DANIEL SE ENCONTRA SOBRE ESTE ASSUNTO,A ESCRITURA SAGRADA É CLARA NESTA AFIRMAÇÃO, UM ABRAÇO A TODOS

    Responder
  • Aurelino disse:

    Aurelino.
    Meus queridos irmãos em Cristo que a paz esteja com todos.
    gostei do Blog Blogs. umas questões me a chamou atenção, a respeito ai da volta de Cristo
    sobre a semana de sete anos,gostaria de apontar algumas dicas.sobre os sete anos
    que observassem que esses setes anos já se cumpriu no batismo de Cristo e três anos e meio em seu ministério reveja as profecias do santuário, porque se perdemos o foco da maior profecia a respeito do messias estamos perdidos no tempo reveja com carinho um abraço. [email protected]

    Responder
  • Aparecida disse:

    gostei muito do site Parabéns!! Andre Sanches eu estou estudando sobre o povo judeu.

    Responder
    • André Sanchez disse:

      Obrigado, Aparecida

      Responder

Seu comentário é muito importante! Comente! Regra 1 - Seja respeitoso. Regra 2- Não aprovamos comentários de anônimos. Obs.: Todos os comentários são moderados antes de serem publicados.